Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4190
Tipo do documento: Dissertação
Title: Equivalência de estímulos e ensino de leitura: uma revisão sistemática da literatura
Other Titles: Equivalence and reading teaching: a systematic review of literature
Autor: Silva, Graciane Barboza da 
Primeiro orientador: Gagliotto, Giseli Monteiro
Primeiro coorientador: Nazar, Thais Cristina Guststein
Primeiro membro da banca: Gagliotto , Giseli Monteiro
Segundo membro da banca: Jacondino , Eduardo Nunes
Terceiro membro da banca: Henklain , Marcelo Henrique Oliveira
Resumo: A presente pesquisa teve por objetivo realizar uma revisão sistemática de estudos sobre equivalência de estímulos e ensino de leitura, entre os anos de 2008 a 2017. Tal proposta justifica-se a partir da noção de que estudos sobre equivalência de estímulos figuram entre as possibilidades de enfrentamento da questão da ineficiência do ensino. Além disso, a sistematização dos conhecimentos produzidos na área pode servir ao desenvolvimento de uma agenda de pesquisas futuras. Foram analisados artigos completos, localizados nas bases de dados Periódicos CAPES e PEPSIC, por meio de busca combinada de descritores de equivalência de estímulos e leitura, selecionados a partir de estudos anteriores. Localizaramse, nas bases de dados, vinte artigos que compuseram o estudo. Tais artigos foram submetidos ao Checklist Strengthening the Reporting of Observacional Studies in Epidemiology (Strobe), a fim de classificar o nível de qualidade da descrição dos estudos. Os artigos também foram submetidos à análise a partir de categorias que buscam identificar nos estudos suas propriedades bibliométricas, objetivos, características de delineamento e resultados. Identificou-se que estudos sobre equivalência de estímulos continuam, em sua maioria, desenvolvidos e publicados em programas de pós-graduação/periódicos nas áreas de Psicologia e/ou Análise do Comportamento. As tendências de produção se encontram em maior número no Sudeste, destaque para o estado de São Paulo (USP, UFSCar, UNESP, PUC); Norte, destaque para o estado do Pará (UFPA); Sul, destaque para o Paraná (UEL). A maioria dos estudos trouxe como objetivo a avaliação de procedimentos de ensino com base no paradigma de equivalência de estímulos sobre o desempenho alvo. Observou-se que a escola é o local em que mais ocorreram estudos, realizados em sua maioria com crianças de desenvolvimento típico, não leitoras, com faixa etária predominante de seis a sete anos, efetivados com três participantes. Quanto às unidades de ensino, identificou-se que a palavra continua sendo a principal unidade de ensino e generalização, tendo, também, mesmo que em menor frequência, a utilização de sentenças e textos. A compilação dos principais achados demonstra que existem dados empíricos consistentes e promissores no que diz respeito aos desempenhos de nomeação, leitura oral/comportamento textual, leitura com compreensão, leitura recombinativa, leitura de sentenças/frases/orações, leitura em indivíduos com desenvolvimento atípico, além de procedimentos de ensino com base em equivalência de estímulos em situação coletiva em um estudo. Seguem sendo lacunas a revisão de etapas do procedimento, de modo a garantir um melhor controle experimental, o desenvolvimento de pesquisas que se aproximem da realidade da sala de aula e necessidade de replicar o estudo em públicos com variabilidade de repertório. A adaptação do checklist Strobe, para análise da qualidade dos estudos, metanálise, avaliação por pares e ampliação da busca em outros bancos de dados nacionais e internacionais são sugestões para estudos de revisão sistemática futuros.
Abstract: The present paper aimed to carry out a systematic review of the studies on the stimuli equivalence and reading teaching, between 2008 and 2017. This proposal supports the notion that studies on the stimuli equivalence are among the possibilities to address teaching inefficiency. Moreover, systematizing the produced knowledge in the area could develop an agenda for future research. Articles from CAPES and PEPSIC databases were analyzed and selected from previous studies, through a combined search of stimulus equivalence descriptors and reading. A total of twenty articles were included and submitted to the Checklist Strengthening the Reporting of Observational Studies in Epidemiology (STROBE) in order to classify the quality level of the description of the studies. The articles were also submitted to categories analysis to identify their bibliometric properties, objectives, design characteristics and results. It was identified that studies on the equivalence of stimuli continue, for the most part, developed and published in postgraduate/periodical programs in the areas of Psychology and/or Behavior Analysis. Production trends are more frequent in the Midwest, especially in universities of São Paulo (USP, UFSCar, UNESP, PUC); North, highlighting the state of Pará (UFPA); South, highlighting the state of Paraná (UEL). Most of the studies aimed at evaluating teaching procedures based on the stimulus equivalence paradigm on target performance. It was observed that the school is the place where most studies were carried out, mostly with children of typical development, not readers, from the age group of six to seven years predominantly, and with three participants mainly. Regarding the teaching units, it was identified that the word continues to be the main unit of teaching and generalization, and also, even in a lesser extent, the use of sentences and texts. The compilation of the main findings shows that there are consistent and promising empirical data regarding naming performances, oral reading/textual behavior, reading comprehension, recombination, sentences/clauses reading, reading in individuals with atypical development and teaching procedures based on the stimulus equivalence in a collective situation. Nonetheless, a review of the procedure step, in order to guarantee a better experimental and methodology control, including variables that show potential for an effective teaching technology, the development of research that approaches the reality of the classroom and the need to replicate the study in subjects with repertoire variability are necessary. The STROBE checklist adaptation for quality analysis of the studies, metaanalysis, peer evaluation, and search expansion in other national and international databases are suggestions for future systematic review studies.
Keywords: Equivalência de estímulos
Ensino de leitura
Checklist strobe
Stimuli Equivalence
Reading instruction
STROBE checklist
CNPq areas: EDUCAÇÃO::TÓPICOS ESPECÍFICOS DE EDUCAÇÃO
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação
Campun: Francisco Beltrão
Citation: SILVA, G. B.. Equivalência de estímulos e ensino de leitura: uma revisão sistemática da literatura. 2018. 94 f. Dissertação( Mestrado em Educação) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Francisco Beltrão, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4190
Issue Date: 18-Dec-2018
Appears in Collections:Mestrado em Educação (FBE)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Graciane Barboza da Silva 2018.pdf1.21 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons