Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2969
Tipo do documento: Dissertação
Title: Briquetes produzidos com mistura de podas urbanas, glicerina e resíduos de processamento de mandioca
Other Titles: Briquettes produced with mixed urban pruning, glycerin and cassava processing residues.
Autor: Petricoski, Silvia Maccari 
Primeiro orientador: Feiden, Armin
Primeiro coorientador: Oliveira, Adriana Ferla de
Primeiro membro da banca: Feiden, Armin
Segundo membro da banca: Tokura, Luciene Kazue
Terceiro membro da banca: Corrêia, Arlindo Fabrício
Resumo: Ao longo da história, diversas foram as fontes e as formas de energia utilizadas para a produção de bens e de serviços, em especial a energia gerada a partir de combustíveis fósseis, como o petróleo. Em função dos limites de suas reservas mundiais; as emissões de CO2, e os desastres ecológicos a partir da perfuração de poços de petróleo, é fundamental pensar em fontes de energia renováveis e sustentáveis: aquelas que se reconstituem naturalmente, num curto período de tempo. Uma das alternativas para a solução deste problema é a energia proveniente das biomassas, seja de origem animal ou vegetal, que pode ser utilizada na produção de energia. O briquete é considerado um biocombustível sólido, feito a partir da compactação de resíduos lignocelulósicos muito utilizado para a geração de energia. Neste trabalho objetivou-se estudar a produção de briquetes a partir de misturas de Resíduos de Podas Urbanas - RPU, glicerina e bagaço de mandioca (Manihot esculenta). Para a redução da umidade das amostras de RPU e de mandioca, foi utilizado um secador via aquecimento solar. Posteriormente, as amostras dos RPU, do bagaço de mandioca e a glicerina foram misturadas gerando os tratamentos, T1 (100% RPU), T2 (92% RPU e 8% Bagaço de mandioca), T3 (97% RPU e 3% Glicerina), T4 (89% RPU, 8% Bagaço de mandioca e 3% Glicerina) e T5 (94,5% RPU, 4% Bagaço de mandioca e 1,5% Glicerina). Em seguida, foram realizadas as análises de parâmetros físicos, químicos e energéticos dos briquetes. O teor de umidade dos briquetes foi menor no tratamento T1 (7,935%). O tratamento T2 teve menor valor de carbono fixo (16,858%) e teor de voláteis (66,520%) e maior teor de cinzas (16,621%). As porcentagens de C, H e N não diferiram estatisticamente entre os tratamentos. Os valores do poder calorífico superior, inferior e útil foram maiores no tratamento T3 (18,973 MJ kg-1); (17,480 MJ kg-1) e (15,980 MJ kg-1) respectivamente. A densidade aparente foi maior no tratamento T1 (1.183 kg m-3) bem como a densidade energética (20.778,76 MJ m-3). O tratamento T2 teve a maior resistência mecânica (1,281 kgf cm-2). Os resultados, portanto, demonstraram que os tratamentos T1, T2 e T3 foram mais eficientes, produzindo briquetes com propriedades que atendam as especificações do mercado, além de apresentarem grande potencial energético, sendo bons substitutos à lenha. Com base nas informações coletadas no Município de Vera Cruz do Oeste - PR no ano de 2015, poderiam ser produzidos aproximadamente 76,92 t ano-1 de briquetes oriundos de resíduos de podas urbanas, contribuindo desta forma para a geração de receita no valor de R$ 23.614,44.
Abstract: Throughout history, several sources and forms of energy have been used for production of goods and services. especially energy generated from fossil fuels such as oil. Due to the limits of their world reserves; CO2 emissions and ecological disasters from oil well drilling, it is crucial to think in renewable and sustainable sources of energy: those that naturally reconstitute themselves in a short period of time. One the alternatives for solving this problem is the energy coming from biomasses, whether animal or vegetable origin, it can be used to production of energy. The briquette is considered a solid biofuel, made from compaction of lignocellulosic residues much used to energy generation. This paper aimed to study production of briquettes from mixtures of urban pruning waste - RPU, from glycerine and cassava bagasse (Manihot esculenta). A prototype drier was used through solar heating to reduce humidity of RPU and cassava samples. Afterwards, samples of RPU, cassava bagasse and glycerin were mixed, yielding the treatments T1 (100% RPU), T2 (92% RPU and 8% Cassava bagasse), T3 (97% RPU and 3% Glycerin), T4 (89% RPU, 8% Cassava bagasse and 3% Glycerin) and T5 (94.5% RPU, 4% Cassava bagasse and 1,5% Glycerin). Then the analyzes of physical, chemical and energetic parameters the briquettes were carried out. The moisture content of the briquettes was lower in T1 treatment (7.935%). T2 treatment had lower fixed carbon value (16.858%) volatile content (66.520%) and higher ash content (16.621%). The percentages of C, H and N did not differ statistically between the treatments. The values of the upper, lower and useful calorific value were higher on T3 (18.973 MJ kg-1); (17,480 MJ kg-1) and (15,980 MJ kg-1) respectively. The apparent density was higher in T1 (1183 kg m-3) as well as energy density (20778.76 MJ m-3). Treatment T2 had the highest mechanical strength (1,281 kgf cm-2). The results, therefore, showed that treatments T1, T2 and T3 were more efficient, producing briquettes with properties that meet specifications of the market, besides presenting great energetic potential, being good substitutes for firewood. Based on information collected in Vera Cruz do Oeste - PR in 2015, approximately 76.92 t ano-1 of briquettes from urban pruning residues could be produced, thus contributing to generation of revenue in the value of R$ 23,614.44.
Keywords: Biocombustível sólido
Biomassa
Bioenergia
Solid biofuel
Biomass
Bioenergy
CNPq areas: CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas
Program: Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Energia na Agricultura
Campun: Cascavel
Citation: PETRICOSKI, Silvia Maccari. Briquetes produzidos com mistura de podas urbanas, glicerina e resíduos de processamento de mandioca. 2017. 83 f. Dissertação( Mestrado em Engenharia de Energia na Agricultura) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2969
Issue Date: 9-Mar-2017
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia de Energia na Agricultura (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Silvia Macarri Petricoski.pdf2.56 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons