Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2409
Tipo do documento: Dissertação
Title: Motivação para a escolha de um segundo nome na antroponímia Rondonense
Other Titles: Motivation for second name choice in Marechal Cândido Rondon's anthroponymy".
Autor: Frai, Patrícia Helena 
Primeiro orientador: Seide, Márcia Sipavicius
Primeiro membro da banca: Dargel, Ana Paula Tribesse Patrício
Segundo membro da banca: Bidarra, Jorge
Resumo: O ser humano sempre teve a necessidade de nomear tudo que está ao seu redor. Atribuir um nome a um filho é diferenciá-lo do meio em que ele conviverá, tornando-o único. Nessa perspectiva, o objetivo deste trabalho é investigar os modelos atributivos mais utilizados para a escolha de segundo nome, na cidade de Marechal Cândido Rondon, Paraná, tendo em vista as possíveis influências socioculturais presentes na prática de nomeação. Considerando a história de colonização bem como os aspectos culturais da região oeste do Paraná consolidados pelos colonizadores, surgiram as seguintes perguntas de pesquisa: Quais são as motivações mais utilizadas pelos pais ao atribuir dois nomes ao filho? Houve mudanças na prática de nomeação desde a colonização do Oeste Paranaense? O gênero do ser nomeado tem influência nas motivações? A fim de responder a esses questionamentos, o presente trabalho investiga as razões que levam os pais a atribuir um segundo nome aos filhos, traçando um eixo cronológico da década de 1930-1940 até 2010, mostrando as convergências e divergências na prática de nomeação entre homens e mulheres em diferentes momentos históricos. Para os objetivos ora apresentados, a pesquisa amparou-se nos estudos referentes à Onomástica (DICK, 1992; LÓPEZ FRANCO, 2010, 2014; SEGURA JIMENEZ, 2014;SEIDE, 2012,2013,2016), aos pressupostos teóricos da Sócio-Onomástica (LANGENDONCK, 2007) e à contextualização histórica do município (PFLUCK, 2007; TARGANSKI, 2007 e DEITOS, 2007). A pesquisa pauta-se na análise quantitativa e qualitativa de 250 nomes simples justapostos (N2), divididos igualmente entre as décadas de análise. Os dados foram gerados com base em entrevistas semiestruturadas realizadas com portadores de nomes justapostos, como também pais que atribuíram tais nomes aos filhos. As entrevistas foram gravadas, transcritas e analisadas de acordo com os pressupostos teóricos citados. Os resultados da investigação mostraram que há divergências entre a prática de nomeação de homens e mulheres. As diferenças entre as práticas de nomeação também ocorreram no eixo cronológico. Observou-se, nas primeiras décadas de análise, que, para as mulheres, prevaleceu o modelo atributivo tradicional religião; já para os homens, se destacou o modelo tradicional homenagem à família especialmente aos avôs. A partir d
Abstract: The human being has always had the need to name everything that surrounds him. Naming a child is differentiating him or her in the environment where he or she will live. According to this perspective, this work aims to investigate the most used attributive models in the naming system of the second name, in the city of Marechal Cândido Rondon, Paraná, considering the possible sociocultural influences that may be present in the naming practice. Because of the history of colonization as well as the cultural aspects of the west region of Paraná which were cemented by the settlers, the following questions of research have been raised: What are the parents most used motivations for double naming their children? Has there been changes in the naming practices since the colonization of the West of Paraná? Does the gender of the name have influence in these motivations? In order to answer these questions, the present work aims to investigate the reasons for parents to name their children, tracing a chronological axis from the 30 s 40 s to 2010, demonstrating the convergences and divergences in the naming practice between men and women in different historical moments. For the goals presented, the research has been based on the studies regarding the Onomastic (DICK, 1992; LÓPEZ FRANCO, 2010, 2014; SEGURA JIMENEZ, 2014;SEIDE, 2012,2013,2016), the Socio-Onomastic theoretical assumptions (LANGENDONCK, 2007) and the city s historical contextualization (PFLUCK, 2007; TARGANSKI, 2007 e DEITOS, 2007). The research uses the quantitative and qualitative analysis of 250 simple juxtaposed names (N2), equally divided among the analyzed decades. The data were generated based on semi-structured interviews carried out with porters of juxtaposed names, as well as parents who have given such names to their children. The interviews have been recorded, transcripted and analyzed according to the mentioned theoretical assumptions. The results of the investigation showed that there are divergences between the naming practices of men and women. The differences among naming practices were also observed in the chronological axis. It has been observed that in the first analyzed decades, for women, the religious traditional attributive model prevailed, and for the men, the traditional model of honoring the family mainly the grandparents prevailed. From the 90 s on, the attributive model of fashion prevailed for both genders.
Keywords: Onomástica
Socioantroponímia
Marechal Cândido Rondon
nomes justapostos
Onomastic
Socioanthroponymy
Marechal Cândido Rondon, juxtaposed names
CNPq areas: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Linguagem e Sociedade
Program: Programa de Pós-Graduação "Stricto Sensu" em Letras
Citation: FRAI, Patrícia Helena. Motivation for second name choice in Marechal Cândido Rondon's anthroponymy".. 2016. 129 f. Dissertação (Mestrado em Linguagem e Sociedade) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2409
Issue Date: 18-Feb-2016
Appears in Collections:Mestrado em Letras (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
DISSERTACAO PATRICIA HELENA FRAI - FINAL.pdf2.19 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.