Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3740
Tipo do documento: Dissertação
Title: Sistema de produção de alface em cultivo convencional e cultivo hidropônico: alimento de qualidade?
Other Titles: Lettuce production system in conventional farming and hydroponic farming: quality nourishment?
Autor: Santos, Camila Regina dos 
Primeiro orientador: Sebastien, Nyamien Yahaut
Primeiro membro da banca: Sebastien, Nyamien Yahaut
Segundo membro da banca: Fernandes, Dangela Maria
Terceiro membro da banca: Bariccatti, Reinaldo Aparecido
Resumo: Nos cultivos de alface convencional e hidropônica são utilizados defensivos agrícolas e fertilizantes, que apresentam concentrações de elementos tóxicos em sua composição e podem alterar a qualidade do alimento. Dessa forma, o presente trabalho objetivou avaliar os teores dos metais pesados Cd, Cr, Cu e Pb em solo, solução nutritiva e folhas de alfaces na região de Toledo – PR. Foram coletadas amostras de alfaces e de seus substratos em cinco propriedades hidropônicas e cinco convencionais, cujas amostras foram submetidas à digestão nítrico-perclórica para determinação dos teores de metais por meio de espectrofotômetro de absorção atômica AAS/6300. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com dez tratamentos e três repetições e os resultados foram submetidos à análise de variância e ao teste Tukey ao nível de 5% de significância; ainda foi realizada a correlação de Pearson (r) entre as variáveis substrato e folhas de alface. Observou-se que as alfaces estudadas em geral apresentaram maiores concentrações de Cd e Cr no cultivo hidropônico, sendo que dos 5 cultivos hidropônicos, 4 deles mostraram-se significativamente superiores ao cultivo convencional pelo teste de Tukey; para o elemento Cu, também ocorreu diferença significativa entre os cultivos, no entanto houve uma grande variação entre as culturas e para o Pb, observou-se que a maioria das amostras coletadas apresentavam concentrações superiores ao limite tolerável estabelecido pela ANVISA, sendo que o cultivo convencional mostrou-se estatisticamente semelhante entre si; quanto aos cultivos hidropônicos, dois cultivos mostraram-se significativamente superiores aos demais, e estatisticamente diferentes entre si. Quando comparadas as concentrações de metais nas folhas de alface com o substrato, de forma geral, tanto para o cultivo convencional, quanto para o cultivo hidropônico os teores na alface não apresentaram correlação com os teores no substrato, o que indica que a contaminação pode estar ocorrendo através do uso de agrotóxicos e insumos utilizados para o controle de pragas e doenças, além do manejo inadequado. Assim, pode-se dizer que a variação nas concentrações de metais na mesma cultura deve-se ao fato de ser permitido o uso de diferentes agrotóxicos e fertilizantes, os quais possuem composições distintas. Além disso, a data de pulverização previamente à coleta das alfaces pode ter ocasionado algumas variações na composição da hortaliça, bem como o manejo inadequado do alimento.
Abstract: In the conventional and hydroponic cultivation of lettuce, agricultural defensives and fertilizers are used, which presents concentrations of toxic elements in its composition and may alter the aliment’s quality. Thus, the present study aims to evaluate the content of the heavy metals Cd, Cr, Cu and Pb in soil, nutritive solution and lettuce leaves in the region of Toledo – PR. Samples of lettuce and its substrates were collected from five hydroponic and five conventional proprieties, which were submitted to nitroperchloric digestion for the determination of metal contents through spectrophotometry of atomic adsorption AAS/6300. The experimental delimitation was entirely randomized, with ten treatments and three repetitions, and the results were submitted to variance analysis and to Turkey’s test at 5% significance level; also, the Pearson’s correlation (r) was performed between the variables substrate and lettuce leaves. It was observed that the lettuce studied, in general, presented higher contents of Cd and Cr in the hydroponic cultivation - in which 5 of the hydroponic proprieties, 4 of them presented significantly superior than the conventional ones - according to the Turkey’s test; for the element Cu, significant difference also occurred between the farming methods, however there was significant variance in the cultivation of each property; and for Pb, it was observed that the majority of the samples collected presented higher concentrations than the tolerable limits established by ANVISA - whereas the conventional method presented itself statistically similar between each property, for the hydroponic method, two properties presented themselves significantly superior to the others, and statistically different between each other. When the metal concentrations in the lettuce leaves was compared with the substrate, in general, for both conventional and hydroponic methods the contents in the lettuce didn’t show correlation to the contents in the substrate, which indicate that the contamination may be occurring through the use of agrochemicals and agricultural inputs, used for the control of plagues and diseases, aside from inappropriate management. Thus, it is possible to conclude that the variation in metal concentrations in the same cultivation method is due to the fact that the use of different agrochemicals and fertilizes is allowed, which contain different compositions. Furthermore, the pulverization date previous to sampling of the lettuce may have caused some variations to the composition of the vegetable, as well as inappropriate handling of the aliment.
Keywords: Alface
Metais pesados
Cultivo hidropônico
Cultivo convencional
Lettuce
Heavy metals
Hydroponic farming
Conventional farming
CNPq areas: ECOLOGIA::ECOLOGIA APLICADA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Engenharias e Ciências Exatas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais
Campun: Toledo
Citation: SANTOS, Camila Regina dos. Sistema de produção de alface em cultivo convencional e cultivo hidropônico: alimento de qualidade?. 2018. 36 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Ambientais) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Toledo, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3740
Issue Date: 20-Mar-2018
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Ambientais (TOL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Camila_Santos_2018.pdf1.46 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.