Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1940
Tipo do documento: Dissertação
Title: Transporte de larvas de jundiá Rhamdia quelen (Quoy & Gaimard, 1824) em sacos plásticos
Other Titles: Transport silver catfish larvae Rhamdia quelen (Quoy & Gaimard, 1824) in plastic bags
Autor: Silva, Rodrigo Aguiar da 
Primeiro orientador: Bombardelli, Robie Allan
Primeiro membro da banca: Tessaro, Lucelia
Segundo membro da banca: Sanches, Paulo Vanderlei
Resumo: RESUMO O objetivo da pesquisa foi avaliar os efeitos da densidade e tempo de confinamento na sobrevivência de larvas de jundiá (Rhamdia quelen) à simulação de transporte. O trabalho foi composto por cinco ensaios, que juntos avaliaram o transporte das larvas em diferentes densidades e tempos de transporte. O transporte foi apenas simulado, de forma que as larvas foram confinadas em sacos plásticos que ficaram estáticos, em bandejas abastecidas por um sistema de recirculação. No primeiro ensaio foi avaliado o tempo de transporte de larvas com apenas 24 horas após a eclosão (24 HPE). No segundo, foi avaliada a densidade no transporte de larvas. No terceiro ensaio também foi avaliado o tempo de transporte, porém na densidade 45.000 (Larvas.L-1) e temperatura de 20°C. No quarto ensaio também foram avaliadas diferentes densidades, porém a 20°C, e no quinto ensaio foi avaliado o tempo de transporte de larvas já mais desenvolvidas, na densidade de 4.000 (Larvas.L-1). Os resultados mostraram que as larvas de jundiá podem ser transportadas mesmo antes de iniciarem a movimentação ativa. Também mostraram que o transporte pode ser realizado em altas densidades, até 45.000 (Larvas.L-1), na temperatura de 20°C. Larvas de 48 HPE a 25°C podem ser transportadas a 23°C, por 12 horas, em densidades de até 8.000 (Larvas.L-1), sem que haja prejuízos à sobrevivência. Larvas com idade de 120 HPE a 25° podem ser transportadas na densidade de 4.000 (Larvas.L-1), a 23°C por até 36 horas, sem que haja mortalidades significativas em decorrência do transporte.
Abstract: This work aimed to evaluate the effects of density and confinement time in the survivability of silver catfish larvae (Rhamdiaquelen) to the simulation of transport. The work was comprised by five trials that evaluated the conditions to transport larvae in different densities and periods of transport. The transportation was just simulated, the larvae were hosted into plastic bags that were kept static, and maintained in trays that were being supplied by a recirculation system. In the first trial was measured the transportation time for larvae of just 24 hours post-hatching (24 HPH). The second trial measured the density factor on larvae transport. In the third trial was also evaluated the period of transport, but at density 45.000 (Larvas.L-1) and temperature of 20°C. The fourth trial also measured different densities, but at 20°C, and the fifth and last trial measured the transporting time for more developed larvae at density 4.000 (Larvas.L-1). The results demonstrate that silver catfish larvae can be already conveyed even before they present active movement. The transportation can be held at high densities, up to 45.000 Larvae.L-1, when at 20°C. The larvae of 48 HPH at 25°C can be transported at 23°C for 12 hours at densities up to 8000 Larvae.L-1, with no survival loss. Larvae with 120 HPH at 25°C can be transported at densities of 4000 Larvae.L-1 at 23°C for even 36 hours without significant mortality as result of the transport.
Keywords: Peixe
Aquicultura
Piscicultura
Fish
Aquaculture
Pisciculture
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Program: Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Citation: SILVA, Rodrigo Aguiar da. Transport silver catfish larvae Rhamdia quelen (Quoy & Gaimard, 1824) in plastic bags. 2015. 23 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Toledo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1940
Issue Date: 4-Sep-2015
Appears in Collections:Mestrado em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca (TOL)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Rodrigo Aguiar da Silva.pdf406.85 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.