Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3536
Tipo do documento: Dissertação
Title: Cooperação e vantagem competitiva em um Arranjo Produtivo Local: estudo de caso do APL Iguassu-IT.
Cooperation and competitive advantage in a Local Productive Arrangement: a case study of the APL Iguassu-IT.
Autor: Carrasco, Cláudio da Silva 
Primeiro orientador: Soutes, Dione Olesczuk
Primeiro membro da banca: Zanchet, Aládio
Segundo membro da banca: Alencar, Roberta Carvalho de
Resumo: Arranjos Produtivos Locais (APLs) têm se constituído como uma importante alternativa para as empresas se agruparem em uma rede de cooperação. Acredita-se que o sucesso de um APL se dá pelo comprometimento, pela parceria e a participação das empresas envolvidas, e é garantido pelos constantes monitoramento das ações, avaliação das metas e dos objetivos e pelas correções estratégicas de rotas. O objetivo deste estudo foi identificar, através da percepção dos gestores das empresas inseridas no arranjo produtivo local, como a cooperação contribui para melhorar o desempenho e quais vantagens competitivas foram percebidas nas empresas que fazem parte do Arranjo Produtivo Local Iguassu-IT. Os níveis de cooperação estão relacionados a planejamento, inovação, aprendizagem, desenvolvimento de projetos estratégicos, fortalecimento da inovação e relações entre as empresas. A vantagem competitiva foi avaliada com base na redução dos custos de produção, evolução tecnológica, inovações, maior participação no mercado, acesso a recursos financeiros (governo), troca e obtenção de conhecimento, posicionamento estratégico mercadológico e produtos e serviços com valores agregados. Esta pesquisa caracteriza-se como um Estudo de Caso. A coleta dos dados se deu por meio de questionário estruturado enviado aos gestores das empresas inseridas no Arranjo Produtivo Local Iguassu-IT, por meio de entrevista ao coordenador do projeto junto ao SEBRAE, por análise documental e observação direta. Os dados foram coletados durante os meses de novembro de 2016 e novembro de 2017. Os questionários foram enviados para as 43 empresas inseridas no APL, sendo coletados 32 questionários válidos. Constatou-se no estudo de caso que a cooperação entre as empresas inseridas no APL resultou em vantagem competitiva, principalmente no relacionamento entre as empresas, melhorando o posicionamento estratégico mercadológico das empresas, a troca e a obtenção de conhecimento e dos produtos e serviços com valores agregados. Os principais motivadores para o ingresso das empresas do APL foram a busca pela qualidade e eficiência. A permanência das empresas no APL é motivada pela disponibilização de informações sobre produtos e organização de eventos técnicos. A cooperação entre os membros do APL possibilitou a troca de experiências sobre planejamento, inovação, aprendizagem e desenvolvimento de projetos estratégicos, assim como melhorou as relações entre as empresas. Os dados confirmam o argumento da Teoria da Cooperação, de que os indivíduos cooperam conscientemente, deliberadamente e intencionalmente para o alcance do objetivo comum. Esta pesquisa contribuiu ao identificar os objetivos motivadores para o ingresso e a permanência no APL e evidenciou os fatores de cooperação e vantagem competitiva percebidos pelos gestores.
Abstract: 8 CARRASCO, Claudio da Silva. Cooperação e vantagem competitiva em um Arranjo Produtivo Local: estudo de caso do APL Iguassu-IT. 2018. 91f. Dissertação (Mestrado em Contabilidade) – Programa de Pós-Graduação em Contabilidade (PPGC), Universidade Estadual do Oeste do Paraná – UNIOESTE, Cascavel, 2018. ABSTRACT Clusters have been an important alternative for companies to gather in a cooperative network. It is believed that the success of a cluster comes from commitment, partnership and participation of the companies, which is guaranteed by constant monitoring of actions, evaluation of goals and by strategic correction of choices. The objective of this study was to identify, through the perception of the managers of the companies involved in the cluster, to understand how cooperation contributes to improve performance and other competitive advantages perceived by the companies that constitute the Iguassu-IT cluster. The cooperation levels are related to planning, innovation, learning, development of strategic projects, innovation strengthening, and relationship among companies. Competitive advantage was evaluated based on reduction of production costs, technological evolution, innovation, bigger market participation, access to financing (governmental), exchange and gain of knowledge, strategic market positioning, and products and services with higher value. This research is characterized as a Study Case. The gathering of data was carried out through structured survey sent to the managers of the companies that constitute the Iguassu-IT cluster, through interview of the coordinator of the project with SEBRAE, documental analysis, and using direct observation. Data was collected during the months of November of 2016 and November of 2017. The questionnaire was sent to the 43 companies in the cluster, of which 32 were valid. It was found in this study case that cooperation among companies in the cluster resulted in competitive advantage, mainly regarding the relationship among companies, improving strategic market positioning, exchange and gain of knowledge, and products and services with higher value. The main motivation for companies to join the cluster were the pursue of quality and efficiency. The permanence of companies in the cluster is sustained by the availability of information on products and the organization of technical events. The cooperation among members of the cluster makes possible the exchange of experiences on planning, innovation, learning, and development of strategic projects, as well as has improved the relationship among the companies. The data confirms the argument of Cooperation Theory, that individuals cooperate consciously, deliberately, and intentionally for the achievement of a common goal. This research contributed in identifying the motivational objectives for the joining and continuity in the Iguassu-IT cluster, highlighting the factors cooperation and competitive advantage perceived by the managers.
Keywords: Arranjos Produtivos Locais
Redes de Cooperação
Vantagem Competitiva
Cluster
Cooperation networks
Competitive advantage
CNPq areas: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Sociais Aplicadas
Program: Programa de Pós-Graduação em Contabilidade
Campun: Cascavel
Citation: Carrasco, Cláudio da Silva. Cooperação e vantagem competitiva em um Arranjo Produtivo Local: estudo de caso do APL Iguassu-IT. 2017. 94 f. Dissertação (Mestrado em Contabilidade) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3536
Issue Date: 13-Dec-2017
Appears in Collections:Mestrado em Contabilidade (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Carrasco _ Cláudio da Silva.pdf911.64 kBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons