Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/668
Tipo do documento: Dissertação
Title: Avaliação da terapia fotodinâmica em modelo experimental de artrite por paracoccidioides brasiliensis
Other Titles: Evaluation photodynamic therapy in an experimental model of arthritis induced by paracoccidioides brasiliensis
Autor: Tomadon, Aniele 
Primeiro orientador: Brancalhão, Rose Meire Costa
Primeiro coorientador: Loth, Eduardo Alexandre
Primeiro membro da banca: Hernandes, Luzmarina
Segundo membro da banca: Ribeiro, Lucinéia de Fátima Chasko
Resumo: A Paracoccidioidomicose (PCM), causada pelo fungo dimórfico Paracoccidioides brasiliensis, é uma das micoses sistêmicas de maior prevalência na América Latina. A infecção pode ocorrer acidentalmente por inoculação direta ou, principalmente, através da inalação de propágulos de P. brasiliensis, que se instalam inicialmente nos pulmões e podem se disseminar para órgãos e tecidos do hospedeiro. Na forma aguda da doença a principal manifestação clínica é a síndrome linfoproliferativa febril, podendo ocorrer acometimento osteoarticular; o mesmo para a forma crônica, onde em 60% dos casos há alterações ósseas e articulares, geralmente tratadas por longos períodos com antifúngicos convencionais. A terapia medicamentosa é a mais utilizada para o controle da doença, entretanto, custos elevados, baixa adesão ao tratamento e efeitos colaterais adversos, levam a necessidade de se pesquisar terapias alternativas, como a fotodinâmica (TFD), que apresenta baixo custo e toxicidade, ação local e não induz resistência aos microorganismos. Estudos in vitro têm demonstrado resultados positivos da TFD contra diversos fungos, mas não existem relatos in vivo sobre sua ação no controle de P. brasiliensis. Nesse sentido, o presente estudo objetivou avaliar a resposta da TFD em modelo experimental de artrite por P. brasiliensis. Para tanto, ratos Wistar machos (n=42), foram distribuídos em grupos submetidos à inoculação de P. brasiliensis e PBS (controle) na articulação do joelho direito. Após o desenvolvimento da artrite, os grupos foram tratados, do oitavo ao décimo primeiro dia com as terapias: grupos L40 e L120 tratados com laser nas dosagens de 40 e 120 J/cm2, grupo AM tradado com o fotossensibilizador azul de metileno e grupos TFD40 e TFD120 tratados com TFD nas dosagens de 40 e 120 J/cm2. Os tratamentos com laser e AM foram utilizados de forma individual como controle para a TFD. Nos grupos foram avaliados: o edema, através da medida do diâmetro látero-lateral da articulação; a intensidade da artrite, por exame histopatológico e a titulação do anticorpo anti-gp43, por ELISA. Os resultados mostraram que, a formação do edema foi menor nos grupos tratados com TFD 40 e 120 J/cm2 (p=0,8359 e p=0,7167, respectivamente). A análise da intensidade da artrite, revelou que o grupo tratado com TFD 120 J/cm2 apresentou as menores alterações morfológicas na articulação. A titulação de anticorpos anti-Gp43, demonstrou a maior produção de anticorpos específicos no grupo levedura, porém as diferenças não foram significativas na comparação entre os demais grupos. Assim, as evidências morfológicas de recuperação de aspectos teciduais normais, na articulação submetida a TFD 120 J/cm2, revelaram o potencial uso desta terapia na redução da artrite causada por P. brasiliensis.
Abstract: Paracoccidioidomycosis (PCM), caused by the dimorphic fungus Paracoccidioides brasiliensis, is one of the most prevalent systemic mycosis in Latin America. Infection can occur accidentally through direct inoculation or mainly through inhalation of propagules of P. brasiliensis, which are installed initially in the lungs and can spread to organs and tissues of the host. In the acute form of the disease the major clinical manifestation is the febrile lymphoproliferative syndrome, occurring osteoarticular involvement; the same for the chronic form, in which 60% of cases, bone and joint changes usually treated for extended periods with conventional antifungal agents. Drug therapy is the most widely used to treatment the disease, however, high costs, poor adherence to treatment and adverse side effects, take the need to search for alternative therapies such as photodynamic (PDT), which has low cost and toxicity, local action and does not induce resistance to microorganisms. In vitro studies have shown positive results of PDT against various fungi, but there are no in vivo reports on its action in the control of P. brasiliensis. In this sense, the present study aimed to evaluate the PDT response in an experimental model of arthritis by P. brasiliensis. For this purpose, male Wistar rats (n = 42) were divided into groups submitted to inoculation with P. brasiliensis and PBS (control) in the right knee joint. After the development of arthritis, the mice were treated from the eighth to the eleventh day to the therapy: Groups L40 and L120 laser treated at dosages of 40 and 120 J/cm2, AM group treated with the photosensitizer methylene blue and PDT40 and PDT120 groups treated with PDT at doses of 40 and 120 J/cm2. The laser and AM therapies were used individually as a control for PDT. The groups were evaluated: edema, by measuring the lateral-lateral diameter of the joint; the intensity of arthritis, for histopathology and titration of anti-gp43 antibody by ELISA. The results showed that the edema formation was lower in the groups treated with PDT 40 and 120 J/cm2 (p = 0.8359 and p = 0.7167, respectively). The analysis of the intensity of arthritis as assessed by histopathology showed that the group treated with PDT 120 J/cm2 had the lowest morphological changes in the joint. Titration of anti-gp43 antibodies, showed the highest production of specific antibodies in the yeast group, but the differences were not significant when comparing the groups. Thus, the morphological evidence of normal tissue recovery aspects, the joint subjected to PDT 120 J/cm2, revealed the potential use of this therapy in reducing arthritis caused by P. brasiliensis
Keywords: Paracoccidioidomicose, articulações, fotoquimioterapia, artrite séptica.
Paracoccidioidomycosis, joints, photochemotherapy, arthritis infectious
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Biologia, processo saúde-doença e políticas da saúde
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Biociências e Saúde
Citation: TOMADON, Aniele. Evaluation photodynamic therapy in an experimental model of arthritis induced by paracoccidioides brasiliensis. 2016. 69 f. Dissertação (Mestrado em Biologia, processo saúde-doença e políticas da saúde) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/668
Issue Date: 1-Feb-2016
Appears in Collections:Mestrado em Biociências e Saúde (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
aniele_ tomadon.pdf1.9 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.