Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2832
Tipo do documento: Dissertação
Title: Manejo da irrigação para produção de minimilho através do tanque classe A
Autor: Meneghetti, Adriana Maria 
Primeiro orientador: Santos, Reginaldo Ferreira
Primeiro coorientador: Nóbrega, Lúcia Helena Pereira
Primeiro membro da banca: Silva, Vanderlei Rodrigues da
Segundo membro da banca: Pereira, Joaquim Odilon
Terceiro membro da banca: Boas, Marcio Antonio Vilas
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar o crescimento e produção de milho (Zea mays L.) para obtenção de minimilho. As parcelas em análise foram submetidas) a quatro lâminas de irrigação determinadas a partir da evapotranspiração da cultura, baseadas no tanque classe A e aplicadas quando a evapotranspiração atingia os valores acumulados: T1-15 mm, T2-30 mm, T3-45 mm e T4-60 mm. O modelo estatístico utilizado foi em parcelas subdivididas com quatro tratamentos e cinco repetições. Os resultados foram submetidos à análise estatística, pelo programa Sisvar (FERREIRA, 2000). Determinou-se a análise de variância e as médias dos tratamentos foram comparadas em nível de 5 % de probabilidade pelo teste de Tukey e pela análise de regressão. As parcelas experimentais possuíam comprimento de 8 m, compostas por plantas separadas entre si por 0,080 m e 0,70 m entre linhas, com um total de 100 plantas por parcela. As características para a análise de crescimento foram: estatura da planta (EP), número de folhas (NF), área foliar (AF), índice de área foliar (IAF). Para a análise de produção foram analisadas: número de espigas por planta (NE), estatura de inserção da primeira espiga (EI), comprimento da espiga com palha (CECP), comprimento da espiga sem palha (CESP), diâmetro da espiga com palha (DECP), diâmetro da espiga sem palha (DESP), massa da espiga com palha (MECP), massa da espiga sem palha (MESP), número de fileira de grãos por espiga (NF E-1) e número de espigas que perfazem 360 g. Houve diferenças significativas para os dados de crescimento nos valores de área foliar e índice de área foliar. Também foram observadas diferenças significativas nos resultados de produção para estatura de inserção da primeira espiga, comprimento da espiga com e sem palha, diâmetro da espiga com e sem palha, massa da espiga com e sem palha, número de fileiras de grãos por espiga e número de espigas que perfazem 360 g. Um aumento nas lâminas de irrigação e na freqüência de aplicação implicou em maiores valores de área foliar e índice de área foliar, número de espigas, estatura de inserção da espiga, número de fileira de grãos por espiga e o número de espigas em 360 g, e menores valores para estatura, número de folhas e comprimento, diâmetro e massa da espiga com e sem palha. Os melhores resultados comerciais obtidos foram com o T1-15 mm, cujo aproveitamento foi de 18 % das espiguetas. O manejo da irrigação do minimilho deve ser realizado com aplicação quando a evapotranspiração da cultura indicar valores acumulados de 15 mm a 30 mm. Valores maiores ocasionam redução na produtividade.
Abstract: This research aimed on evaluating the growth and production of corn (Zea mays L.) in order to obtain the baby corn, which was submitted to the variation of four different depth irrigations, recorded from the culture s evapotranspiration, based on the class A, and applied when the evapotranspiration reached these following accumulated values: T1-15 mm, T2- 30 mm, T3- 45 mm e T4- 60 mm. The statistical model was outlinement completely with four treatments and five replications. Results were submitted to the statistical analysis, by the Sisvar program (FERREIRA 2000). The analysis of variance and the averages from the treatments were also recorded, as well as compared considering 5 % of probability according to the Tukey test and regression analysis. The experimental plots had about 8 m of length; the plants were separated by 0.080m among themselves and 0.70 m by rows, totalizing 100 plots to each plot. The features regarding the growth during the culture s cycle were: plant height (PE), foliar area (FA), leaf number (LN), foliar area index (FAI). Some other features were analyzed regarding the production analysis as: number of ear by plant (NEP), height of insertion of the first ear (HIFE), length of the ear with and without straw (LEWOS), diameter of the ear with and without straw (DEWOS), mass of the ear with and without straw (MEWOS), number of the row of grains by ear (NRGE) and number of ear, accomplishing 360 g. There were significant differences on production results regarding data of growing of foliar area and foliar area index. Significant differences had been also observed in the production of HIFE and LEWOS, and DEWOS, MEWOS and MEWOS, NRGE and number of ear that accomplishes 360 g. There was an increase in the depth irrigation and also in the application frequency, which implied in greater values of foliar area, as well as in the foliar area index, number of ear by plant, height of insertion of the first ear, number of row of grains by ear and number of ear, accomplishing 360 g, but also lower values for height, leaf number and length, diameter and ear s mass, with and without straw. The Best commercial results were recorded with T1 15 mm, when using 18 % of ear. The scheduling irrigation for baby corn must be carried out with application when the crop evapotranspiration indicates 15 mm and 30 mm accumulated values. It could also be understood with this trial that greater values cause reduction on productivity.
Keywords: análise de crescimento e análise de produção
evapotranspiração
freqüência de aplicação
growth analysis
production analysis
evapotranspiration
application frequency
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Engenharia
Program: Programa de Pós-Graduação "Stricto Sensu" em Engenharia Agrícola
Citation: MENEGHETTI, Adriana Maria. Manejo da irrigação para produção de minimilho através do tanque classe A. 2005. 106 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2832
Issue Date: 28-Nov-2005
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia Agrícola (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Adriana Maria Meneghetti.pdf706.46 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.