Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2168
Tipo do documento: Tese
Title: Três ensaios sobre a agroindústria canavieira no Brasil pós-desregulamentação
Other Titles: Three essays on the sugarcane agroindustry in Brazil during the post-deregulation
Autor: Rissardi Júnior, Darcy Jacob 
Primeiro orientador: Shikida, Pery Francisco Assis
Primeiro membro da banca: Schmidt, Carla Maria
Segundo membro da banca: Piacenti, Carlos Alberto
Terceiro membro da banca: Lages, André Maia Gomes
Quarto membro da banca: Santos, Gesmar Rosa dos
Resumo: O período pós-desregulamentação da agroindústria canavieira no Brasil evidencia o avanço do paradigma tecnológico, em que se torna premente a maior capacitação tecnológica das unidades produtivas num contexto de mercado mais competitivo, fortalecendo lideranças e contribuindo para uma nova dinâmica no setor. Diante disso, esta tese propõe uma nova formatação (no PGDRA) para analisar alguns aspectos da agroindústria canavieira nesse período, a partir de três artigos/ensaios concatenados que procuram, no contexto geral, aprofundar o conhecimento sobre a dinâmica deste importante setor diante, mormente, de uma nova institucionalidade que mudou suas condições de mercado. O primeiro artigo busca analisar, de forma concisa e numa perspectiva histórica, a evolução da agroindústria canavieira pós-desregulamentação (1990-2014). O segundo artigo procura estimar e analisar, pelo procedimento da análise fatorial por meio do método dos componentes principais, o processo de modernização e especialização vivenciado pela agroindústria canavieira, ocorrido a partir da década de 1990. Com uma visão geral do Brasil a partir de uma perspectiva histórica, e de uma mensuração do seu processo de modernização e especialização, o terceiro artigo faz uma análise empírica a partir de um estudo de caso, procurando investigar as novas formas de organização à guisa do neoinstitucionalismo e do neocorporativismo. Os resultados do primeiro artigo apresentam três fases distintas. Na primeira fase, 1986/1987 a 1995/1996, houve desaceleração e crise do Proálcool e ruptura do paradigma subvencionista. Na segunda fase, 1996/1997 a 2002/2003, houve recrudescimento da desregulamentação, explicitação da debilidade estrutural e o surgimento da diversidade de interesses. Finalmente, a terceira fase, 2003/2004 a 2013/2014, houve a retomada do etanol com o mercado flex-fuel, muitos Investimentos Diretos Estrangeiros (IDE) e falta de planejamento por parte do governo federal na condução da política de precificação da gasolina, que desestimulou o consumo de etanol. No segundo artigo os resultados apontaram que não foi sem propósito que muitas usinas e destilarias encerraram suas atividades no Brasil, pois muitos escores dos fatores F1 ( modernização da agroindústria canavieira e especialização ) e F2 ( rendimentos agrícola e industrial ) foram negativos. No contexto geral dessa análise multivariada, São Paulo se manteve como o estado de posição soberana na agroindústria canavieira. No terceiro artigo os resultados constataram, sob a ótica da Nova Economia Institucional, a importância dos contratos e as estruturas de governança contratuais no âmbito deste setor no Estado do Paraná. Sob a perspectiva neocorporativista comprovaram-se o papel estratégico das organizações empresarias em torno da consecução de políticas públicas de interesses setoriais e a importância da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Açúcar e do Álcool, sob jurisdição do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), na defesa dos interesses particulares dos agentes privados.
Abstract: The period of post-deregulation of the sugarcane agroindustry in Brazil makes clear the technological paradigm advancement, in which the improvement of technological development of productive sites becomes urgent in a more competitive market, substantiating leadership and contributing for a new dynamic in the sector. Considering it, this thesis proposes a new formatting (in PGDRA ) to analyze some aspects of sugarcane agroindustry in this period, based on three papers concatenated that look into, in a general context, deepen the knowledge about the dynamic of this important sector facing, mainly, a new organization that changed the market conditions. The first paper looks for analyzing concisely and historically the evolution of sugarcane agroindustry post-deregulation (1990 2014). The second paper tries to estimate and analyze the modernization and specialization process experienced by sugarcane agroindustry from the 1990 s, using the factor analyzes procedure by means of the principal components method. With an overview from Brazil with historical perspective and from the measuring of its modernization and specialization process, the third paper makes empirical analyzes from a case study, looking into new ways of organizing according to new institutionalism and new corporatism. The results of the first paper show three distinct phases. In the first phase, 1986/1987 to 1995/1996, there was the slowdown and crisis of Proalcool Program and break down of subsidizing paradigm. The second phase, 1996/1997 to 2002/2003, there was an increasing of deregulation, showing the structural weakness and the emerging of a variety of interests. Finally, the third phase, 2003/2004 to 2013/2014, there was the resumption of ethanol with flex-fuel market, loads of Foreign Direct Investments (FDI) and lack of planning from the Federal government in the market of gasoline price, that discourage the ethanol use. In the second paper, the results show that it wasn t without intention that many plants and distilleries close down in Brazil, because many results from factors F1 (modernization and specialization process from sugarcane industry) and F2 (agricultural and industrial index) were negatives. In the general context of this multivariate analyze, São Paulo remained as the state with supreme position in sugarcane production. In the third paper the results testify, under the New Institutional Economics view, the importance of formal contracts and contractual governance structures in the full scope of this sector in the state of Paraná. It is proved, under the new corporatism view, the strategic role of business organizations about the attainment of public policies of sectional interests and the importance of Brazilian Chamber of the Productive Chain of Sugar and Alcohol, under the jurisdiction of the Ministry of Agriculture, Livestock and Food Supply ( MAPA ), defending private interests from private agents.
Keywords: Agroindústria canavieira
Análise fatorial
Neoinstitucionalismo
Neocorporativismo
Brasil
Sugarcane agroindustry
Factor analysis
New-institutionalism
New-corporatist
Brazil
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::ECONOMIAS AGRARIA E DOS RECURSOS NATURAIS::ECONOMIA AGRARIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Desenvolvimento regional e do Agronegócio
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional e Agronegócio
Citation: RISSARDI JÚNIOR, Darcy Jacob. Three essays on the sugarcane agroindustry in Brazil during the post-deregulation. 2015. 119 f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento regional e do Agronegócio) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Toledo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2168
Issue Date: 13-Jan-2015
Appears in Collections:Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio (TOL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Darcy J Rissardi Junior.pdf1.55 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.