Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3797
Tipo do documento: Tese
Title: Efeito protetivo de um produto comercial a base de sulfato de cálcio (Fert protetor®) em cafeeiro, eucalipto e feijoeiro
Autor: Estevez, Rogério Lopes 
Primeiro orientador: Stangarlin, José Renato
Primeiro membro da banca: Kuhn, Odair José
Segundo membro da banca: Assi, Lindomar
Terceiro membro da banca: Viecelli, Clair Aparecida
Quarto membro da banca: Meinerz, Cristiane Claudia
Quinto membro da banca: Stangarlin, José Renato
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito protetivo de um produto comercial a base de sulfato de cálcio (Fert Protetor) nas culturas do cafeeiro, eucalipto e feijoeiro. Os experimentos foram conduzidos nos municípios de Mandaguari, PR para as culturas de café e feijão, e em Mogi Guaçu, SP para a cultura do eucalipto, utilizando-se como tratamentos as concentrações de 0%, 4%, 8%, 16% e 32% de Fert Protetor®. Em café o Fert Protetor® foi aplicado semanalmente, em mudas de viveiro a partir da presença do 2o par de folhas. As avaliações foram realizadas durante o período de viveiro e 60 dias após o transplante pelo método não destrutivo, verificando-se a incidência e a severidade relativa da mancha aureolada, altura de planta, diâmetro do colo, volume de raiz e taxa de sobrevida pós-plantio. No experimento com eucalipto foram utilizados os clones IPB22 e IPB26 (Eucalyptus grandis x E. urophylla), nos quais foram realizadas aplicações quinzenais de Fert Protetor®, por 120 dias As variáveis analisadas foram altura da parte aérea, diâmetro do colo, porcentagem de enraizamento de miniestacas e atividade da enzima peroxidase. Para o experimento com feijoeiro o Fert Protetor® foi aplicado nos estádios V3, R5 e R7 e foram avaliadas a severidade relativa da doença fogo selvagem, variáveis agronômicas, produtividade e indução da fitoalexina faseolina. Os resultados para o experimento com café mostraram que todas as dosagens de Fert Protetor® foram eficientes no controle da mancha aureolada, contudo, as dosagens de 8%, 16% e 32% diminuíram em até 70% a severidade da doença (p<0,05). Todas as demais variáveis foram influenciadas positivamente pelas doses Fert Protetor®. No experimento com eucalipto, a aplicação de Fert Protetor®, principalmente em 16% e 32%, resultou em maior altura, diâmetro de colo, enraizamento das miniestacas e atividade de peroxidase para os dois clones estudados. Para o experimento com feijoeiro, os resultados mostraram que o uso de Fert Protetor® diminuiu a severidade da doença em até 90%, influenciando positivamente todas variáveis agronômicas e melhorando a produtividade. As dosagens mais baixas de 4% e 8 % não foram eficientes na indução de faseolina nos hipocótilos do feijão, contudo, as dosagens de 16% e 32% apresentaram-se como bons indutores, sendo superiores ao tratamento positivo com acibenzolar-S-metil, superando-o em 17% e 21%, respectivamente, na síntese dessa fitoalexina.Conclui-se que aplicação de Fert Protetor® em cafeeiro, eucalipto e feijoeiro pode controlar doenças e incrementar variáveis agronômicas, garantindo maior produtividade, e inclusive ativando mecanismos de defesa vegetal como a fitoalexina faseolina em feijoeiro e a enzima peroxidase em eucalipto.
Abstract: The objective of this work was to evaluate the protective effect of a commercial product based on calcium sulfate (Fert Protetor®) in coffee, eucalyptus and common bean crops. The experiments were carried out in the municipalities of Mandaguari, PR for the coffee and bean crops, in Mogi Guaçu, SP, for a eucalyptus crop, using 0%, 4%, 8%, 16% and 32% Fert Protector®. In coffee the Fert Protector® was applied weekly in nursery seedlings from the presence of the second pair of leaves. As the evaluation was carried out during the nursery period and 60 days after transplantation by the non-destructive method, the incidence and relative severity of the aureolated spot, plant height, neck diameter, root volume and post- plan. There is no experiment with eucalyptus for the use of clones IPB22 and IPB26 (Eucalyptus grandis x E. urophylla), in which biweekly applications of Fert Protetor® were carried out for 120 days. As variables analyzed were shoot height, rooting percentage of minicuttings and activity of the enzyme peroxidase. For the bean experiment, Fert Protector® was applied at V3, R5 and R7 stages and the relative severity of wildfire disease, agronomic variables, productivity and phytoalexin phaseolin induction were evaluated. The results for the coffee experiment show that all Fert Protector® packages were efficient without control of the aureolated spot, however, as dosages of 8%, 16% and 32% decreased up to 70% of the severity of the disease (p <0 , 05). All other variables were positively influenced by Fert Protetor® doses. In the eucalyptus experiment, an application of Fert Protetor®, mainly in 16% and 32%, resulted in higher height, neck diameter, minicutting rooting and peroxidase activity for the two clones studied. For the bean experiment, the results showed the use of Fert Protetor® decreased the severity of the disease up to 90%, positively influencing all agronomic variables and improving productivity. The lower dosages of 4% and 8% are not efficient in the induction of phaseolin in the hypocotyls of the bean, however, as dosages of 16% and 32% presented as good inducers, are superior to the positive treatment with acibenzolar-S-methyl , surpassing it by 17% and 21%, respectively, in the synthesis of this phytoalexin. It is concluded that Fert Protetor® application in coffee, eucalyptus and common bean can control diseases and increase agronomic variables, guaranteeing greater productivity, and even activating plant defense mechanisms such as phytoalexin phaseolin in bean and a peroxidase enzyme in eucalyptus.
Keywords: Controle alternativo
Indução de resistência
Coffea arabica
Eucalyptus sp.
Phaseolus vulgaris
Qualidade de mudas
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRÁRIAS:AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: ESTEVEZ, Rogério Lopes. Efeito protetivo de um produto comercial a base de sulfato de cálcio (Fert protetor®) em cafeeiro, eucalipto e feijoeiro. 2018. 45 f. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3797
Issue Date: 15-Feb-2018
Appears in Collections:Doutorado em Agronomia (MCR)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rogerio_Estevez_2018998.11 kBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons