Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/900
Tipo do documento: Dissertação
Title: Os sentidos atribuídos à linguagem escrita por crianças do primeiro ano do ensino fundamental
Other Titles: The meanings assigned to written language by children from the first year of elementary school
Autor: Daros, Thuinie Medeiros Vilela 
Primeiro orientador: Brotto, Ivete Janice de Oliveira
Primeiro membro da banca: Goulart, Cecilia Maria Aldigueri
Segundo membro da banca: Souza, Maria Cecília Braz Ribeiro de
Resumo: Esta dissertação é o resultado de pesquisa realizada entre 2012 e 2014 alocada no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Abordou a seguinte questão: Que sentidos as crianças atribuem à linguagem escrita no primeiro ano do Ensino Fundamental? A problemática levantada teve um duplo desdobramento: por um lado, a necessidade de tratar das concepções de linguagem frente ao processo de apropriação da escrita no contexto da ampliação da escolaridade obrigatória, por outro, compreender as crianças enquanto sujeitos sociais, pertencentes a grupos sociais, em condições reais de existência. A investigação correspondeu a uma pesquisa de abordagem qualitativa organizada em duas etapas: a) pesquisa bibliográfica e documental e b) pesquisa de campo. Utilizou como instrumentos para geração de dados a realização de entrevistas semiestruturada e a coleta de desenhos infantis, com 67 crianças entre 5 e 6 anos, matriculadas regularmente em quatro turmas de escolas públicas do município de Foz do Iguaçu-PR. A análise das enunciações dos sujeitos da pesquisa foi realizada com base no referencial teórico da Teoria da Enunciação de Mikhail Bakhtin, principalmente a partir das categorias de interação verbal, dialogismo, polifonia e alteridade. Com o intuito de compreender os modos de pensar próprios das crianças, recorreu-se aos estudos de Lev Semenovitch Vigotski e Alexis Nikoláievtch Leontiev. Os resultados da investigação apontaram que há diferentes sentidos atribuídos à linguagem escrita pelas crianças do primeiro ano do Ensino Fundamental. Estes diferentes sentidos são decorrentes da maneira como as professoras têm concebido e conduzido o ensino da linguagem escrita, bem como consideram as especificidades das crianças e suas infâncias. Buscar compreender os sentidos atribuídos à linguagem escrita no primeiro ano do Ensino Fundamental, tendo a criança como sujeito ativo no processo de pesquisa, permitiu evidenciar a necessidade posta aos profissionais da educação de promover, por meio de suas práticas pedagógicas, interlocuções discursivas durante o ensino da linguagem escrita.
Abstract: This dissertation is a result of research carried out between 2012 and 2014, linked to the Postgraduate Program in Education at the State University of West Paraná. The aim was to address the following question: What meanings do the children assign to written language in the first year of Elementary School? The issue raised here is twofolded: on the one hand, there is the need to address the concepts of language regarding the writing appropriation process in the context of the expansion of compulsory schooling; on the other hand, there is the need to conceive children as social subjects, belonging to social groups, in real conditions of existence. The study is a qualitative research organized into two steps: a) literature review and documentary research, and b) field research. The instrument of data collection consisted of semi-structured interviews and collection of children s drawings, involving 67 children between 5 and 6 years old attending regularly four classes in public schools in Foz do Iguaçu (Paraná, Brazil). The analysis of the research subjects utterances was based on the theoretical framework of Mikhail Bakhtin s Theory of Enunciation, particularly the concepts of verbal interaction, dialogism, polyphony and otherness. In order to understand the ways of thinking that are peculiar to children, the study was based on works by Lev Semenovitch Vigotski and Alexis Leontiev. The results showed that there are different meanings assigned to written language by children in the first year of Elementary School. These different meanings are due to the way the teachers have designed and conducted the teaching of written language, as well as the way they consider the specificities of children in their childhoods. The attempt to understand the meanings assigned to written language in the first year of Elementary School, viewing the child as an active subject in the research process allowed to realize the necessity of education professionals promoting, by means of their teaching practices, discursive interlocutions during the education of written language.
Keywords: Alfabetização
Linguagem escrita
Criança
Infância
Primeiro ano do Ensino Fundamental
Literacy
Language: Child
Childhood: The first year of Elementary School
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Sociedade, Estado e Educação
Program: Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Educação
Citation: DAROS, Thuinie Medeiros Vilela. The meanings assigned to written language by children from the first year of elementary school. 2014. 192 f. Dissertação (Mestrado em Sociedade, Estado e Educação) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/900
Issue Date: 28-Apr-2014
Appears in Collections:Mestrado em Educação(CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Thuinie Daros _Dissertacao final.pdf2.53 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.