Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2214
Tipo do documento: Tese
Title: Aglomerações industriais e polos econômicos regionais: uma análise comparativa entre a Região Sul do Brasil e a Província do Québec/CA
Other Titles: Industrial agglomerations and regional economic poles: a comparative analysis between the Southern Brazil and Quebec Province/CA
Autor: Barchet, Isabela 
Primeiro orientador: Lima, Jandir Ferrera de
Primeiro membro da banca: Raiher, Augusta Pelinski
Segundo membro da banca: Arend, Silvio Cezar
Terceiro membro da banca: Staduto, Jefferson Andronio Ramundo
Quarto membro da banca: Piffer, Moacir
Resumo: Esta pesquisa faz uma análise comparativa dos aglomerados industriais e da polarização na Região Sul do Brasil e a Província do Québec no Canadá entre 1996 e 2013. Assim, objetivou-se analisar a configuração espacial das aglomerações de atividades produtivas na Região Sul do Brasil e na Província do Québec no Canadá, a fim de promover elementos para a discussão dos efeitos regionais desse processo de concentração. De forma específica, procurou-se discorrer em relação aos elementos que influenciam a formação de aglomerações de atividades produtivas industriais; identificar e compreender os aglomerados produtivos industriais na Província do Québec e nos Estados da Região Sul do Brasil e abordar os efeitos do processo de concentração industrial sob a ótica de regiões ganhadoras e perdedoras. Para tanto, utilizou-se como procedimento metodológico para alcançar os resultados e responder aos objetivos um modelo de regressão múltipla com dados em painéis, a estimativa do Quociente Locacional (QL) com filtros e alguns parâmetros estatísticos, entre os quais estão o Coeficiente de Assimetria de Pearson e o Coeficiente de concentração de Gini, para uma discussão da movimentação e da dinâmica do emprego industrial. Por meio dos resultados constatou-se que o capital social, físico e financeiro, assim como o potencial de mercado são fatores determinantes para a formação de aglomerados produtivos industriais. Todavia, uma elevação do capital humano e financeiro pode inibir a concentração industrial, principalmente em espaços com um dinamismo socioeconômico mais estável, como é o caso da Província do Québec. Quanto as aglomerações industriais, o estudo identificou para Santa Catarina 56 aglomerações produtivas para o ano de 2013, representando em relação a 2006 um aumento de 30% dos aglomerados, bem como uma leve diversificação na estrutura produtiva do Estado. No Rio Grande do Sul foram identificados 65 agrupamentos industriais distribuídos em 16 subsetores e, no Estado paranaense entre 2006 e 2013 houve um aumento de 20% no número de aglomerados industriais. Para a Província do Québec foram identificados 6 agrupamentos industriais distribuídos em 4 subsetores para 2012, representando uma redução de 33% no número de aglomerados identificados para o ano de 2005. Por fim, notou-se em geral uma distribuição do emprego industrial em direção à espaços, que em alguns casos, se situam relativamente distantes das áreas iniciais de incidência do setor industrial. Ficou evidente na Região Sul do Brasil, que os maiores ganhos em termos de emprego industrial não podem ser atribuídos aos grandes centros urbanos, ou mais especificamente, as grandes regiões metropolitanas.
Abstract: This research is a comparative analysis of industrial agglomerates and polarization in Southern Brazil and Quebec Province in Canada. Thus, the research analyzed the spatial configuration of productive activities agglomerations in Southern Brazil and in Quebec Province in Canada in order to promote elements for discussion of regional effects this process of concentration. Specifically, the study discussed the elements that influence the formation of agglomerates industrial; identified the industrial agglomerates in Quebec Province and in the states of Southern Brazil and sought to understand the effects of industrial concentration process in the perspective of winners and losers regions. It was used as methodological procedure a multiple regression model with panel data, the estimate of the Location Quotient (QL) with filters and some statistical parameters as, for example, the Pearson Asymmetry Coefficient and the Gini Concentration Coefficient, for a discussion of drive and dynamics of industrial employment. The results showed that the social capital, physical and financial, as well as the market potential are determining factors for the formation of industrial agglomerates. In relation to industrial agglomerates, the study identified to Santa Catarina 56 productive agglomerations for the year 2013. Representing an increase of 30% of agglomerates compared to 2006, as well as a slight diversification in the state's productive structure. In Rio Grande do Sul were identified 65 industrial agglomerates distributed in 16 sub-sectors and in Paraná, between 2006 and 2013, there was a increase of 20% in the number of industrial agglomerates. For Québec Province were identified 6 industrial groupings divided into 4 sub-sectors for 2012, representing a reduction of 33% in the number of agglomerates identified for 2005. Finally, it was noted a distribution of industrial employment toward spaces that, in some cases are located relatively far from areas with the initial presence of the industrial sector. It stayed evident to the southern Brazil, that the largest gains in relation to the industrial employment can not be attributed to large urban centers, or more specifically, the big metropolitan areas.
Keywords: Indústrias - Brasil, Sul
Indústrias - Québec (CA)
Concentração industrial
Conglomerados (Empresas)
Aglomerações produtivas
Economia regional
Economia industrial
Productive agglomerations
Regional economy
Industrial economy
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::CRESCIMENTO, FLUTUACOES E PLANEJAMENTO ECONOMICO::CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO ECONOMICO
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Desenvolvimento regional e do Agronegócio
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional e Agronegócio
Citation: BARCHET, Isabela. Industrial agglomerations and regional economic poles: a comparative analysis between the Southern Brazil and Quebec Province/CA. 2016. 174 f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento regional e do Agronegócio) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Toledo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2214
Issue Date: 14-Mar-2016
Appears in Collections:Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio (TOL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Isabela Barchet.pdf3.96 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.