Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3454
Tipo do documento: Tese
Title: O papel dos operadores argumentativos na demarcação de crenças e atitudes em Foz do Iguaçu
Other Titles: The role of argumentative operators in the demarcation of beliefs and attitudes in Foz do Iguaçu
Autor: Santana, Vanessa Raini de 
Primeiro orientador: Sella, Aparecida Feola
Primeiro membro da banca: Aguilera, Vanderci de Andrade
Segundo membro da banca: Fraga, Letícia
Terceiro membro da banca: Altino, Fabiane Cristina
Quarto membro da banca: Corbari, Clarice Cristina
Quinto membro da banca: Busse , Sanimar
Resumo: Esta tese pauta-se nas orientações de Aguilera (2008) e, em parte, nos desdobramentos do NURC (Projeto Norma Urbana Culta). Em termos de crenças e atitudes linguísticas, o enfoque deu-se nos inquéritos de Foz do Iguaçu, colhidos por meio do Projeto de Pesquisa “Crenças e atitudes linguísticas: um estudo da relação do português com línguas em contato”, em que se verificou como os falantes analisados avaliam aqueles que falam diferente. Ao longo da avaliação dos inquéritos, percebeu-se recorrência ao uso de operadores argumentativos, apresentando indícios de crenças e atitudes. Manobras argumentativas realizadas pelos informantes na busca de justificar suas escolhas ou de apresentar dados considerados relevantes para a constituição da sua resposta foram considerados como explicação para usos ainda não verificados no corpus em questão. Para verificação dessa hipótese, foram selecionados enunciados em que os operadores “já”, “até” e “então” foram utilizados. Para isso, optou-se por trabalhar com estudos referentes à semântica argumentativa, a partir de autores como Ducrot (1981, 1987, 2009) e Koch (2002); e crenças e atitudes linguísticas, cujos principais nomes são López Morales (1993), Moreno Fernández (1998) e Blanco Canales (2004). Buscou-se, com esses estudos, trabalhar com elementos que operassem argumentativamente no corpus e, ao mesmo tempo, introduzissem crenças e atitudes dos informantes. O objetivo da análise foi buscar uma relação entre os usos de operadores e as formas de acionar crenças pelos informantes. Inicialmente, levantou-se a hipótese de que certos operadores seriam utilizados para acionar um ou outro tipo de crença e, ao longo da tese, a busca pela validação dessa hipótese levantada foi possibilitando a identificação de dados importantes com relação à maneira como os informantes utilizam operadores argumentativos para expressar suas opiniões com relação à língua e à cultura do outro.
Abstract: This research is based on Aguilera (2008) guidelines and, in part, on NURC research. In terms of language beliefs and attitudes, the focus is on surveys carried out in Foz do Iguaçu, collected via CAL Project, where we verified how the speakers evaluate those who speak different from them. During the analysis, we noticed recurrence to the use of argumentative operators, indicating evidence of language beliefs and attitudes. The argumentative maneuvers made by the informants to justify their choices or to present data considered relevant for the constitution of their answers were considered as explanation for uses not checked yet in the corpus. To verify this hypothesis, we selected statements with the operators "já", "até" and "então". For this, we chose to work with studies on the argumentative semantics, from authors like Ducrot (1981, 1987, 2009) and Koch (2002); and language beliefs and attitudes, with studies of López Morales (1993), Moreno Fernandez (1998) and Blanco Canales (2004). With these studies, we tried to work with elements that operate argumentatively and, at the same time, introduce the informants’ beliefs and attitudes. The objective of this analysis was to find a relationship between the use of operators and the ways to set beliefs by informants. Initially, we raised the hypothesis that some operators would be used to set one or another kind of belief and, during the research, the search for validation of this hypothesis enabled the identification of important data regarding the way informants use argumentative operators to express their opinions about the language and culture of others.
Keywords: Crenças e atitudes linguísticas
Operadores argumentativos

Até
Então
Foz do Iguaçu
Language beliefs and attitudes
Argumentative operators
CNPq areas: LINGUISTICA::FISIOLOGIA DA LINGUAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Educação, Comunicação e Artes
Program: Programa de Pós-Graduação em Letras
Campun: Cascavel
Citation: SANTANA, Vanessa Raini de. O papel dos operadores argumentativos na demarcação de crenças e atitudes em Foz do Iguaçu. 2016. 121 f. Tese (Doutorado - Programa de Pós-Graduação em Letras) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3454
Issue Date: 3-Oct-2016
Appears in Collections:Doutorado em Letras (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vanessa_Santana2016.pdf885.01 kBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons