Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/914
Tipo do documento: Dissertação
Title: Aprender a empreender: a pedagogia empreendedora do SEBRAE
Other Titles: Learn to be undertaken: a pedagogy of entrepreneurial SEBRAE
Autor: Pinheiro, Dalessandro de Oliveira 
Primeiro orientador: Cêa, Geórgia Sobreira dos Santos
Resumo: Esse estudo tem como objeto de análise o curso Aprender a Empreender , do SEBRAE, um dos instrumentos de difusão das idéias do empreendedorismo no Brasil. Nos anos 1990, com os efeitos do neoliberalismo sobre o mundo do trabalho, em especial as altas taxas de desemprego, o capital imprimiu sobre a classe trabalhadora sucessivos golpes nos direitos e condições de produção da vida material. De um lado a exigência por um novo trabalhador , polivalente, fazendo uso, não só de sua condição física e técnica, mas todos os seus atributos e habilidades como ser humano, de suas competências . De outro, a exacerbação da exploração para atender às demandas da competição global por mercados. Então, calcado no discurso da empregabilidade e do empreendedorismo, o SEBRAE passa a ser utilizado como instrumento para fortalecer a direção político-ideológica do capital. Seu curso Aprender a Empreender volta-se à classe trabalhadora na perspectiva de, numa realidade de desemprego estrutural, oferecer aos trabalhadores a oportunidade de ser patrão de si mesmo . Os objetivos propostos no desenvolvimento da pesquisa são: 1) analisar a questão conceitual e as condições materiais que possibilitaram o desenvolvimento do ideário empreendedor no país; 2) analisar a articulação entre a instituição SEBRAE, seu curso Aprender a Empreender , e outros vetores no intento de contribuir com a disseminação da cultura empreendedora no Brasil; 3) Analisar as características da Pedagogia Empreendedora do SEBRAE na difusão do lema Seja o seu Patrão! ; 4) Analisar o quanto avança o discurso empreendedor em relação ao discurso da qualificação e da empregabilidade. A investigação foi desenvolvida por meio de análise do material didático do curso Aprender a Empreender , especialmente as vídeo-aulas e o Manual do Participante, tomados como fontes primárias. Quanto às fontes secundárias, utilizamos bibliografia relacionada ao empreendedorismo, particularmente as de caráter liberal e, no contraponto, leituras que se coadunam com a perspectiva materialista histórica e que abordam criticamente o tema. No primeiro capítulo apresentamos considerações a respeito do cenário nacional nos anos 1990 e as condições que possibilitaram a difusão das idéias empreendedoras no país; no segundo capítulo, tratou-se do SEBRAE e do curso Aprender a Empreender , além de outros vetores, como instrumentos do capital voltados ao empreendedorismo; no terceiro capítulo, as fontes primárias são exploradas, destacando-se as principais categorias e características empreendedoras ressaltadas pelo curso Aprender a Empreender ; no quarto capítulo, discute-se a viabilidade da proposta de Aprender a Empreender como alternativa para a geração de emprego e renda e a fragilização da noção de qualificação frente ao fortalecimento do ideário do empreendedorismo. Desta forma, procuramos encontrar algumas lacunas do discurso empreendedor para caracterizá-lo como restrito para a formação humana, e como de extrema precarização para os trabalhadores.
Abstract: This study is the object of study the course "Learning to undertake," SEBRAE, one of the tools for the dissemination of ideas of entrepreneurship in Brazil. In the 1990s, with the effects of neoliberalism on the world of work, especially the high unemployment rates, capital printed on the working class successive blows to the rights and conditions of production of material life. On the one hand the demand for a "new worker", polyvalent, making use not only of their physical and technical, but all their attributes and abilities as a human being, his "skills". On the other, the exacerbation of the farm to meet the demands of global competition for markets. Then, based on the discourse of employability and entrepreneurship, SEBRAE is now used as a tool to strengthen political and ideological direction of the capital. Its course "Learning to undertake 'return to the working class in perspective, a reality of structural unemployment, offer workers the opportunity to" be master of himself. " The proposed objectives in the development of the research are: 1) examine the issue conceptual and material conditions that made possible the development of entrepreneurial ideas in the country, 2) analyze the relationship between the institution SEBRAE its course "Learning to Engage," and other vectors in an attempt to contribute to the spread of the entrepreneurial culture in Brazil, 3) analyze the characteristics of the Entrepreneurial Education SEBRAE in spreading the motto "Be your Boss!", 4) analyze how the speech goes against the entrepreneurial skills of speech and employability. The research was developed through analysis of the teaching material of the course "Learning to undertake," especially the video lessons and Participant's Manual, taken as primary sources. As for secondary sources, we use literature related to entrepreneurship, particularly those of a liberal and, in counterpoint, readings that are inconsistent with the historical materialistic perspective and addressing the critical issue. The first chapter presents considerations on the national scene in 1990 and the conditions that allowed the diffusion of entrepreneurial ideas in the country, in the second chapter, this was SEBRAE and of course "Learning to undertake" as well as other vectors, such as capital instruments geared to entrepreneurship, in the third chapter, the primary sources are explored, highlighting the main categories and entrepreneurial characteristics highlighted by the course "Learning to undertake" the fourth chapter discusses the feasibility of the proposed "Learning to Undertake "as an alternative to generate employment and income and the weakening of the notion of qualification ahead of strengthening the ideals of entrepreneurship. Thus, we find some gaps in entrepreneurial discourse to characterize it as restricted to the human, and as of extreme insecurity for workers.
Keywords: Curso Aprender a Empreender
SEBRAE
educação e empreendedorismo
Course Learning to undertake
SEBRAE
education and entrepreneurship
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Sociedade, Estado e Educação
Program: Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação
Citation: PINHEIRO, Dalessandro de Oliveira. Learn to be undertaken: a pedagogy of entrepreneurial SEBRAE. 2010. 112 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade, Estado e Educação) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/914
Issue Date: 31-May-2010
Appears in Collections:Mestrado em Educação(CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dissertacao_Dalessandro.pdf624.6 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.