Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4140
Tipo do documento: Dissertação
Title: Curva de embebição, anatomia e mobilização de reservas em sementes de Mimosa flocculosa Burkart submetidas a superação de dormência
Other Titles: Curve of imbibition, anatomy and mobilization of reserves in seeds of Mimosa flocculosa Burkart submmitted to overcoming of dormancy
Autor: Ribeiro, Maiara Iadwizak 
Primeiro orientador: Fortes, Andrea Maria Teixeira
Primeiro coorientador: Corsato, Jaqueline Malagutti
Primeiro membro da banca: Fortes , Andrea Maria Teixeira
Segundo membro da banca: Silva, Shirley Martins
Terceiro membro da banca: Marcon , Thaís Regina
Resumo: O objetivo deste trabalho foi ampliar o conhecimento sobre a fisiologia da germinação das sementes de Mimosa flocculosa e a eficiência dos tratamentos de superação de dormência, tendo em foco a embebição, mobilização de reservas, a anatomia do tegumento e a germinação das sementes. Para obtenção da curva de embebição utilizamos três tratamentos testemunha, água a 80 °C durante 10 minutos e ácido sulfúrico por 3 minutos cada um com 4 repetições de 100 sementes, sendo elas dispostas em Germitest, umedecidas com água destilada e acondicionadas em câmara de germinação, para cada pesagem foi utilizada uma balança de precisão para obtenção da massa úmida. Com os dados obtidos da curva, foi estipulado os períodos de: início da embebição, meio da fase I, fase II, meio da fase II e início da fase III sendo esses, utilizados para a coleta do material para a mobilização de reservas onde foram analisadas a degradação e alterações de açúcares solúveis totais, açúcares redutores, sacarose, albuminas, globulinas, prolaminas e glutelinas. E o início de cada fase da curva, foi utilizado para observarmos as alterações na anatomia tegumentar das sementes de M. flocculosa, o teste de germinação foi instalado paralelamente a curva de embebição onde analisamos as variáveis porcentagem, frequência relativa e sincronização da germinação. Observamos, comparando com a testemunha, que, os tratamentos de superação de dormência utilizados nas sementes de M. flocculosa são indicados por elevar a germinação, pois obtiveram uma curva de embebição mais uniforme, os açúcares em conjunto com as proteínas tiveram uma redução durante os períodos da embebição mais elevada, o tegumento destes tratamentos apresentou fissuras e desestruturações auxiliando na entrada de água, elevando a germinação e com a tendência a sincronização.
Abstract: Our study aimed to expand the knowledge in Mimosa flocculosa seed physiology and overcome dormancy treatments efficiency, focusing on water uptake, reserves mobilization, integument anatomy and seed germination. For the hydration curve, we tested three different treatments: distilled water (control), water at 80 °C for 10 min and sulfuric acid for 3 min, each containing four replicates of 100 seeds. Seeds were placed in Germitest papers, moistened with distilled water and stored in germination chambers. To obtain fresh mass, seeds were weighted in a precision scale. From the hydration curve data, we stipulated 5 points to collect material for reserves mobilization quantification: beginning of hydration, middle of phase I, phase II, middle of phase II and beginning of phase III. Total soluble sugars, reducing sugars, sucrose, albumines, globulines, prolamines, and glutelines were quantified. The beginning of each phase was used to observe the alterations in M. floculosa integumentary seed anatomy. Germination tests were prepared in parallel with the hydration curve, in which were analyzed: germination percentage, relative frequency and synchrony of germination. We noticed that, comparing with the control, overcome dormancy treatments are indicated to improve seed germination, since germination was more uniform, sugars and proteins were more reduced during hydration, integument presented fissures and destabilization, ensuring water uptake, improving seed germination and synchrony.
Keywords: Espécie nativa
Bracatinga de campo-mourão
Recuperação de áreas
Native species
Bracatinga de campo- mourão
Degraded areas recovery
CNPq areas: CIENCIAS BIOLOGICAS
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Conservação e Manejo de Recursos Naturais
Campun: Cascavel
Citation: RIBEIRO, Maiara Iadwizak. Curva de embebição, anatomia e mobilização de reservas em sementes de Mimosa flocculosa Burkart submetidas a superação de dormência. 2019. 37 f. Dissertação( Mestrado em Conservação e Manejo de Recursos Naturais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná Cascavel, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4140
Issue Date: 8-Feb-2019
Appears in Collections:Mestrado em Conservação e Manejo de Recursos Naturais (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maiara_Ribeiro_2019.pdfArquivo completo644.64 kBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons