Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3094
Tipo do documento: Dissertação
Title: Autobiografia e memória de Gabriel García Márquez: ficcionalização de si
Other Titles: Autobiography and memory of Gabriel García Márquez: fictionalisation of yourself
Autor: Cavalheiro, Kaline
Primeiro orientador: Alves, Lourdes Kaminski
Primeiro membro da banca: Silva, Acir Dias da
Segundo membro da banca: Tofalini, Luzia Aparecida Berloffa
Resumo: Os estudos autobiográficos e da escrita de si constituem-se em uma vertente do campo dos estudos da linguagem, da literatura e das artes cada vez mais crescente nas ultimas décadas. Este gênero de escrita permite aos autores refletirem sobre a experiência da escritura, acionarem memórias individuais e coletivas e ao mesmo tempo refletirem sobre a própria obra e sobre a literatura. A literatura latino americana tem sido um campo fértil para pesquisas com este foco, a exemplo da obra de Gabriel Garcia Márquez. A produção deste gênero nos apresenta um contexto literário que abrange ao mesmo tempo uma escrita crítica e uma escrita criativa, nos textos os autores fundem diferentes estilos de escritas deixando aparecer um texto híbrido. Refletindo sobre autobiográficos e da escrita de si, a presente pesquisa explora estes gêneros onde o ficcional e histórico se fundem a exemplo de autobiografia, memória, relatos, reportagens, entrevistas que revelam o sujeito escritor. Tomamos, aqui, a obra de G. G. Márquez com o foco na análise de sua autobiografia Viver Para Contar (2002). Como complemento para nossa análise, no âmbito da escrita ficcional temos as obras A incrível e triste história da Cândida Erêndira e sua avó desalmada (1972), Relato de um Náufrago (1970) e Crônica de uma Morte Anunciada (1981) que contemplam aspectos da autobiografia e da memória coletiva e captam dados da história e do contexto colombiano. O estudo destes textos nos permite verificar como G. G. Márquez reelabora a historicidade de seu tempo nas obras ficcionais. A partir das leituras e análises realizamos uma reflexão sobre a potencialidade da autobiográfica ou escrita de si, em conjunto com os textos ficcionais, para a compreensão do contexto histórico Latino Americano e sobre o papel dos intelectuais que vivenciaram a história das ditaduras latino-americanas e que tiveram que se reinventar e reelaborar estratégias de escrita e expressão do pensamento. Nossa contribuição com a presente pesquisa é que observado o processo de escritura de G. G. Márquez, verificamos que há uma fusão e por que não dizer justaposição entre as categorias autor, personagem e narrador na confluência entre autobiografia, memória e ficção, por isso denominamos de autoescrita, sendo, justamente este modo de narrar bastante expressivo na obra de G. G. Márquez. O tema da presente dissertação se propõe a refletir sobre a relação imbricada entre história e literatura na obra do autor, um tecido que revela diversas camadas do real, do imaginado, da história oficial e da memória pessoal. Intenta-se apresentar o autor não apenas como um construtor da obra literária, mas como construtor de um pensamento crítico articulando obra, vida social e práticas culturais contemporâneas em conjunto com sua escrita híbrida que vai do real, ao imaginário, memorialístico, histórico, critico, entre outros gêneros que se aproximam. Para realizar este estudo refletimos sobre as teorias de construções autobiográficas, partindo das definições de Philippe Lejeune (2008), aprofundando esta base teórica, avançamos para outras abordagens, a exemplo de Paul Ricoeur (2007), Diana Klinger (2012), entre outros. Estas abordagens teóricas iluminam o corpus selecionado para esta pesquisa, a exemplo das escritas de si no processo de reelaboração da memória pessoal e do movimento da história e seu contexto captados.
Abstract: The autobiographical and self-written studies constitute a branch of the field of language studies, literature and the arts that has been increasing in recent decades. This genre of writing allows authors to reflect on the experience of writing, to trigger individual and collective memories, and at the same time to reflect on the work itself and literature. Latin American literature has been a fertile field for research with this focus, such as the work of Gabriel Garcia Marquez. The production of this genre presents us with a literary context that encompasses both critical writing and creative writing, in the texts the authors merge different styles of writing, allowing a hybrid text to appear. Reflecting on autobiographical and self-writing, the present research explores these genres where the fictional and historical merge to the example of autobiography, memory, reports, reports, interviews that reveal the subject writer. We take here the work of G. G. Márquez with the focus on the analysis of his autobiography Viver Para Contar (2002). As a complement to our analysis, in the scope of fictional writing we have the works A incrível e triste história da Cândida Erêndira e sua avó desalmada (1972), Relato de um Náufrago (1970) and Crônica de uma Morte Anunciada (1981) that contemplate aspects of Autobiography, collective memory and explore the data from the Colombian context and history. The study of these texts allows us to verify how G. G. Márquez re-elaborates the historicity of his time in the fictional works. From the readings and analyzes, we carried out a reflection on the potential of the autobiographical or self-written, together with the fictional texts, to understand the Latin American historical context and the role of intellectuals who have lived the history of Latin American dictatorships and Who had to reinvent themselves and reelabor strategies of writing and the expression of thought. Our contribution with the present research is that in observing the writing process of G. G. Márquez, we verified that there is a fusion and why not to say juxtaposition between the categories author, character and narrator in the confluence between autobiography, memory and fiction, by what we call autowriting , Being precisely this way of narrating quite expressive in the work of G. G. Marquéz. The theme of this dissertation proposes to reflect on the imbricated relationship between history and literature in the author 's work, a fabric that reveals several layers of the real, imagined, official history and personal memory. It attempts to present the author not only as a constructor of the literary work, but as a constructor of a critical thinking articulating work, social life and contemporary cultural practices together with his hybrid writing that goes from the real to the imaginary, memorialistic, historical, critical , Among other genres that are approaching. In order to carry out this study we reflect on the theories of autobiographical constructions, starting from the definitions of Philippe Lejeune (2008), deepening this theoretical basis, we advance to other approaches, like Paul Ricoeur (2007), Diana Klinger (2012), among others. These theoretical approaches illuminate the corpus selected for this research, as the self-writing in the process of reworking personal memory and the movement of history and its context captured.
Keywords: Gabriel García Márquez
Autobiografia
Escrita de si
Memória
História
Textos híbridos
Gabriel García Márquez
Autobiography
Self-writing
Memory
History
Hybrid texts
CNPq areas: LETRAS::TEORIA LITERARIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Educação, Comunicação e Artes
Program: Programa de Pós-Graduação em Letras
Campun: Cascavel
Citation: CAVALHEIRO, Kaline. Autobiografia e memória de Gabriel García Márquez: ficcionalização de si. 2017. 91 f. Dissertação (Mestrado - Programa de Pós-Graduação em Letras) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/3094
Issue Date: 20-Feb-2017
Appears in Collections:Mestrado em Letras (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Kaline_Cavalheiro2017.pdf850.54 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.