Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/870
Tipo do documento: Dissertação
Title: Epidemiologia de afogamento: Estado e políticas públicas no Paraná
Other Titles: Drowning Epidemiology: State and Public Policy in Paraná
Autor: Schinda, Antonio 
Primeiro orientador: Deitos, Roberto Antonio
Resumo: O afogamento é um problema de difícil solução. Todos os anos ocorrem muitas mortes no estado do Paraná, sendo a maioria em locais isolados. Como podemos reduzir o número de afogamentos da localidade? Onde e como estão ocorrendo as mortes por afogamento? Quais as medidas preventivas que poderiam ser usadas como políticas públicas de prevenção? O objetivo principal do trabalho é analisar a epidemiologia do afogamento no estado do Paraná para melhorar a compreensão deste tema. Também vamos classificar a questão de mortes por afogamento em meio líquido como uma das partes do problema social, considerando que as políticas sociais são ações do Estado. Deste modo, portanto, a epidemiologia do afogamento é tratada e compreendida como uma questão de políticas públicas. Utiliza-se como fonte primária o sistema de registros de ocorrências do Corpo de Bombeiros do Paraná (SISBM), por meio da análise das ocorrências de busca aquática, bem com da análise do banco de dados sobre afogamento utilizado no Sistema Único de Saúde (SUS), denominado DATASUS, no período de 2008 2012, complementados com os documentos e relatórios oficiais, relatos de pesquisa, artigos, livros e anais de eventos. O trabalho está dividido da seguinte forma: no capítulo I foi feita uma rápida introdução da pesquisa onde foi relatado sobre a origem da temática de estudo e a problemática; o capítulo II trata das características sociais e ambientais da epidemiologia do afogamento, bem como discute um pouco o Estado e políticas públicas; no capítulo III foram apresentados o diagnóstico, as características sociais e ambientais da epidemiologia do afogamento no estado do Paraná utilizando os relatórios do DATASUS e do SISBM; o capítulo IV trouxe a análise dos dados, discussão e as considerações finais
Abstract: Drowning is a difficult problem to solve. Every year there are many deaths in the state of Paraná, the majority in isolated places. How can we reduce the number of drownings in the state of Parana? Where and how are the deaths by drowning occurring? What are the preventive measures that could be used as public policies for prevention? The main objective of the research was to analyze the drowning epidemiology in Paraná State to improve the understanding on this subject and also classify the problem of drowning deaths in liquid environment as one of the part of the social problem; it was also considered that social policies are actions from the State. Accordingly, therefore, the drowning epidemiology was treated and understood as a matter of public policy. As primary source, the occurrence records system from the Fire Department of Paraná (SISBM) was used to analyze the incidents of aquatic search, along with the analysis of the database about drowning used in the Unified Health System (SUS) called (DATASUS) in the period of 2008-2012, supplemented with official documents and reports, research reports, articles, books and the annals of the events. The research was divided as follows: in Section I a brief introduction was made on the origin of the subject of the research that was reported and the research problem; Section II approached the social and environmental characteristics of the drowning epidemiology and discussed some of the State and public policies; in Section III, the diagnoses was presented, social and environmental characteristics of the drowning epidemiology in Paraná using reports from DATASUL and SISBM; Section IV brought the data analysis, discussions, and final closing remarks
Keywords: Estado
políticas públicas
epidemiologia de afogamento
State
public policies
drowning epidemiology
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Sociedade, Estado e Educação
Program: Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação
Citation: SCHINDA, Antonio. Drowning Epidemiology: State and Public Policy in Paraná. 2013. 148 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade, Estado e Educação) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/870
Issue Date: 16-Dec-2013
Appears in Collections:Mestrado em Educação(CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Antonio Schinda.pdf3.73 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.