Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/2078
Tipo do documento: Dissertação
Title: Da ambivalência e magnitude técnica à necessidade de uma nova ética na filosofia jonasiana
Other Titles: From the ambivalence and technical magnitude to the need for new ethics in jonasiana philosophy
Autor: Orcheski, Adaiana Pinto 
Primeiro orientador: Schütz, Rosalvo
Primeiro membro da banca: Hahn, Paulo
Segundo membro da banca: Heuser, Ester Maria Dreher
Terceiro membro da banca: Sganzerla, Anor
Resumo: Pretende-se, nesta dissertação, mostrar como o conceito de técnica muda de acordo com o percurso histórico. Além disso, fornece pistas para pensar as premissas da civilização tecnológica no seu contexto inédito e emergente a partir do pensamento de Hans Jonas. Em vista disso, analisar-se-á a noção de dinâmica formal e substancial da técnica e as problemáticas intrínsecas a elas, como é o caso das mudanças que a técnica sofreu ao longo dos anos; na antiguidade, as transformações ocorriam de forma lenta e em equilíbrio agora, com o passar do tempo, transformam-se em poder e fim em si mesma. A filosofia jonasiana auxiliará a constatar, no caso da técnica, os impactos sobre a vida e, compreender quando e como nos tornamos objetos dela. Diante disso, ao perceber que a técnica não possui uma dinâmica ética própria, tentaremos, seguindo as indicações de Jonas, sinalizar alguns pressupostos e caminhos para uma ética da técnica de modo que possam ser encontrados meios para guardar vidas futuras e superar o antropocentrismo. Chega-se, assim, à noção de magnitude e ambivalência técnica, noções que dizem respeito ao poder técnico, que nos leva a algo incerto, significando riscos e, mesmo quando as intenções são boas, podem originar ameaças. Nesse contexto, encontra-se a ambivalência moral, a necessidade de se ter consciência tanto dos potenciais maus e bons da nossa ação. A magnitude está emersa a questões de caráter cumulativo da técnica, onde efeitos nocivos se alastram pelo planeta, afetando até mesmo gerações vindouras e, na pior das hipóteses, impossibilitando a oportunidade de reverter seus danos. A magnitude e ambivalência técnica alcançam lugar de destaque nos dias de hoje e, consequentemente, nelas se efetiva a demanda da humanização da técnica. Assim, agindo em resposta aos efeitos da técnica na atualidade e as possíveis catástrofes futuras, Jonas exige uma ética da técnica.
Abstract: It is intended to show in this thesis how the concept of technique changes in accordance with the historical background. Besides, it also provides clues to think about the premises of technological civilization in its unprecedented and emerging context from the thought of Hans Jonas. As a result, we will be analyzing the notion of formal and substantial dynamics of technical and intrinsic problems related to them, such as the changes that the technique has been undergone over the years; in ancient times, the changes occurred slowly and in balance, along the time, they turned into power and end in itself. The jonasiana philosophy will contribute to determine, in the case of the technique, the impacts on the lives and understand when and how to become objects of it. Accordingly, as realizing that the technique does not have its own ethics dynamics, we will try to follow Jonas´ advice, signaling some assumptions and ways for an ethics of technique so that means that they can be found in order to save future lives and overcome anthropocentrism. This leads then, to the notion of magnitude and technical ambivalence, notions that concern the technical power, which leads us to uncertain, meaning risks and, even when intentions are good, they can lead us to threats. In this context, it is the moral ambivalence, the need to be aware of both good and bad potential of our action. The magnitude emerged is the cumulative nature of the technical issues where harmful effects spread throughout the planet, affecting even future generations and, at worst, precluding the opportunity to reverse its damage. The magnitude and technical ambivalence reach prominent place these days and hence; the demand of technique humanization can be effective on them. Thereby acting in response to the effects of the technique at present and possible future disasters, Jonas requires technical ethics.
Keywords: Responsabilidade
Temor
Transformação
Responsibility
Fear
Transformation
Filosofia alemã
Ciência e ética
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::FILOSOFIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Filosofia Moderna e Contemporânea
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Filosofia
Citation: ORCHESKI, Adaiana Pinto. From the ambivalence and technical magnitude to the need for new ethics in jonasiana philosophy. 2015. 73 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia Moderna e Contemporânea) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Toledo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/2078
Issue Date: 5-Aug-2015
Appears in Collections:Mestrado em Filosofia (TOL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Adaiana Pinto Orcheski.pdf1.19 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.