Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2459
Tipo do documento: Dissertação
Title: Ações colaborativas para encaminhamentos da produção e da reescrita textual no ensino fundamental
Other Titles: Colaborative Actions to development of production and essay rewriting at elementary school study
Autor: Schoffen, Rosemary de Oliveira 
Primeiro orientador: Costa-hübes, Terezinha da Conceição
Primeiro membro da banca: Rossi, Maria Aparecida Garcia Lopes
Segundo membro da banca: Baumgartner, Carmen Teresinha
Terceiro membro da banca: Bottega, Rita Maria Decarli
Resumo: Desde a década de 1980, o ensino de Língua Portuguesa vem sendo discutido por estudiosos e pesquisadores, sustentados pelo pressuposto dialógico e interacionista da linguagem, conforme defendido pelo Círculo de Bakhtin, escopo teórico presente nas Diretrizes Curriculares do estado do Paraná, que reconhecem o texto-enunciado como unidade de ensino que se configura em determinado gênero discursivo. Logo, as propostas de produção de texto na escola deveriam priorizar a interação, haja vista que para Bakhtin/Volochinov (2014[1929]), a língua só se concretiza em enunciados concretos dentro de um processo de interlocução. O distanciamento, entre os professores de Língua Portuguesa, dessa compreensão, faz-nos inferir que tais pressupostos não foram compreendidos, talvez pela ausência de formação adequada e/ou período de tempo suficiente para articular teoria e prática conforme o que rege os documentos. Ao fazermos parte dessa realidade escolar, atuando como docente da rede estadual, optamos por desenvolver uma pesquisa-ação-crítica-colaborativa envolvendo duas docentes de 6° e 9° anos do ensino fundamental, de um município da região noroeste do estado do Paraná. Assim, nosso olhar se voltou mais especificamente para o seguinte tema: ações colaborativas da prática docente no que se refere aos encaminhamentos da produção e da reescrita textual. Essa opção se justifica por acreditarmos que uma formação continuada embasada nos princípios da ação colaborativa pode auxiliar com a fundamentação teórico-metodológica acerca dos processos de produção e reescrita textual, de modo a garantir mais segurança para o desenvolvimento de sua prática pedagógica. Esse propósito investigativo sustentou-se nas seguintes indagações: a)Como um grupo de professores do 6º ao 9°ano compreende os pressupostos teórico-metodológicos previstos nas DCE? b)O que tem feito o professor do 6º ao 9°ano, em termos de encaminhamentos para a produção, correção e reescrita de textos? c)Como nós, pesquisadora, podemos desenvolver ações colaborativas focadas nas dificuldades docentes para o encaminhamento da produção, e reescrita textual, de modo a contemplar as orientações teórico-metodológicas que constam nas DCE? d)Que alterações teórico-metodológicas são apresentadas a partir das ações de mediação da pesquisadora? Assim, nosso objetivo geral foi Refletir sobre as ações colaborativas desenvolvidas em orientações teórico-metodológicas sobre a prática de produção e reescrita de texto e suas contribuições nos encaminhamentos didático-pedagógicos nas séries finais do Ensino Fundamental. A pesquisa circunscreveu-se na área da Linguística Aplicada, sob a concepção de linguagem explicitada pelo Círculo de Bakhtin, pautando-se nos princípios da teoria histórico-cultural, a partir dos estudos de Vygotsky e Leontiev, e nas propostas de ensino da produção textual abordadas, primeiramente, por Geraldi (2007[1984]), passando por vários pesquisadores da área. Assumimos, como procedimento metodológico, a pesquisa-ação-crítico-colaborativa, ao promovermos reflexões com as professoras do ensino fundamental sobre a própria prática a fim de construírem novos conhecimentos a respeito dos encaminhamentos da produção e da reescrita textual. Os resultados de todo processo da pesquisa demonstram: a) a compreensão do 7 caráter processual da escrita, que compreende as etapas de planejamento, efetivação da escrita, revisão e reescrita; b) o aprimoramento no desenvolvimento de atividades de produção e reescrita textual; c) a internalização e a apropriação dos pressupostos teórico-metodológicos concernentes à concepção de linguagem interacionista e dialógica; d) necessidade de rever a forma pontual como se organizam as formações continuadas no contexto do ensino fundamental; e) necessidade de se investir em orientações teóricas e metodológicas colaborativas quanto ao trabalho com a escrita, que possibilitem acompanhar a prática pedagógica nesse contexto de ensino.
Abstract: Since the 1980s, the Portuguese Language teaching has been discussed by scholars and researchers, based on language s supposed dialogue and interaction, as defended by the Bahktin Circle, which is the theory found in the official Curricular Guidelines (DCE) of Parana State (Brazil), which recognize the mentioned text as a teaching unit that happens in a certain discursive genre. Thus, the proposals of text productions in school should prioritize interaction, considering that for Bakhtin/Volochinov (2014[1929]), language is materialized only in concrete enunciates within a process of dialogue. The distance of such premises comprehension by Portuguese Language teachers leads to the inference that such premises were not fully understood, perhaps by the absence of adequate training and/or a period of time sufficient to articulate theory and practice, according to the document s requirements. Being part of this school reality, teaching classes in public schools, we have chosen to develop a critical-collaborative-action-research involving two 6th to 9th graders teachers of middle school, in a Northwestern city in Parana State. Therefore, the focus was specifically to the following theme: collaborative actions in the teaching practice concerning to the production and texts rewriting. Such option is justified by an understanding that continued training, based in principles of collaborative actions can help with theory-methodology premises of writing and rewriting texts, which guarantees a safer pedagogical practice development. Such investigation purpose is sustained by the following questions: a) How do 6th to 9th graders teachers understand the theory and methodology premises present in the DCE? b) What have 6th to 9th graders teachers been doing regarding to the orientation for writing and rewriting texts? c) how can we researchers develop collaborative actions focused on teachers difficulties related to their orientation for writing and rewriting texts, as to consider the theory and methodology orientations present in the DCE? d) What changes in theory and methodology are introduced based on the researcher s mediation actions? In such a way, this paper s main purpose was to think about the collaborative actions developed in the theory and methodology orientations regarding the practice of production and text rewriting and their contributions to the theory and methodology orientations in the final grades of middle school. This research is has its foundations in Applied Linguistics, under the conception of language as presented by the Bakhtin Circle, supported by the principles of historical and cultural theory, from the studies of Vygotsky, Luria, and Leontiev, and from the text writing premises proposed first by Geraldi (2007[1984]), passing by some other researchers in this field. We assume, as a methodology proceeding, the methodology principle of critical-collaborative-action research, as we promote reflections with middle school teachers on their own practice, in order to build new knowledge about the methodology orientations on production and rewriting of a text. The results of the whole research process show: a) the understanding of the process of text writing which comprehends the steps of planning, actual writing, revising, and rewriting; b) the improvement of activities of development for writing and 9 rewriting texts; c) the internalization and appropriation of the theoretical and methodological premises concerning the concept of language as interaction and dialogue; d) the need to review the way how to continue to offer teacher´s training in the middle school context; e) the need to invest in collaborative theory and methodology orientations regarding the work with writing, which enables the follow-up of the pedagogical practice in this teaching context.
Keywords: Pesquisa-ação-crítico-colaborativa
formação continuada de professores
produção textual
reescrita textual
Critical-collaborative-action research
Continue teacher´s training
Text production
Text rewriting.
CNPq areas: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Linguagem e Sociedade
Program: Programa de Pós-Graduação "Stricto Sensu" em Letras
Citation: SCHOFFEN, Rosemary de Oliveira. Colaborative Actions to development of production and essay rewriting at elementary school study. 2016. 372 f. Dissertação (Mestrado em Linguagem e Sociedade) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2459
Issue Date: 13-Sep-2016
Appears in Collections:Mestrado em Letras (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
rosemary_turkiewicz.pdf5.22 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.