Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/5342
Tipo do documento: Dissertação
Title: Investigação Matemática na Perspectiva de professores frente a tarefas exploratório-investigativa
Other Titles: Mathematical Investigation in the discourse of the mathematical educator in front of exploratory-investigative tasks
Autor: Sanches, Elisangela Araujo 
Primeiro orientador: Clélia Maria Ignatius, Nogueira
Primeiro coorientador: Brandt, Célia Finck
Primeiro membro da banca: Klüber , Tiago Emanuel
Segundo membro da banca: Pavanello, Regina Maria
Resumo: A Investigação Matemática (IM), no campo da Educação Matemática, é uma metodologia de ensino utilizada para desenvolver as aulas de Matemática por meio de tarefas com enunciados abertos e trazer para a sala de aula a atividade matemática pelo processo conjectura-teste-demonstração. O seu uso para o ensino da Matemática é recomendado aos professores do Estado do Paraná nos documentos oficiais que regem a Educação no Estado do Paraná, em específico no documento Diretrizes Curriculares da Educação do Estado do Paraná (DCE/PR). No entanto, existe uma lacuna entre o que os documentos oficiais recomendam e a efetiva prática da Investigação Matemática pelos professores de Matemática que atuam na Rede Estadual de Ensino do Paraná. Neste contexto, o objetivo geral que norteou esta investigação foi identificar perspectivas e concepções de professores de Matemática do Ensino Fundamental II e Ensino Médio em relação à tarefas exploratório-investigativas, do qual se originam os seguintes objetivos específicos: identificar o conhecimento de professores acerca da Investigação Matemática enquanto estratégia metodológica; identificar as preferências de professores em relação aos tipos de tarefas e identificar as possibilidades do professor utilizar as tarefas investigativas em sala de aula. Para alcançarmos nossos objetivos produzimos e aplicamos a quatro professoras de Matemática do município de Campina da Lagoa que, no momento da pesquisa atuavam no Ensino Fundamental II e Médio, três instrumentos de produção de dados: um questionário profissional (respondido individualmente), um instrumento Metodológico com Tarefas abertas e fechadas (tarefas exploratório-investigativa baseadas na Teoria da IM) e um roteiro de entrevista semiestruturada realizada com as professoras, individualmente, sobre as tarefas que lhes foram aplicadas. Concluímos que existem aspectos da Investigação Matemática na concepção do discurso das professoras e que elas compreendem a diferenciação entre uma tarefa aberta de uma fechada. Ficou implícito que as tarefas investigativas são desafios que instigaram as professoras a levantar questionamentos e a aplicar as tarefas adequando sua prática às sugestões metodológicas propostas pelas DCE/PR.
Abstract: The Mathematical Research (IM), in the field of Mathematics Education, is a teaching methodology used to develop mathematics classes through tasks with open utterances and bring to the classroom the mathematical activity by the conjecture -test-demonstration-process. Its use for the teaching of Mathematics is recommended to teachers of the State of Paraná in the official documents governing Education in the State of Paraná, specifically in the document Curricular Guidelines of Education of the State of Paraná (DCE/PR). However, there is a gap between what the official documents recommend and the effective practice of Mathematical Research by mathematics teachers working in the State Education Network of Paraná. In this context, the general objective that guided this research was to identify the prospects Mathematics teachers from Elementary School II and High School in relation to exploratory-investigative tasks. Our research presents the following specific objectives: to identify teachers' knowledge about mathematical investigation as a methodological strategy, identify the preference of teachers over the tasks and identify the possible use of exploratory-investigative tasks in math classes. To achieve our goals, we produced and applied to four Mathematics teachers in the municipality of Campina da Lagoa, who at the time of the research, worked in Elementary and Secondary Education. we produced three data instruments: a professional questionnaire (answered individually), a Methodological instrument with open and closed tasks (exploratory-investigative tasks based on IM Theory) and a semi-structured interview script conducted with teachers, individually, about the tasks that were applied to them. We conclude that there are aspects of Mathematical Investigation in the conception of the teachers' discourse and that they understand the differentiation between an open and closed task. It was implicit that the investigative tasks are challenges that instigated the teachers to raise questions and to apply the tasks adapting their practice to the methodological suggestions proposed by the DCE / PR.
Keywords: Educação Básica
Diretrizes Curriculares da Educação do Paraná
Investigação Matemática
Tarefas exploratório-investigativas
Professores de Matemática
Investigation Mathematical
Mathematical Educator
Task investigative-exploratory.
CNPq areas: Educação em Ciências e Educação Matemática
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas
Program: Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Educação Matemática
Campun: Cascavel
Citation: SANCHES, Elisangela Araujo. Investigação Matemática na Perspectiva de professores frente a tarefas exploratório-investigativa. 2020. 131 f. Dissertação( Mestrado em Educação em Ciências e Educação Matemática) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel PR.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/5342
Issue Date: 30-Jul-2020
Appears in Collections:Mestrado em Educação em Ciências e Educação Matemática (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Elisangela Araujo Sanches.pdf1.78 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons