Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3115
Tipo do documento: Dissertação
Title: Diversidade sexual no espaço escolar: concepções, percepções e práticas de adolescentes em escola pública urbana do Sudoeste do Paraná
Other Titles: Sexual diversity at school: adolescents conceptions, perceptions and practices in an urban public school in Southwestern of Paraná
Autor: Roza, Rosangela da 
Primeiro orientador: Almeida, Benedita de
Primeiro coorientador: Maio, Eliane Rose
Primeiro membro da banca: Almeida, Benedita de
Segundo membro da banca: Benedetti, Andrea Regina de Morais
Terceiro membro da banca: Ghedini, Cecilia Maria
Quarto membro da banca: Figueiró, Mary Neide Damico
Resumo: Esta pesquisa analisa a diversidade sexual no espaço escolar, temática emergente na atualidade, haja vista que este contexto é apontado como o 3º lugar de discriminação contra homossexuais, vencido somente pelo familiar e pelo de amigos/as e vizinhos/as. Realizada em 2016-2017, teve o objetivo de identificar e analisar as percepções, concepções e práticas dos/as adolescentes de Ensino Médio, de uma escola pública urbana do Sudoeste do Paraná, acerca da diversidade sexual e dos direitos sexuais como direitos humanos e fundamentais. Ancorada no referencial teórico-metodológico do materialismo histórico-dialético, analisou a questão a partir de um olhar crítico e reflexivo, com vistas a compreender o conceito de sexualidade e de diversidade sexual, para identificar as representações dos/as adolescentes, apreender a realidade social em que o objeto estava imerso e fundamentar sua análise, numa perspectiva de totalidade e consideração de suas múltiplas relações. Trata-se de pesquisa qualitativa de cunho etnográfico, com questionários (a 93 adolescentes, com idade entre 16 e 18 anos) e grupos focais (25 adolescentes, dos/as participantes do questionário), como instrumentos de coleta de dados. Os/As adolescentes participaram de cinco encontros em dois grupos focais semanais, correspondentes a quinze horas de debates. Nos grupos, foi incentivada a discussão de ideias, em um exercício constante de fala e escuta, e buscou-se aprofundar o tratamento das questões do questionário. A análise dos dados foi desenvolvida em todo o processo de interação com os/as participantes da pesquisa e com seu meio de inserção. Os resultados da pesquisa evidenciaram desconhecimento e confusão dos/as participantes sobre as questões relacionadas à diversidade sexual; existência de preconceito e discriminação no contexto escolar; predomínio do tratamento de questões da sexualidade e diversidade sexual, pelos/as professores/as, sob uma abordagem acrítica, normativa, moralista e/ou de cunho religioso, com ênfase na dimensão biológica, de reprodução, saúde e na violência sexual; o predomínio de abordagem das temáticas referentes à sexualidade de modo indireto e não intencional, nas disciplinas, apontando um espaço lacunoso para atuação da escola no trabalho de educação sexual, com vistas ao reconhecimento e ao respeito à diversidade sexual e aos direitos sexuais, com base na legislação vigente. Evidenciaram, também, imperativos da formação de professores/as e algumas possibilidades de caminhos a serem trilhados, na perspectiva de avançar na direção da necessária atuação da escola; e o potencial do grupo focal, para promover o conhecimento e a reflexão crítica sobre a diversidade sexual para prosseguir com o diálogo, na formação de alunos/as e de professores/as. Tal procedimento mostrou que a ausência da imposição de uma ideologia determinada é valiosa para que todos/as se sintam acolhidos/as no debate e ativos/as na construção do conhecimento. Na luta contra a hegemonia da lógica heteronormativa, a educação é um caminho para a formação ética dos/as jovens e para a possibilidade de o conhecimento ser apreendido e vivido com sentido, num processo em que a ação seja seguida da reflexão, em um movimento dialético e contínuo.
Abstract: This research analyzes the sexual diversity in the school space, emerging thematic in the present time, given that it is the context that has been designated as the 3rd place of discrimination against homosexuals, overcome only by the family and by friends and neighbors. Held in 2016-2017, the objective was to identify and analyze the perceptions, conceptions and practices of the high school adolescents of an urban public school in southwestern Paraná on sexual diversity and sexual rights as human and fundamental rights. Anchored in the theoretical-methodological framework of historical-dialectical materialism, it analyzed the question from a critical and reflexive perspective, with the purpose of understanding the concept of sexuality and sexual diversity, to identify the representations of adolescents, to apprehend social reality in which the object was immersed and to substantiate its analysis, in a perspective of totality and consideration of its multiple relations. This is a qualitative research of an ethnographic nature, with questionnaires (93 adolescents, aged between 16 and 18 years) and focus groups (25, of the participants of the questionnaire), as data collection tools. Adolescents participated in five meetings in two weekly focus groups, corresponding to fifteen hours of debates. In the groups, the discussion of ideas was encouraged, in a constant exercise of speaking and listening, and it was sought to deepen the treatment of the questions of the questionnaire. The data analysis was developed throughout the interaction process with the research participants and with the environment in which they were inserted. The research results evidenced the lack of knowledge and the confusion of the subjects on issues related to sexual diversity; the existence of prejudice and discrimination in context; the predominance of the treatment of questions of sexuality and sexual diversity by the teachers under an uncritical, normative, moralistic and /or religious approach, with emphasis on the biological, reproduction, health and sexual violence dimensions; the prevalence of approaching sexuality issues indirectly and unintentionally in the disciplines, pointing to a lack of space for the school to act in sex education work, with a view to recognizing and respecting sexual diversity and sexual rights, based on current legislation; evidenced imperatives of teacher education and some possibilities of paths to be followed, with the aim of moving towards the necessary performance of the school; and the potential of the focus group to promote knowledge and critical reflection on sexual diversity in order to pursue dialogue and students and teacher formation. This procedure has shown that the absence of the imposition of a given ideology is valuable for everyone to feel welcomed in the debate and active in the construction of knowledge. In the struggle against the hegemony of heteronormative logic, education is a way for the ethical formation of young people and for the possibility of knowledge being apprehended and lived meaningfully, in a process in which action is followed by reflection, in a dialectical and continuous movement.
Keywords: Sexualidade
Diversidade sexual no espaço escolar
Educação sexual
Adolescência
Formação de professores/as
Sexuality
Sexual diversity in school space
Sexual education
Adolescence
Teacher education
CNPq areas: EDUCACAO::ORIENTACAO E ACONSELHAMENTO
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Campun: Francisco Beltrão
Citation: ROZA, Rosangela da. Diversidade sexual no espaço escolar: concepções, percepções e práticas de adolescentes em escola pública urbana do Sudoeste do Paraná. 2017. 273 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Francisco Beltrão, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3115
Issue Date: 22-Jun-2017
Appears in Collections:Mestrado em Educação (FBE)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rosangela da Roza 2017.pdf2.95 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons