Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4985
Tipo do documento: Dissertação
Title: Ácido guanidinoacético, nucleotídeos e microminerais na alimentação de frangos de corte
Autor: Santos, Emanuelle Cristine dos 
Primeiro orientador: Nunes, Ricardo Vianna
Primeiro coorientador: Eyng, Cinthia
Primeiro membro da banca: Nunes, Ricardo Vianna
Segundo membro da banca: Carvalho, Paulo Levi de Oliveira
Terceiro membro da banca: Cella, Paulo Segatto
Resumo: Pelo fato de o Brasil ser um dos maiores produtores de aves do mundo, requerendo constantemente busca por novas soluções para sua produção, sabendo ainda que o peito deve atender aos padrões de exigência do mercado, considerando que as miopatias provoquem rejeições aos consumidores e que os estudos sobre miopatia ainda não são comprobatórios. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da suplementação de diferentes minerais (selênio e cromo) e aditivos alimentares (ácido guanidinoacético e nucleotídeos) sobre desempenho, parâmetros sanguíneos, rendimento de carcaça e cortes, qualidade da carne, composição centesimal e incidência de miopatias peitorais. Foram utilizados 1500 aves, distribuídas em um delineamento experimental inteiramente casualizado em esquema fatorial 4 x 3, totalizando 12 tratamentos e 5 repetições por tratamento Os tratamentos consistiram em 2 fatores de suplementação, sendo o primeiro da suplementação de microminerais: (I) uma ração controle, (II) ração controle suplementada com 0,25 mg kg-1 de selênio (III) ração controle suplementada com 0,50 mg kg-1 de cromo e (IV) ração controle suplementada com 0,25 mg kg-1 de selênio e 0,50 mg kg-1 de cromo) e outro fator foi a suplementação de aditivos alimentares: (I) sem aditivo, (II) 600 mg kg-1 de ácido guanidinico acético – GAA (III) 1000 mg kg-1 de nucleotídeos. Para a análise estatística o software estatístico SAS® foi utilizado para analisar todas as variáveis paramétricas. Posteriormente foram submetidos à análise de variância, e em caso de diferença P<0.05, as médias foram comparadas pelo teste de Tukey. Os resultados da avaliação da incidência de miopatias foram submetidos ao teste de Kruskal Wallis, em caso de diferença significativa, as médias foram comparadas pelo método de Bonferroni a P <0.05. Para os parâmetros bioquímicos do sangue foi observada interação (P = 0.023) para a creatinina quinase (CK) aos 42dias. A quantidade de proteína bruta na carne de peito apresentou interação (P = 0.009) entre os aditivos alimentares e os minerais para as aves abatidas aos 42dias. A perda por cocção (PPC) apresentou interação (P = 0.028) aos 42 dias de idade. A coloração da carne aos 42 dias de idade foi observado interação (P = 0.002) para o efeito L* 24 horas pós-mortem . Substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS, mg MDA g-1) na carne de peito de frangos de corte aos 42 dias de idade apresentou interação(P=0.002) entre os tratamentos para oxidação lipídica ao 30º dia do período de armazenamento. Houve interação(P = 0.006 e P = 0.037), entre os tratamentos para o escore de peito madeira e estrias. Em conclusão, a suplementação de nucleotídeos dietéticos às dietas não afetou o desempenho, rendimento de carcaça e cortes, perfil sanguíneo e qualidade de carne. A suplementação com GAA reduziu a severidade(7.8%) da WB , a incidência dos escores severo(11.1%) e moderado(22.2%) do WS aos 42 dias de idade. Os resultados associados ao WB e WS sugerem que o GAA como precursor da Creatina pode ter um benefício potencial na redução da gravidade dessas miopatias.
Abstract: Due to the fact that Brazil is one of the largest poultry producers in the world, constantly requiring search for new solutions for their production, also knowing that the breast must meet the requirements of the market, considering that myopathies cause rejections to consumers and that studies on myopathy are not yet confirmed. Thus, the objective of this work was to evaluate the effect of supplementation of different minerals (selenium and chromium) and food additives (guanidinoacetic acid and nucleotides) on performance, blood parameters, carcass and cut yield, meat quality, proximate composition and incidence of pectoral myopathies. A total of 1500 broilers were used, distributed in a completely randomized design in a 4 x 3 factorial scheme, totaling 12 treatments and 5 replications per treatment. , (II) control diet supplemented with 0.25 mg kg-1 selenium (III) control diet supplemented with 0.50 mg kg-1 of chromium and (IV) control diet supplemented with 0.25 mg kg-1 of selenium and 0.50 mg kg-1 of chromium) and another factor was the supplementation of food additives: (I) without additive, (II) 600 mg kg-1 of acetic guanidinic acid - GAA (III) 1000 mg kg-1 of nucleotides. At 10, 28 and 42 days of age, broilers weight and feed intake were recorded for performance evaluation, and blood was collected from two birds per UE for assessment of blood parameters. For carcass yield, cuts and meat quality, two poultry were slaughtered per EU at 42 days of age. Subsequently, they were submitted to analysis of variance, and in case of difference P <0.05, the means were compared using the Tukey test. The results of the evaluation of the incidence of myopathies were submitted to the Kruskal Wallis test, in case of significant difference, the means were compared by the Bonferroni method at P <0.05. For blood biochemical parameters, interaction (P = 0.023) for creatinine kinase (CK) was observed at 42 days. The amount of crude protein in breast meat showed an interaction (P = 0.009) between food additives and minerals for birds slaughtered at 42 days. Cooking loss (PPC) showed an interaction (P = 0.028) at 42 days of age. Meat color at 42 days of age was observed interaction (P = 0.002) for the L * effect 24 hours post-mortem. Substances reactive to thiobarbituric acid (TBARS, mg MDA g-1) in broiler breast meat at 42 days of age showed an interaction (P = 0.002) between treatments for lipid oxidation at the 30th day of the storage period. There was an interaction (P = 0.006 and P = 0.037) between treatments for the wood chest score and stretch marks. In conclusion, supplementation of dietary nucleotides to diets did not affect performance, carcass and cut yield, blood profile and meat quality. Supplementation with GAA reduced the severity (7.8%) of WB, the incidence of severe (11.1%) and moderate (22.2%) WS scores at 42 days of age. The results associated with WB and WS suggest that GAA as a precursor to Creatine may have a potential benefit in reducing the severity of these myopathies.
Keywords: Avicultura
Miopatia
White striping
Wood breast
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRÁRIAS:ZOOTECNIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: SANTOS, Emanuelle Cristine dos. Ácido guanidinoacético, nucleotídeos e microminerais na alimentação de frangos de corte. 2020. 65 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2020.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4985
Issue Date: 13-Mar-2020
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia (MCR)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Emanuelle_Santos_20201.47 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons