Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2517
Tipo do documento: Dissertação
Title: Percepções das identidades sociais de raça/etnia e gênero na escola: vozes de professoras e alunos/as.
Autor: Ferreira, Susana Aparecida 
Primeiro orientador: Ferreira, Aparecida de Jesus
Resumo: Este trabalho teve como objetivo investigar de que forma o aluno/a do Ensino Fundamental é representado nos materiais de ensino, mais especificamente, os de Língua Inglesa e de duas 8ª séries, e se ele/a se sente representado/representada nesses materiais no que se refere à questão de raça/etnia e de gênero. Por outro lado, também observei como o professor do Ensino Fundamental entende por construção de identidades sociais e se ele percebe essas mesmas identidades trabalhadas nos materiais de ensino que utiliza, de que modo o professor de inglês lida com isso em sua sala de aula, tem-se aqui a perspectiva do ensino da Língua Estrangeira em sua funcionalidade no contexto social, utilizando-se do Letramento Crítico, Paulo Freire (1980), Lankshear e Maclaren (1993), Norton (1995), Comber e Kalmer (1997), Pennycook (1998), Busnardo e Braga (2000), Rajagopalan (2003), Ferreira (2006), Jordão (2007), Coradim (2008), identidades sociais, Moita Lopes (2002), Jung (2002), Hall (2002-2006), Carvalho (2007), Carvalho (2007), entre outros. Como encaminhamento metodológico fiz uso de questionários e entrevistas. Como resultado desta pesquisa, foi possível perceber que o discurso ainda está longe da prática, ou seja, apesar de as professoras dizerem que percebem a importância da reflexão crítica sobre raça/etnia e gênero em suas salas, elas ainda não conseguem inserir estas discussões no cotidiano escolar, fato que faz com que seus alunos/as também não consigam se ver representados no material de ensino que utilizam nem realizar muitas reflexões sobre esses temas, principalmente sobre o tema gênero. Concluo, apostando na eficácia do ensino crítico para mudar essas questões, como a falta de reflexão em sala de aula, o auxílio do empoderamento dos alunos, dando-lhes voz, tanto na escola, quanto nos outros contextos sociais nos quais atuam.
Abstract: The main objective of this work is to investigate the way students of fundamental levels are represented in theirs school´s books and materials - more specifically, English students and two 8th grade classes, and if they identify themselves being represented in race/ethnicity and gender in these materials. On other hand, I also noticed how the fundamental school teacher perceives the construction of the social identities and if him also perceives those same identities been worked out in the instructional materials and books being utilized, and the way that the English Teacher has to deal with social identity in class. In Brazil we have the cognitive perspective of the functionality of Foreign Language teaching as a social aspect, utilizing Critical Literacy, Paulo Freire (1980), Lankshear e Maclaren (1993), Norton (1995), Comber e Kalmer (1997), Pennycook (1998), Busnardo e Braga (2000), Rajagopalan (2003), Ferreira (2006), Jordão (2007), Coradim (2008), identidades sociais, Moita Lopes (2002), Jung (2002), Hall (2002-2006), Carvalho (2007), Carvalho (2007), among others. For the methodological development I made use of questionnaires and interviews. As the result of this research, I was able to perceive that the practical aspect is far from being achieved. However, teachers state that they realize the importance of critical teaching about race/ethnicity and gender in their classes, but yet they aren´t able to insert this matters in their daily learning routine, subject that extend to their students and they aren´t able too, to perceive themselves in their learning materials nor develop an array of learning of these matters, especially about gender. I conclude betting that the efficiency of the critical teaching has a way to change this matters, as the lack of critical sense in the classroom, the empowerment of the students, allowing their voice to be heard, both at school and in the other social contexts that they are inserted.
Keywords: Identidades sociais
Raça/etnia
Gêneros
Letramento crítico
Língua Inglesa
Social identity
Race/ethnicity and gender
Critical literacy
Public school
CNPq areas: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Linguagem e Sociedade
Program: Programa de Pós-Graduação "Stricto Sensu" em Letras
Citation: FERREIRA, Susana Aparecida. Percepções das identidades sociais de raça/etnia e gênero na escola: vozes de professoras e alunos/as.. 2011. 128 f. Dissertação (Mestrado em Linguagem e Sociedade) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2517
Issue Date: 18-Mar-2011
Appears in Collections:Mestrado em Letras (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
susana.pdf965.27 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.