Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4249
Tipo do documento: Dissertação
Title: Fertilidade do solo, crescimento e nutrição mineral do eucalipto fertilizado com lodos de efluentes agroindustriais
Autor: Eckhardt, Daniele Cristina Schons 
Primeiro orientador: Lana, Maria do Carmo
Primeiro coorientador: Malavasi, Ubirajara Contro
Primeiro membro da banca: Lana, Maria do Carmo
Segundo membro da banca: Ruppenthal, Viviane
Terceiro membro da banca: Pivetta, Laércio Augusto
Resumo: A aplicação de lodos de efluentes agroindustriais no solo pode ser uma excelente alternativa, devido ao potencial fertilizante e condicionador de solos, por proporcionar a possibilidade de obter incrementos nos teores de nutrientes essenciais e no crescimento de plantas de eucalipto. Porém, ainda são escassos os trabalhos utilizando resíduos destas fontes. Em vista disso, o objetivo do presente trabalho foi avaliar os efeitos morfofisiológicos e edáficos da aplicação de três tipos de lodos de efluentes provenientes de agroindústrias alimentícias no crescimento inicial de um híbrido de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis (Eucalyptus urograndis); por meio da quantificação dos efeitos de doses de lodos sobre (i) os parâmetros morfológicos do eucalipto, (ii) os teores foliares de macro e micronutrientes e (iii) sobre a fertilidade do solo e seus atributos químicos. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso em esquema fatorial (4x4)+1, com quatro repetições; no qual o primeiro fator refere-se aos lodos de efluentes utilizados (lodo primário de abatedouro de aves (LPAI), lodo secundário de laticínio (LSLI) e lodo terciário de laticínio (LTLI), todos incorporados ao solo, e lodo terciário de laticínio em cobertura (LTLC)); o segundo fator é composto pelas quatro doses de cada lodo (10, 20, 30 e 40 t ha-1); e uma testemunha, sem a aplicação de lodo de efluente. O experimento foi conduzido em casa de vegetação em vasos por um período de 100 dias. Os resultados indicam que a aplicação de lodos de efluentes agroindustriais promoveu efeitos benéficos no desenvolvimento inicial da cultura de E. urograndis, influenciou os teores foliares de nutrientes e incrementou os atributos químicos relacionados à fertilidade do solo. Melhores resultados foram encontrados com o uso de LSLI, que apresentou resultados satisfatórios quanto aos teores foliares de macro e micronutrientes, maiores incrementos de parâmetros morfológicos e da fertilidade do solo. Resultados satisfatórios também foram observados com a aplicação de lodo terciário de laticínio, sendo que a aplicação em cobertura proporcionou resultados mais adequados quanto aos atributos químicos do solo e maiores teores de P no tecido vegetal. A aplicação de LPAI resultou em deficiência nutricional de K e baixos teores do elemento no solo, o que ocasionou efeitos negativos sobre os parâmetros morfológicos do eucalipto nas maiores doses testadas. Baixos teores de K no solo, também foram observados com a aplicação de LSLI e LTLI, embora não tenham sido observados efeitos negativos no crescimento inicial da cultura. Recomenda-se a suplementação mineral de K na aplicação incorporada de LPAI, LSLI e LTLI. Quanto às doses, recomenda-se, para os lodos secundário e terciário de laticínio, a aplicação de 30 a 40 t ha-1 e, para o lodo primário de abatedouro de aves, entre 17 e 27 t ha-1. Os teores de Pb, Cd, Cr e Cu estão abaixo do limite de investigação para áreas agrícolas, portanto, os resíduos podem ser utilizados de maneira ambientalmente segura nas doses avaliadas de 10 a 40 t ha-1.
Abstract: The using of agroindustrial effluent sludge in soil can be an excellent alternative due to the fertilizing and soil conditioner potential because it provides the possibility of achieving increases in essential nutrient contents and growth of eucalyptus plants. However, work using waste from these sources is still scarce. In view of this, the aim of the present work was to evaluate the morphophysiological and edaphic effects using three effluent kinds of sludge from the food industry in the initial growth of a hybrid of Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis (Eucalyptus urograndis); through the quantification of sludge doses effects on (i) the morphological parameters of eucalyptus, (ii) the macro and micronutrient foliar contents and (iii) the soil fertility and its chemical attributes. The experimental outline was the randomized block in factorial scheme (4x4)+1, with four repetitions, in which the first factor refers to the effluent sludge used (poultry slaughterhouse primary sludge (LPAI), dairy secondary sludge (LSLI) and dairy tertiary sludge (LTLI), all incorporated into the soil; and dairy tertiary sludge in coverage (LTLC)); the second factor were the four doses of each kind of sludge (10, 20, 30, and 40 t ha-1) and a control, without the application of effluent sludge. The experiment was conducted in a greenhouse in pots for a period of 100 days. The results indicate that the application of effluent sludge promoted beneficial effects in the early development of E. urograndis, it influenced leaf nutrient content and increased the chemical attributes related to soil fertility. Better results were found with the use of LSLI, which presented satisfactory results regarding macro and micronutrient foliar contents, higher morphological parameters and soil fertility. Satisfactory results were also observed with the use of dairy tertiary sludge, being that the application in cover provided adequate results regarding the chemical soil attributes and higher levels of P in the vegetal tissue. The application of LPAI resulted in nutritional deficiency of K and low levels of soil element, which caused negative effects on the morphological parameters of eucalyptus in the highest doses tested. Low levels of K in soil were also observed with the application of LSLI and LTLI, although no negative effects were observed on the initial growth of the culture. It is recommended to supplement K mineral in the incorporated application of LPAI, LSLI and LTLI. As for the doses, it is recommended, for secondary and tertiary sludge of dairy, the application of 30 to 40 t ha-1 and, for primary sludge, between 17 and 27 t ha-1. The Pb, Cd, Cr and Cu levels are below the limit of research for agricultural areas, therefore, the residues can be used in an environmentally safe manner in the evaluated doses of 10 to 40 t ha-1.
Keywords: Eucalyptus urograndis
Resíduos agroindustriais
Agricultura
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRÁRIAS:AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: ECKHARDT, Daniele Cristina Schons. Fertilidade do solo, crescimento e nutrição mineral do eucalipto fertilizado com lodos de efluentes agroindustriais. 2019. 64 f. Dissertação ( Mestrado em Agronomia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4249
Issue Date: 14-Feb-2019
Appears in Collections:Mestrado em Agronomia (MCR)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniele_Eckhardt_20192.34 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons