Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3505
Tipo do documento: Dissertação
Title: Avaliação dos efeitos biológicos da fração polissacarídica SK5 isolada do fungo Ganoderma australe em macrófagos de camundongo swiss
Other Titles: Evaluation of biological effects of SK5 fraction polysaccharide isolated fungus Ganoderma australe in mouse swiss macrophages
Autor: Melo, Renan Henrique de 
Primeiro orientador: Silva, José Luis da Conceição
Primeiro membro da banca: Maller, Alexandre
Segundo membro da banca: Maller , Ana Cláudia Paiva Alegre
Terceiro membro da banca: Melo, Eduardo Borges de
Resumo: Ganoderma australe é uma das espécies de basidiomicetos responsáveis pelo processo de deslignificação da matéria orgânica, conhecido por causar a “podridão branca” em algumas espécies de árvores. Estudos citoquímicos demostraram que a parede celular dos fungos possui polissacarídeos do tipo β (13)-glucanas, β (16)-glucanas e outros polissacarídeos complexos. Atualmente, tem-se destacado que as β-glucanas são os polissacarídeos que produzem efeitos mais intensos como moduladores das funções biológicas. Em estudos anteriores desenvolvidos em nosso laboratório, o fungo G. australe foi estudado quanto à composição polissacarídica da parede celular. A fração polissacarídica SK5 foi obtida após gelo-degelo da extração aquosa com KOH 5%. A composição monossacarídica da fração SK5 revelada por Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massa (GC-MS) mostrou que glicose é predominante (81,3%), com a presença de outros açúcares (manose, arabinose, xilose, ramnose, fucose e galactose) em concentração inferior a cerca de 3% cada um. A ressonância magnética nuclear desta fração comprovou ser uma β-glucana, com ligações glicosídicas do tipo β- 1→3 e provavelmente substituídas em 4-O. Neste trabalho, o efeito biológico da fração polissacarídica SK5 extraída do fungo G. australe foi avaliado in vitro em cultura de células de macrófagos peritoneais isoladas de camundongos Swiss. Foi analisado o efeito biológico quanto à toxicidade e ativação celular, a produção de óxido nítrico, citocinas (TNF-α, IL-6), ânion superóxido (produção e capacidade sequestradora) e a capacidade de estimular a atividade fagocítica. A viabilidade celular foi significativamente afetada, com cerca de 29% de redução com 1,0 μg/mL e 35,5% de redução com 2,5 μg/mL de SK5. Não houve alteração na produção de óxido nítrico, TNF-α ou de ânion superóxido nas concentrações entre 0,1 μg/mL e 1,0 μg/mL. A capacidade sequestradora de ânion superóxido também não foi constatada. Houve aumento na produção de IL-6 em cerca de 111% com 1,0 μg/mL. Em relação à atividade fagocítica houve aumento em todas as concentrações analisadas, chegando a 52,3% com 0,25 μg/mL do polissacarídeo. Os resultados obtidos indicam que a β (13)-glucana isolada de Ganoderma australe pode ser classificada como modificadora de resposta biológica (MRB).
Abstract: Ganoderma australe is a Basidiomycete species responsible for the delignification process of the organic matter known to cause "white rot" in certain species of trees. Cytochemical studies have shown that the cell wall of fungi polysaccharides has (13)- β-glucans, (16)-β-glucans type and other complex polysaccharides. Currently, it has been highlighted that the β-glucans are polysaccharides that produce higher effects as modulators of biological functions. In previous studies, the fungus G. australe has been studied regarding the composition of the cell wall polysaccharide. SK5 polysaccharide fraction was obtained after freeze-thawing of the aqueous extraction with KOH 5%. Monosaccharide composition of SK5 fraction revealed by Gas chromatography–mass spectrometry (GC-MS) showed glucose is predominant (81.3%), with presence of other sugars (mannose, arabinose, xylose, rhamnose, fucose and galactose) at concentration of less than about 3% each. The nuclear magnetic resonance of this fraction proved to be a β-glucan with glycosidic links (1→3)-β type and probably replaced in 4-O. In this study, the biological effect of SK5 polysaccharide fraction extracted from the fungus G. australe has been evaluated in vitro cell culture of peritoneal macrophages isolated from Swiss mice. The biological effect was assessed for toxicity and cell activation, nitric oxide, cytokines (TNF-α, IL-6), superoxide anion (production and scavenging capacity) and the ability to stimulate phagocytic activity. Cell viability was affected, with approximately 29% reduction with 1.0 mg / mL and 35.5% reduction with 2.5 μg/ml SK5. There was no change in nitric oxide production, TNF-α or superoxide anion concentrations between 0.1 μg/mL and 1.0 μg/mL. The scavenging ability of superoxide anion was also not detected. There was an increase in IL-6 by about 111% with 1.0 μg/mL. In regarding to phagocyte activity was increased in all concentrations examined obtaining 52.3% with 0.25 μg/mL of polysaccharide. The results indicate that (13)-β- glucan isolated from G.australe can be classified as biological response modifier (BRM).
Keywords: Polissacarídeo
Interleucina
Fagocitose
Polysaccharide
Interleukin
Phagocytosis
CNPq areas: CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Médicas e Farmacêuticas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas
Campun: Cascavel
Citation: MELO, Renan Henrique de. Avaliação dos efeitos biológicos da fração polissacarídica SK5 isolada do fungo Ganoderma australe em macrófagos de camundongo swiss. 2014. 63 f. Dissertação (Mestrado - Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3505
Issue Date: 9-Dec-2014
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Farmacêuticas (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Renan_Melo2014.pdf1.8 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons