Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1950
Tipo do documento: Dissertação
Title: Restrição alimentar para tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)
Other Titles: Feed restriction for Nile tilapia (Oreochromis niloticus)
Autor: Lui, Tatiane Andressa 
Primeiro orientador: Boscolo, Wilson Rogério
Primeiro membro da banca: Feiden, Aldi
Segundo membro da banca: Signor, Arcangelo Augusto
Terceiro membro da banca: Brum, Jackeline Marcante Dallagnol
Resumo: Com o intuito de avaliar distintas restrições alimentares para juvenis de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) que não promova prejuízo ao peixe, analisou-se os parâmetros zootécnicos, composição centesimal do peixe inteiro, morfometria das fibras musculares, altura das vilosidades intestinais e a viabilidade econômica. Foram utilizados 160 peixes (3,23 ± 0,07 g), distribuídos em 20 hapas de malha plástica dispostos em um tanque de concreto com sistema de aeração constante por meio de soprador de ar central. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com quatro tratamentos e cinco repetições. Os tratamentos consistiram em 7:0 alimentados diariamente; 6:1 alimentados seis dias seguidos de um dia de restrição alimentar; 5:2 alimentados cinco dias seguidos de dois dias de restrição alimentar e 1:1 alimentados um dia, seguidos de um dia de restrição alimentar. Foi utilizada ração comercial com 33,70% de proteína bruta, e os peixes foram alimentados quatro vezes ao dia até a saciedade aparente durante 60 dias. Ao final do período experimental foram observadas diferenças significativas entre as distintas restrições alimentares (P<0,05) para peso final, ganho em peso, comprimento final, índice hepatossomático, gordura visceral, quociente intestinal, taxa de crescimento específico, umidade, lipídeos, matéria mineral e na frequência de fibras musculares nas classes <20 µm e entre 20 e 50 µm. A altura da vilosidade intestinal não diferiu (P>0,05) entre os tratamentos. O custo com a alimentação e a receita líquida parcial foram superiores naqueles alimentados diariamente com relação aos demais. Portanto, conclui-se que a restrição alimentar para tilápia do Nilo na fase juvenil influencia negativamente no desempenho produtivo, na composição centesimal e no crescimento muscular, sendo, esta prática inviável economicamente para a produção comercial.
Abstract: In order to assess different dietary restrictions for juvenile Nile tilapia (Oreochromis niloticus) which does not promote injury to the fish, was analyzed the following zootechnical parameters; the centesimal composition of whole fish and morphometry of muscle fibers and height of intestinal villi and the economic viability. Have been analyzed 160 fish (3.23 ± 0.07 g), over 20 nylon mesh net cages disposed in a concrete tank with central blower constant aeration system. The experimental methodology was completely randomized with four different treatments and five replications. Treatments consisted of 7: 0 - fed daily; 6: 1 - fed six straight days of a day of feed restriction; 5: 2 - fed five days followed by two days of feed restriction and 1: 1 - fed one day, followed a day of food restriction. It was used commercial feed with 33.70% crude protein, and the fish were fed four times a day to apparent satiation for 60 days. At the end of the experimental period significant differences were observed between the different dietary restrictions (P <0.05) for final weight, weight gain, final length, hepatossomatic index, visceral fat, intestinal quotient, specific growth rate, moisture, lipids, mineral matter and the rate of muscle fibers classes <20 µm and between 20 and 50 micrometers. The height of intestinal villi did not differ (P> 0.05) between treatments. The cost of food and partial net revenue were higher to those fed daily than the others. Therefore, it is concluded that dietary restriction for Nile tilapia in the juvenile stage may cause negative impact on growth performance, the chemical composition and muscle growth, making this practice indeed be uneconomical for commercial production.
Keywords: Avaliação econômica
Desempenho zootécnico
Espécie exótica
Fibra muscular
Juvenis
Regime de alimentação
Economic evaluation
Production performance
Exotic species
Muscle fiber
Juvenile
Power system
Tilápia (Peixe) - Pesos e medidas
Nutrição animal
Dieta de baixa caloria
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Citation: LUI, Tatiane Andressa. Feed restriction for Nile tilapia (Oreochromis niloticus). 2016. 48 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Toledo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1950
Issue Date: 1-Apr-2016
Appears in Collections:Mestrado em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca (TOL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Tatiane A Lui.pdf491.33 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.