Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3142
Tipo do documento: Dissertação
Title: Percepção dos profissionais da atenção primária à saúde sobre a educação permanente em tuberculose
Other Titles: Perception of primary health care professionals on continuing education in tuberculosis
Autor: Grignet, Rodrigo Juliano 
Primeiro orientador: Silva Sobrinho, Reinaldo Antonio da
Primeiro membro da banca: Silva Sobrinho, Reinaldo Antonio da
Segundo membro da banca: Conterno, Solange de Fátima Reis
Terceiro membro da banca: Orfão, Nathalia Halax
Resumo: A Política Nacional de Educação Permanente em Saúde, Portaria nº 198/2004 e Portaria nº 1996/2007, é estratégia do Sistema Único de Saúde para a formação e o aprimoramento de trabalhadores para o setor. Traz em sua envergadura a mudança na concepção e nas práticas de aprimoramento dos trabalhadores de saúde do Sistema Único de Saúde. Neste contexto, o objetivo deste estudo foi verificar como os profissionais com ensino superior atuantes na área da saúde exercendo suas atividades na Atenção Primária em Saúde do município de Foz do Iguaçu, Paraná, percebem a Educação Permanente em Saúde como veículo de promoção e qualificação do cuidado, e qual o discernimento destes, sobre esta temática, ao serem expostos a modelos possíveis de educação permanente, em como o conhecimento de ferramentas de educação à distância como cofator de melhoria assistencial aos pacientes portadores de tuberculose atendidos nas Unidades Abertas e Estratégia de Saúde da Família. Trata-se de um estudo epidemiológico descritivo do tipo inquérito, que adotou como estratégia a aplicação de instrumento avaliativo do grau de concordância e discordância apropriando-se da Escala Likert, com a participação de servidores vinculados à Atenção Primária em Saúde que possuem ou já possuíram em sua rotina envolvimento com pacientes portadores de tuberculose. Os aspectos éticos seguiram a Resolução 466/2012 do Conselho Nacional de Saúde. Constituíram-se como unidades de verificação as 25 unidades de saúde da rede municipal de Foz do Iguaçu-Paraná. A coleta de dados foi realizada entre julho e setembro de 2016 por meio de instrumento autoaplicado com 84 profissionais de saúde (médicos, enfermeiros, dentistas, nutricionistas, farmacêuticos, assistente social, outros). Os dados quantitativos provenientes dos questionários foram armazenados em banco de dados construído no Excel®, e as análises estatísticas foram realizadas utilizando software XLSTAT®. Para a realização de independência entre as questões do questionário e cada variável avaliada, foi realizado o teste de Qui-quadrado, e nos casos onde a contagem teórica foi inferior a 05 indivíduos respondentes, e a independência desses dados não pôde ser atestada, aplicou-se o Método de Monte Carlo. No questionário foram abordadas 18 assertivas, as quais os profissionais responderam seu grau de concordância ou discordância para cada afirmação exposta. As assertivas deste estudo foram organizadas e vinculadas aos três objetivos principais e a quatro relações de interesse: distritos sanitários e sua modalidade de atenção; profissionais de nível superior atuantes na Atenção Primária em Saúde e sua área de formação; tempo de atividade destes no Sistema Único de Saúde e o tempo de atividade total exercida em saúde. Apuração e quantificação das assertivas resultaram em 12 tabelas que evidenciaram pela direção dos dados estatísticos uma dispersão sobre a percepção dos indicadores com a Educação Permanente em Saúde. Considera-se essa condição resultado do pouco entendimento ou percepção sobre o que é Educação Permanente em Saúde, suas modalidades e ferramentas tecnológicas que permitam o exercício permanente desta. Isto redunda na inadequada visão sobre o papel do profissional de saúde para sua apropriação de um coletivo de pensamento, e, portanto também não poderá por consequência auferir substancial participação na resolução de doenças negligenciadas no caso deste estudo, a tuberculose.
Abstract: The National Policy on Permanent Education in Health, Administrative Rule n. 198 / 2004 and Administrative Rule n. 1996 / 2007, is a strategy of the Unified Health System for the training and improvement of workers for the sector. It brings in its scope the change in the conception and improvement practices of Unified Health System health workers. In this context, the objective of this study was to verify how the professionals with higher education working in the health area exercising their activities in Primary Health Care in the city of Foz do Iguaçu, Paraná, perceive the Permanent Education in Health as a vehicle of promotion and qualification of care, and their discernment on this theme, when they are exposed to possible models of permanent education, as the knowledge of distance education tools as a cofactor for the improvement of care for patients with tuberculosis attended at Open Units and Family Health Strategy. This is a descriptive epidemiological study of the type inquiry, which adopted as strategy the application of an evaluation instrument of the degree of agreement and disagreement appropriating the Likert Scale, with the participation of APS-linked servers that have or have already had in their routine involvement With patients with tuberculosis. The ethical aspects followed Resolution 466/2012 of the National Health Council. The health units of the municipal network of Foz do Iguaçu-Paraná were constituted as verification units. Data collection was performed between july and september 2016 through a self-administered instrument with 84 health professionals (doctors, nurses, dentists, nutritionists, pharmacists, social workers, others). Quantitative data from the questionnaires were stored in an Excel® database, and statistical analyzes were performed using XLSTAT® software. In order to achieve independence among the questions of the questionnaire and each variable evaluated, the Chi-square test was performed, and in cases where the theoretical score was less than 5 respondents, and the independence of these data could not be attested, The Monte Carlo Method was used. In the questionnaire, 18 assertions were approached in which professionals answered their degree of agreement or disagreement for each exposed statement. The assertions of this study were organized and linked to the three main objectives and to four relations of interest: Sanitary Districts and their mode of attention; Top-level professionals working in the APS and its training area; Time of activity of these in Unified Health System, and the total activity time in health. Assay and quantification of the assertions resulted in 12 tables that showed by the direction of the statistical data a dispersion on the perception of the indicators with the Permanent Education in Health. This condition is considered as the result of poor understanding or perception about what Permanent Education in Health is, its modalities and technological tools that allow the permanent exercise of this one. This results in inadequate insight into the role of health professionals in their appropriation of a collective of thought, and therefore can not have a substantial participation in the resolution of neglected diseases in the case of this study, tuberculosis.
Keywords: Tuberculose
Serviços de saúde
Atenção primária à saúde
Educação permanente em saúde
Profissionais da saúde
Tuberculosis
Health services
Primary health care
Permanent education in health
Health professionals
CNPq areas: CIENCIAS DA SAUDE:SAUDE COLETIVA
CIENCIAS HUMANAS:EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Educação Letras e Saúde
Program: Programa de Pós-Graduação em Ensino
Campun: Foz do Iguaçu
Citation: GRINEt, Rodrigo Juliano. Percepção dos profissionais da atenção primária à saúde sobre a educação permanente em tuberculose. 2017. 129 f. Dissertação ( Mestrado em Ensino) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Foz do Iguaçu, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3142
Issue Date: 6-Jul-2017
Appears in Collections:Mestrado em Ensino (FOZ)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rodrigo_Juliano_Grignet_2017.pdf6.39 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons