Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2957
Tipo do documento: Dissertação
Title: Estudo da toxicidade de garrafada de uso popular
Other Titles: Toxicity study of bottle popular use
Autor: Indras, Denise Michelle 
Primeiro orientador: Itinose, Ana Maria
Primeiro coorientador: Marek, Carla Brugin
Primeiro membro da banca: Itinose, Ana Maria
Segundo membro da banca: Baroni, Silmara
Terceiro membro da banca: Marek, Carla Brugin
Resumo: O uso popular de plantas medicinais são práticas comuns e entre elas está a garrafada, produto a base de múltiplas plantas, que promete curar várias doenças. Muitos estudos com animais mostram alterações em enzimas hepáticas, renais e nos parâmetros hematológicos após administração de extratos vegetais. O objetivo deste estudo foi verificar a correlação entre o uso de múltiplas plantas medicinais com as alterações hepáticas, renais e hematológicas encontradas em um paciente que fez uso de garrafada, composta por equinácea, graviola, ipê roxo, sucupira e unha de gato. A garrafada possui 4,32 mg.mL-1 de álcool. Foram realizados testes farmacognósticos e UV/Varredura, mostrando algumas classes de metabólitos secundários nas espécies vegetais e na garrafada. Foi realizado bioensaio com Artemia salina, e a garrafada teve mortalidade até a concentração de 0,1 mg.mL-1. Efeitos citotóxicos em eritrócitos revelaram atividade hemolítica para equinácea, graviola, ipê roxo e sucupira. O teste com Escherichia coli mostrou sensibilidade para graviola, ipê roxo, sucupira e unha de gato. No experimento in vivo utilizando ratos Wistar foram realizados dois tratamentos, dose única e 30 dias, administrando água, álcool e garrafada por gavagem. Foram avaliados parâmetros bioquímicos, de coagulação, hematológicos e histopatológicos. No tratamento com dose única foram encontradas alterações de ácido úrico, colesterol, creatinina, fosfatase alcalina, ferro e glicose (p<0,05). Já no tratamento de 30 dias foram encontradas alterações de ácido úrico, bilirubinas total e indireta, creatinina, fosfatase alcalina, glicose, triglicerídeos, hemácias e leucócitos (p<0,05), além de dilatação sinusoidal hepática. Os dados mostraram que o álcool presente na garrafada pode alterar parâmetros bioquímicos, hematológicos e causar danos ao fígado de ratos. A garrafada, apesar de não mostrar alterações em parâmetros bioquímicos e hematológicos importantes, teve alterações histopatológicas hepáticas mais pronunciadas.
Abstract: The popular use of medicinal plants are common practices and among them is a bottle, a multiple plant base product, which promises to cure various diseases. Many animal studies show in hepatic, renal enzymes and our hematological parameters after administration of plant extracts. The objective of this study was to verify a correlation between the use of multiple medicinal plants with hepatic, renal and hematological found in a patient that made use of bottle, composed of echinacea, graviola, ipé purple, sucupira and cat's claw. The bottle has 4.32 mg.mL-1 of alcohol. Pharmacological and UV/Scan tests were performed, showing some classes of secondary metabolites in plant and bottle species. A bioassay was performed with Artemia salina, and a bottle had mortality up to a concentration of 0.1 mg.mL-1. Cytotoxic effects on erythrocytes revealed hemolytic activity for echinacea, graviola, purple ipe and sucupira. The Escherichia coli test showed sensitivity to graviola, purple ipe, sucupira and cat's claw. In vivo experiment using mice. Two treatments were performed, single dose and 30 days, administering water, alcohol and bottle by gavage. Biochemical, coagulation, hematological and histopathological parameters were evaluated. In the single dose treatment were alterations of uric acid, cholesterol, creatinine, alkaline phosphatase, iron and glucose (p<0.05). Already in the treatment of 30 days were alterations of uric acid, total and indirect bilirubins, creatinine, alkaline phosphatase, glucose, triglycerides, red blood cells and leukocytes (p<0.05), beyond hepatic sinusoidal dilatation. The data showed that the alcohol present in the bottle can alter biochemical, hematological parameters and cause liver damage in rats. The bottle, although not showing alterations in important biochemical and hematological parameters, but had more pronounced hepatic histopathological alterations.
Keywords: Plantas medicinais
Artemia salina
Parâmetros bioquímicos
Coagulação e hematológicos
Medicinal plants
Biochemical parameters
Coagulation and haematological
CNPq areas: CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA
Idioma: por
País: Brasil
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Médicas e Farmacêuticas
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas
Campun: Cascavel
Citation: INDRAS, Denise Michelle. Estudo da toxicidade de garrafada de uso popular. 2017. 84 f. Dissertação( Mestrado em Ciências Farmacêuticas) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Cascavel, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2957
Issue Date: 7-Feb-2017
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Farmacêuticas (CVL)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Denise Michelle Indras.pdf1.81 MBAdobe PDFView/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons