Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3945
Tipo do documento: Dissertação
Title: Caracterização físico-química, microbiológica e de compostos bioativos de amostras de mel de Apis mellifera L. do Oeste do Paraná, Sul do Brasil
Autor: Galhardo, Douglas 
Primeiro orientador: Garcia, Regina Conceição
Primeiro coorientador: Chambó, Emerson Dechechi
Primeiro membro da banca: Zambom , Maximiliane Alavarse
Segundo membro da banca: Braga, Gilberto Costa
Terceiro membro da banca: Toledo, Vagner Alencar Arnaut de
Resumo: O mel produzido na região Oeste do Paraná, devido as suas qualidades físico-químicas e a organização agroindustrial, que envolve seu processamento e comercialização obteve o selo de Indicação de Procedência. Assim este estudo avaliou as características físico-químicas, compostos fenólicos, atividade antioxidante e a qualidade microbiológica de 67 amostras de mel de Apis mellifera, coletadas em 14 municípios localizados na região Oeste do estado do Paraná, Sul do Brasil. Foram submetidas a análises físico-químicas: umidade, pH, hidroximetilfurfural, acidez, proteína, cinzas, açúcares totais, açúcares redutores, sacarose, cor, condutividade elétrica e também foi avaliado fenóis totais, flavonoides e a atividade antioxidante pelos métodos de FRAP, ABTS e DPPH. A qualidade microbiológica foi realizada, avaliando a contagem de coliformes a 35ºC e a 45ºC, bactérias aeróbias mesófilas, Clostridium spp., contagem total de mofos e leveduras. Foram calculados os valores mínimos e máximos, medianas, médias e quartis. O emprego do escalonamento não métrico multidimensional foi utilizado para testar as similaridades dos parâmetros entre diferentes amostras de mel. A qualidade microbiológica das amostras de mel analisadas apresentou valores adequados para consumo humano. Foram isolados cinco gêneros de mofo: Cladosporium spp., Phoma spp., Aspergillus spp., Fusarium spp. e Penicillium spp., comumente encontrados no mel. As avaliações físico-químicas em sua maioria encontraram-se dentro das especificações determinadas pelas legislações nacional e internacional. Os valores médios foram de 18,75% para umidade, pH de 3,26, HMF de 10,79 mg.kg-1, acidez de 34,54 meq.kg-1, teor de proteína de 0,28%, cinzas de 0,14%, açúcares totais de 69,09%, açúcares redutores de 64,57%, sacarose de 4,28% e 340,10 µS.cm-1 para condutividade. A cor na escala Pfund apresentou 0,26 mm, havendo uma dominância de tonalidades mais claras, o que favorece a aceitabilidade e comercialização do mel produzido na região. Os compostos fenólicos totais foram analisados pelo Folin-Ciocalteu e flavonoides pelo método de complexação com cloreto de alumínio, apresentando teor médio de 34,83 mgGAE.100 g-1 e 16,26 mgEQ.100 g-1, respectivamente. A atividade antioxidante das amostras de mel apresentou valor médio de 0,12 µmolET. g-1 para DPPH, de 1,01 µmolET. g-1 ABTS+, e de 2,68 µmolSFE. g-1 para FRAP. As análises apresentaram a formação de dois grupos para avaliação microbiana, ocorrendo um grande grupo com 64 amostras e um grupo isolado, destacando os valores de coliformes totais. Em relação aos parâmetros físico-químicos, compostos bioativos e atividade antioxidante, a análise verificou a formação de nove grupos, comportando-se de modo semelhantes em relação a alguns parâmetros. As avaliações apresentaram que as amostras de mel dos 14 municípios possuem grande similaridade. Esses resultados são importantes para confirmar a qualidade do mel produzido no Oeste do Paraná.
Abstract: The honey produced in the west region of Paraná, due to its physical-chemical qualities and the agro-industry organization, which involves its processing and commercialization, obtained the seal of Indication of Provenance. The objective of this study was to characterize the physicochemical characterization, phenolic compounds, antioxidant activity and the microbiological quality of 67 honey samples of Apis mellifera collected in 14 municipalities located in the West region of the state of Paraná, southern Brazil. The physico-chemical analyzes were: moisture, pH, hydroxymethylfurfural, acidity, protein, ashes, total sugars, reducing sugars, sucrose, color, electrical conductivity and also the total phenol, flavonoids and antioxidant activity were evaluated. FRAP, ABTS and DPPH. Microbiological quality was evaluated by counting coliforms at 35ºC and at 45ºC, mesophilic aerobic bacteria, Clostridium spp., total counts of molds and yeasts. The minimum and maximum values, medians, means and quartiles were calculated. The use of non-metric multidimensional scaling (NMDS) was used to test the differences of the parameters between different samples of honey. The microbiological quality of the analyzed honey samples presented adequate values for human consumption. Five genus of mold were isolated: Cladosporium spp., Phoma spp., Aspergillus spp., Fusarium spp. and Penicillium spp., commonly found in honey. The physico-chemical evaluations were mostly within the specifications determined by national and international legislation. The mean values were 18.75% for moisture, pH of 3.26, HMF of 10.79 mg.kg-1, acidity of 34.54 meq.kg-1, protein content of 0.28%, ash of 0.14%, total sugars of 69.09%, reducing sugars of 64.57%, sucrose of 4.28%, and 340.10 μS.cm-1 for conductivity. The color on the Pfund scale showed 0.26 mm, with a predominance of lighter shades, which favors the acceptability and commercialization of honey produced in the region. The total phenolic compounds were analyzed by Folin-Ciocalteu and flavonoids by the complexation method with aluminum chloride, with a mean content of 34.83 mgGAE.100 g-1 and 16.26 mgEQ.100 g-1, respectively. The antioxidant activity of honey samples presented a mean value of 0.12 μmolET. g-1 for DPPH of 1.01 μmolET. g-1 ABTS +, and 2.68 μmolSFE. g-1 for FRAP. The analyzes presented the formation of two groups for microbial evaluation, with a large group with 64 samples and one isolated group, highlighting the total coliform values. In relation to the physical-chemical parameters, bioactive compounds and antioxidant activity, the analysis verified the formation of nine groups, behaving similarly in relation to some parameters. The evaluations showed that the samples of the municipalities evaluated presented great similarity. These results are important to confirm the quality of the honey produced in the West of Paraná
Keywords: Ácidos fenólicos
Coliformes
Cor
Denominação de origem
Flavonoides
Microrganismos
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRÁRIAS:ZOOTECNIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: GALHARDO, Douglas. Caracterização físico-química, microbiológica e de compostos bioativos de amostras de mel de Apis mellifera L. do Oeste do Paraná, Sul do Brasil. 2018. 68 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3945
Issue Date: 8-Mar-2018
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia (MCR)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Douglas_Galhardo_2018.pdf959.33 kBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons