Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3704
Tipo do documento: Dissertação
Title: Atividade de micocinas produzidas por Wickerhamomyces anomalus frente às cepas multirresistentes de Acinetobacter baumannii
Other Titles: Mycocin activity produced by Wickerhamomyces anomalus against multidrug-resistance strains of Acinetobacter baumannii
Autor: Junges, Daniele Schaab Boff 
Primeiro orientador: Gandra, Rinaldo Ferreira
Primeiro membro da banca: Gandra , Rinaldo Ferreira
Segundo membro da banca: Menolli, Rafael Andrade
Terceiro membro da banca: Auler, Marcos Ereno
Resumo: O sistema killer consiste na produção de substâncias por leveduras killer capazes de inibir outros microrganismos. Isso ocorre no habitat natural como uma forma de competição entre as espécies pela garantia de nutrientes. Wickerhamomyces anomalus é uma levedura produtora de micocinas amplamente distribuída no ambiente e resistente a condições extremas de pH, temperatura e osmolaridade. Devido a essas características, esta levedura vem sendo utilizada em vários processos industriais, principalmente na indústria alimentícia como controle de microrganismos contaminantes. Sua ação é considerada minimamente tóxica às células humanas e de baixo potencial à indução de resistência aos microrganismos, características que tornam as micocinas de W. anomalus interessantes candidatas à aplicação médica. Acinetobacter baumannii é uma preocupação mundial devido à sua multirresistência, tendo por isso alta taxa de mortalidade e morbidade, principalmente em ambientes hospitalares. Este trabalho teve como objetivo verificar a ação antimicrobiana de micocinas produzidas por W. anomalus frente a cepas multirresistentes de A. baumannii e avaliar a toxicidade destes compostos. Os sobrenadantes de WA40, WA45 e WA92 foram testados sobre A. baumannii utilizando os métodos de microdiluição em caldo, testes em meio sólido e viabilidade de A. baumannii. Para avaliar a toxicidade, fez-se os testes de hemólise e de toxicidade em Artemia salina Leach. Resultados evidenciaram a atividade antimicrobiana de micocinas de W. anomalus, uma vez que, mesmo altamente diluídas, elas foram capazes de inibir A. baumannii. Em meio sólido, foi possível observar a formação de zona de inibição ao testar micocinas de WA40, WA45 e WA92 sobre A. baumannii. E por fim, o teste de viabilidade mostrou que em apenas 3 h as micocinas de WA45 foram capazes de inibir 100% das células multirresistentes de A. baumannii, seguido de 4 h para WA40 e 6 h para WA92. Os três sobrenadantes não foram citotóxicos quando testados sobre hemácias e Artemia salina. Sendo assim, as micocinas de W. anomalus mostraram-se efetivas neste estudo e podem ser utilizadas no desenvolvimento de novas substâncias antimicrobianas.
Abstract: The killer system is the production of substances by yeast killer able to inhibit other microorganisms, this occurs in the natural environment as a way of competition between species by ensuring nutrients. Wickerhamomyces anomalus is a producer of yeast mycocin widely distributed in the environment and resistant to extremes of pH, temperature and osmolarity. Due to these characteristics, this yeast has been used in various industrial processes, especially in the food industry to control contaminants microorganisms. Its action is considered to be minimally toxic to human cells and low potential to induce microorganisms resistance, characteristics that makes the mycocins of W. anomalus an interesting candidate for medical application. Acinetobacter baumannii is a worldwide concern due to its multiresistance, having a high mortality rate and morbidity, especially in hospital environments. This study had as objective to determine the antimicrobial action of mycocins produced by W. anomalus against multiresistant strains of A. baumannii and to evaluate the toxicity of these compounds. The supernatants of WA40, WA45 and WA92 were tested on A. baumannii using the methods of broth microdilution, solid medium test and viability of A. baumannii. To evaluate the toxicity, was made the test of hemolysis and brine shrimp toxicity test. Results evidenced the antimicrobial activity of mycocins of W. anomalus, since even at high dilutions they were able to inhibit A. baumannii. In solid medium, it was possible to observe the formation of zone of inhibition when testing WA40, WA45 and WA92 on A. baumannii, and finally, the viability test showed that in only 3 hours the mycocins of WA45 were able inhibit 100% of the multidrug-resistant cells of A. baumannii followed by 4 h for WA40 and 6 h for WA92. The three supernatants were not cytotoxic when tested on human erythrocytes and Artemia salina. Thus, the micocins of W. anomalus were effective in this study and can be used in the development of new antimicrobial substances.
Keywords: Wickerhamomyces anomalus
Micocinas
Sistema killer
Acinetobacter baumannii
Antibiótico
Wickerhamomyces anomalus
Mycocins
Acinetobacter baumannii
Antibiotic
CNPq areas: CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Médicas e Farmacêuticas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas
Campun: Cascavel
Citation: JUNGES, Daniele Schaab Boff. Atividade de micocinas produzidas por Wickerhamomyces anomalus frente às cepas multirresistentes de Acinetobacter baumannii. 2018. 57 f. Dissertação ( Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3704
Issue Date: 8-Mar-2018
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Farmacêuticas (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniele Schaab Boff Junges.pdf1.35 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons