Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4357
Tipo do documento: Dissertação
Title: Uso de wetlands construídos na remoção de 17α-metiltestosterona de águas de piscicultura
Other Titles: Use of constructed wetlands on the removal of 17α-methyltestosterone from fish farming waters
Autor: Castanha, Andréa Paula Jardim 
Primeiro orientador: Lindino, Cleber Antônio
Primeiro membro da banca: Lindino, Cleber Antônio
Segundo membro da banca: Bariccatti, Reinaldo Aparecido
Terceiro membro da banca: Zara, Ricardo Fiori
Resumo: A piscicultura vem se destacando no cenário nacional após incorporar técnicas de cultivo e manejo que aperfeiçoaram a produção e, dentre elas, está a masculinização dos alevinos realizada com a administração do hormônio 17α-metiltestosterona. No entanto, há poucas ações preventivas na atividade para que este efluente, contendo o hormônio, seja lançado in natura no ambiente aquático. Portanto, há a eminente necessidade do desenvolvimento de técnicas adequadas para o tratamento do efluente que possam reter o hormônio. O presente trabalho trata da montagem do sistema de wetlands construídos de escoamento subsuperficial e fluxo vertical para a retenção do hormônio 17α-metiltestosterona e, para isso, desenvolveu-se a construção de quatro protótipos contendo como substrato o resíduo de terra diatomácea e areia de filtro, com análises de UV/VIS, pH, condutividade elétrica, turbidez, DBO e DQO, verificando o desenvolvimento vegetal, retenção do hormônio e a hidrodinâmica do sistema. O sistema contendo terra diatomácea favoreceu o desenvolvimento vegetal, mas no protótipo composto por areia de filtro o desenvolvimento foi inibido pela ausência de nutrientes. No monitoramento dos parâmetros físico-químicos constatou-se que o protótipo com terra diatomácea continha valores elevados de condutividade elétrica, promovido pela decomposição da carga orgânica presente no resíduo e na análise de DBO e DQO após a estabilização do sistema, constatou-se a eficiência de 99,99 % de remoção. Todos os parâmetros aferidos ficaram dentro dos valores estabelecidos pela legislação vigente. Os resultados foram satisfatórios em todos os aspectos, demonstrando que os dois substratos podem ser utilizados e a técnica de wetlands construídos considerada como promissora no tratamento de efluentes contendo o hormônio 17α-metiltestosterona.
Abstract: The fish farming has been highlighting in the national scene after incorporating cultivation and management techniques that improved the production and among them is the masculinization of the fingerlings realized with the administration of the hormone 17α-methyltestosterone. However, there are few preventive actions in the activity so that this effluent, containing the hormone, is released in natura in the aquatic environment. Therefore, there is the imminent need to develop adequate techniques for the treatment of the effluent that can retain the hormone. The present work treats the system montage of constructed wetlands whit subsurface flow and vertical flow for the retention of 17α-methyltestosterone hormone for this development of making of four prototypes containing as substrate the diatomaceous earth residue and filter sand, with analyzes UV-vis, pH, electrical conductivity, turbidity, BOD and COD, verifying the development of vegetable, retention of the hormone and hydrodynamics of the system. The system containing diatomaceous earth favored development of vegetable, but the sand filter compound development was inhibited by the absence of nutrients. At the monitoring of physical-chemical parameters it was found that the prototype with diatomaceous earth contained high values of electrical conductivity, promoted by the decomposition organic matter present in the residue and In the analysis of BOD and COD after the stabilization of the system, was verified the efficiency of 99.99% of removal. All parameters were within the values established by current legislation. The results were satisfactory in all respects, evidencing that the two substrates can be used and the constructed wetlands technique considered promising in the treatment of effluents containing the hormone 17α-methyltestosterone.
Keywords: Tratamento de efluente
Resíduos sólidos
Terra diatomácea
Poluentes emergentes
Effluent treatment
Solid wastes
Diatomaceous earth
Emerging pollutants
CNPq areas: ECOLOGIA::ECOLOGIA APLICADA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Engenharias e Ciências Exatas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais
Campun: Toledo
Citation: CASTANHA, Andréa Paula Jardim. Uso de wetlands construídos na remoção de 17α-metiltestosterona de águas de piscicultura. 2019. 52 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Toledo, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/4357
Issue Date: 8-Mar-2019
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Ambientais (TOL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Andrea_Castanha_2019.pdf3.37 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.