Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2887
Tipo do documento: Tese
Title: Variabilidade espacial e temporal da produtividade, atributos do solo, planta e características físico-químicas de frutos em pomar de peras
Other Titles: Spatial and temporal variability of productivity, soil and plant Properties and physicochemical characteristics of fruit in a pear orchard
Autor: Konopatzki, Marcia Regina Siqueira 
Primeiro orientador: Souza, Eduardo Godoy de
Resumo: O interesse por informações técnicas e econômicas dos países com potencial para a produção cresce com o aumento da demanda por frutas no mercado mundial. A fruticultura é, no Estado do Paraná, alternativa agrícola de potencial sucesso. Dentre as frutas de clima temperado, a pera (pyrus communis) é a terceira mais consumida e a mais importada pelo Brasil. O consumo atual é da ordem de 150 mil toneladas ao ano e a produção não atinge 10% do total consumido. A dimensão do mercado interno favorece iniciativas de aumento da produção nacional da fruta, ressaltando-se, contudo, limitações tecnológicas e econômicas para que se atinja tal objetivo. Dentre as tecnologias que visam agregar valor ao produto, destacam-se a PIF (Produção Integrada de Frutas) e a AP (Agricultura de Precisão). Essas técnicas em conjunto podem possibilitar um salto de qualidade na produção brasileira de frutas. Nos últimos anos, as pesquisas em agricultura de precisão têm focado em outras culturas, além dos cereais comumente pesquisados, dentre elas está a fruticultura de precisão. Assim, o objetivo deste trabalho foi estudar a variabilidade espacial e temporal da produtividade, dos atributos físicos e químicos do solo, da planta e as características físicoquímicas de frutos em pomares de peras. A área experimental corresponde a 1,24 ha, localizada nas coordenadas geográficas 25°23 22 S, 52°34 15 O, com altitude média de 750 m, localizada no município de Nova Laranjeiras PR. No talhão, foram cultivadas 146 pereiras da variedade Pera D água. A variabilidade da produtividade dentro do pomar foi considerada muito alta, logo, caracteriza-se como uma grande heterogeneidade, mas há uma correlação linear muito fraca e fraca com todos os atributos físicos e químicos do solo e químicos da planta, e correlação linear e não linear moderada com o comprimento do fruto. Todas as variáveis estudadas apresentaram estrutura de dependência espacial, com exceção da macroporosidade, porosidade total (0-20 cm) e densidade do fruto, o que permite a aplicação localizada de fertilizantes. A metodologia de geração de unidade de manejo (UM) com produtividade normalizada foi a mais adequada por proporcionar distribuição mais apropriada das UMs quanto ao manejo da área
Abstract: The concernment in technical and economic information from some countries grows with the increasing demand for fruits in the world trading. The horticulture, in Paraná state, is an agricultural alternative with a great potential for success. Among the fruits from mild weather, pear (pyrus communis) is the third most consumed and most imported by Brazil. The current consumption is nearly 150 thousand tons per year and production does not reach 10% of total consumption. The extent of the internal market encourages some efforts to increase the national production of fruit, emphasizing, however, technological and economic restrictions to the achievement of such goal. Among the technologies that aim at adding value to the product, IFP (Integrated Fruit Production) and PA (Precision Agriculture) can be highlighted. The association of these techniques can allow a qualitative increase in Brazilian fruits production. In recent years, researches in precision agriculture have been focused on other cultures, besides the cereals that have already been studied, there can be found Precision Horticulture. Thus, this trial aimed at studying spatial and temporal variability of yield as well as physical and chemical properties of soil, plant and physicochemical characteristics of fruits in a pear orchard. The experimental area has 1.24 ha, at coordinates 25° 23' 22" S; 52° 34' 15" W, with an average altitude of 750 m, in Nova Laranjeiras - PR. In the plot, 146 pear trees of Pera D água variety were cropped. The yield variability in the orchard was considered as very high, being characterized as a great heterogeneity. On the other hand, there is a very weak and weak linear correlation with all physical and chemical properties of soil and the chemical characteristics of plants as well as a moderate linear and non-linear correlation with the fruit size. All the studied variables presented structure of spatial dependence, except macroporosity, total porosity (0-20 cm) and fruit density, which allows a site-specific fertilization. The methodology for generation of management zones (MZ) using standard yield was the best one since it has provided the most suitable distribution of MZ in relation to the area management
Keywords: fruticultura de precisão
geoestatística
mapas temáticos
Precision horticulture
geostatistics
thematic maps
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Engenharia
Program: Programa de Pós-Graduação "Stricto Sensu" em Engenharia Agrícola
Citation: KONOPATZKI, Marcia Regina Siqueira. Spatial and temporal variability of productivity, soil and plant Properties and physicochemical characteristics of fruit in a pear orchard. 2011. 172 f. Tese (Doutorado em Engenharia) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2887
Issue Date: 16-Dec-2011
Appears in Collections:Doutorado em Engenharia Agrícola (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Marcia Regina.pdf2.17 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.