Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/730
Tipo do documento: Dissertação
Title: Produção de serapilheira e chuva de sementes no corredor de biodiversidade Santa Maria, PR
Other Titles: Litter production and seed rain in biodiversity corridor Santa Maria, PR
Autor: Toscan, Maria Angélica Gonçalves 
Primeiro orientador: Temponi, Lívia Godinho
Resumo: Este trabalho teve como objetivo caracterizar a produção de serapilheira e a chuva de sementes da RPPN Fazenda Santa Maria, considerada um fragmento de floresta tardia (FT), bem como comparar estes indicadores de sucessão ecológica em um fragmento inicial (FI) e um fragmento reflorestado tardio (FRf). Para isso, foram amostradas nove parcelas de 20 x 20 m na RPPN Fazenda Santa Maria, sendo que três dessas parcelas foram selecionadas para a comparação dos indicadores de sucessão ecológica com os outros dois fragmentos, onde também foram amostradas três parcelas permanentes em cada. Nessas parcelas foram distribuídos quatro coletores de 0,5 x 0,5 m, o material depositado foi coletado mensalmente de jun/2011 a mai/2012 e triado nas frações de folhas, ramos, materiais reprodutivos e miscelânea. A partir dos materiais reprodutivos a chuva de sementes foi analisada. Entre os resultados obtidos na caracterização da RPPN Fazenda Santa Maria (FT) estão produção anual de serapilheira de 11.886 kg.ha-1, sendo agosto e setembro os meses de maiores produções. Na chuva de sementes foram coletadas 18.300 sementes, distribuídas em 79 morfoespécies. Os meses com maior abundância de sementes foram setembro (19%), outubro (20%), novembro (27%) e março (15%). A forma de vida predominante foi arbórea com 76,27% das espécies, seguido de lianas com 20,34 % e herbáceas com 3,39%. Entre as espécies arbóreas, 39,02% pertenciam à categoria sucessional de pioneiras, enquanto as categorias secundárias iniciais e tardias representaram 21,95% cada e as climácicas 17,07%. A zoocoria predominou entre as síndromes de dispersão com 52,54%, a anemocoria ocorreu em 38,98% e a autocoria em 8,47%. Já os resultados obtidos no estudo comparativo da produção de serapilheira e chuva de sementes entre os diferentes fragmentos foram: FT com a maior produção anual (11.560 Kg.ha-1), seguida de FRt (9.330 Kg.ha-1) e FI (7.838 Kg.ha-1), porém esses valores não apresentaram diferença significativa pela ANOVA. Em FRt coletaram-se 7.167 sementes de 33 espécies e em FI 4.751 sementes de 38 espécies, ambos com predomínio de sementes de espécies pioneiras e anemocóricas. Em FT (RPPN Fazenda Santa Maria) coletaram-se 2.173 sementes de 49 espécies, com predomínio de sementes de espécies secundárias tardias e climácicas e zoocóricas, onde também foi possível observar o assincronismo na produção de frutos por espécies arbóreas e lianas. Apesar da redução no número de réplicas o que levou a redução no número de sementes e espécies, o fragmento FT apresentou os melhores resultados entre os outros dois. Por meio da caracterização da produção de serapilheira e da chuva de sementes, a RPPN Fazenda Santa Maria pode ser considerada uma área de floresta tardia, com elevado potencial de regeneração e elevada disponibilidade de frutos para a fauna. E com o estudo comparativo entre os dois indicadores, pode-se observar que considerando as áreas estudadas e o número de réplicas em cada fragmento, a chuva de sementes foi um melhor indicador de sucessão ecológica em relação à produção de serapilheira
Abstract: This study aimed to characterize litter production and seed rain of RPPN Fazenda Santa Maria, considered a forest fragment late (FT), and to compare these indicators of ecological succession in a initial fragment (FI) and a fragment reforested (FRt). For this, were sampled nine plots of 20 x 20 m in RPPN Fazenda Santa Maria, and three of these plots were selected for the comparison of indicators of ecological succession with the other two fragments, which were also sampled three permanent plots in each. In these plots were distributed four traps of 0,5 x 0,5 m, the material deposited was collected monthly from jun/2011 to May/2012 and separated in the fractions of leaves, branches, reproductive materials and miscellaneous. From the reproductive materials the seed rain was analyzed. Among the results obtained in the characterization of RPPN Fazenda Santa Maria (FT) are the annual litterfall production of 11.886 kg.ha-1, being August and September the months of higher productions. In seed rain were collected 18,300 seeds distributed in 79 morphospecies. The months with the highest abundance of seeds were September (19%), October (20%), November (27%) and March (15%). The life form predominant was tree with 76,27% of the species, followed by climbers with 20,34% and herbaceous with 3,39%. Among the tree species, 39,02 % were represented by successional category of pioneer, while the early and late secondary categories accounted for 21,95% each and the climax 17,07%. The zoochory predominated among dispersal syndromes with 52,54%, while anemochory occurred in 38,98% and autocory in 8,47%. Already the results obtained in the comparative study of litterfall production and seed rain between the different fragments were: FT with the highest annual production (11.560 kg.ha-1), followed by FRt (9.330 kg.ha-1) and FI (7.838 kg.ha-1), but these values were not significantly different by ANOVA. In FRt were collected 7.167 seeds of 33 species and in FI 4.751 seeds of 38 species, both with predominance of seeds of pioneer and anemochoric species. In FT (RPPN Fazenda Santa Maria) were collected 2.173 seeds of 49 species, with a predominance of seeds of late secondary and climax and zoochoric species, where it was also possible to observe the asynchronism in the production of fruits by species of trees and climbers. Despite the reduction in the number of replicas which led to a reduction in the number of seeds and species, the FT fragment showed the best results among the other two. Through the characterization of litter production and seed rain, the RPPN Fazenda Santa Maria can be considered an area of forest late, with high potential for regeneration and high availability of fruit to the fauna. And with the comparative study between the two indicators, it can be observed that considering the studied areas and the number of replicas in each fragment, the seed rain was a better indicator of ecological succession in relation to litterfall production
Keywords: deposição de serapilheira
Floresta Estacional Semidecidual
indicadores de sucessão ecológica
zoocoria
Litterfall
seasonal semideciduous forest
indicators of succession ecological
zoochory
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Conservação e Manejo de Recursos Naturais
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Conservação e Manejo de Recursos Naturais
Citation: TOSCAN, Maria Angélica Gonçalves. Litter production and seed rain in biodiversity corridor Santa Maria, PR. 2013. 67 f. Dissertação (Mestrado em Conservação e Manejo de Recursos Naturais) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/730
Issue Date: 28-Feb-2013
Appears in Collections:Mestrado em Conservação e Manejo de Recursos Naturais (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Maria Angelica.pdf2.35 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.