Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2319
Tipo do documento: Dissertação
Title: Vilas rurais: Espaço de ressignificação do ideário liberal
Autor: Fabris, Diuslene Rodrigues 
Primeiro orientador: Brenneisen, Eliane Cardoso
Primeiro membro da banca: Silva, Regina Coeli Machado e
Segundo membro da banca: Moro, Maristela Dal
Resumo: O presente estudo aborda aspectos da intervenção do Estado enquanto gestor das políticas sociais no cotidiano das famílias moradoras na Vila Rural Salto São Francisco, localizada no Oeste do Paraná, procurando identificar a forma com que o ideário liberal de importância da propriedade, liberdade e família, se reproduz na fala e na vida cotidiana desses trabalhadores rurais. Para tanto, fez-se uma avaliação do impacto da ação do Estado sobre o contexto, considerando a real percepção desses moradores acerca da interferência realizada pela via do saber profissional e implementada por meio dos órgãos institucionais. Neste trabalho, considera-se que compreender a ação do Estado no âmbito das relações sociais, no contexto do programa em questão, é levar em conta que os resultados da ação social não podem ser mensurados apenas pelos ganhos valorativos do mercado, mas implica considerar, também, os desdobramentos que evoluem após o feito. Para a realização da pesquisa, fez-se uso de instrumentais diversos para a coleta de dados, tais como relatórios de campo, entrevistas semi-estruturadas, entrevistas estruturadas e consultas a documentos. Tendo como apoio obras de Hobbes (1997), Locke (1998), Dumont (1993), inicialmente, fundamentam-se discussões acerca dos conceitos fundadores da teoria liberal de Estado. Em seguida, apresenta-se e contextualiza-se o surgimento das políticas sociais, bem como a função da família que, ao longo da história, intermediara a ação estatal. Nesta perspectiva, autores como Engels (1984), Donzelot (1986), Netto (1996) e outros teóricos contemporâneos fundamentam as considerações pressupostas. Apresenta-se, ainda, a partir de autores como Heredia(1979), Palmeira (1977), Wanderley (2005), Brenneisen (1994) e Martins ( 2000), a questão das terras no Brasil e a realidade cotidiana dos moradores da Vila Rural Salto São Francisco que, na condição de público , fazem parte de uma política social.
Abstract: The present study is concerned about aspects of State intervention while the manager of the social policies in the everyday life of families who lives in Salto São Francisco Rural Village, in West of Paraná, seeking to identify the way the liberal thought about property importance, freedom and family is reflected in the discourse and in the routine of these workers. For doing so, we make an evaluation of the State action impact on the context, taking into account the real perception from these residents about the interference made by professional knowledge and implemented by the institutional bodies. In this paper we consider that to understand the state action in the social relation scope, in the context of program in focus, is to take into account that the achievements of the social action cannot be measured only by the market value gaining, but it also implies to consider the extension of the results after the deed. For the research development we used some different tools for data collection, such as field report, semi-structural interviews, structural interviews, and documents consulting. The authors we have as theoretical basis were Hobbes (1997), Locke (1998), Dumont (1993). First we present some discussions about the concept that lies in the State liberal theory. Next, we presented and set the context of the coming up of social policies, as well as the family function that, along the history mediated the state action. In this perspective, authors as Engels (1984), Donzelot (1986), Neto (1996) and others contemporary ones, give the basis to the presupposed considerations. From the authors like Heredia (1979), Palmeiras (1977), Wanderley (2005), Brenneisen (1994) and Martins (2000), we present the issue about land in Brazil and the daily reality of the residents of Salto São Francisco Rural Village that, in the audience condition, take part in a social policy.
Keywords: Cultura no Meio Rural
Políticas Sociais
Ideário Liberal
Vilas Rurais
Rural Environment Culture
Social Policy
Liberal Thought
Rural Villages
CNPq areas: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Linguagem e Sociedade
Program: Programa de Pós-Graduação "Stricto Sensu" em Letras
Citation: FABRIS, Diuslene Rodrigues. Vilas rurais: Espaço de ressignificação do ideário liberal. 2006. 189 f. Dissertação (Mestrado em Linguagem e Sociedade) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Cascavel, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2319
Issue Date: 23-Feb-2006
Appears in Collections:Mestrado em Letras (CVL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Diuslene Rodrigues Fabris.pdf4.24 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.