Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1638
Tipo do documento: Dissertação
Title: Balanço eletrolítico da ração de suínos em fase inicial submetidos à condição de conforto e estresse térmico
Other Titles: Electrolyte balance in the diet of pigs in initial phase subject to the condition of confort and thermal stress
Autor: Oliveira, Aparecida da Costa 
Primeiro orientador: Klosowski, Élcio Silvério
Primeiro coorientador: Pozza, Paulo Cesar
Segundo coorientador: Oliveira, Newton Tavares Escocard de
Primeiro membro da banca: Tsutsumi, Cláudio Yuji
Segundo membro da banca: Fernandes, Jovanir Inês Müller
Resumo: Este trabalho teve por objetivo estudar o balanço eletrolítico de rações sobre o metabolismo do balanço de nitrogênio, parâmetros sanguíneos, pH urinário e resposta fisiológica de suínos machos castrados na fase inicial, em condição de estresse e conforto térmico. Para o experimento foram utilizados 32 suínos machos castrados em fase inicial, com massa corporal média inicial de 18,5 ± 0,73. Distribuídos em delineamento experimental de blocos ao acaso em esquema fatorial 2x4 com quatro repetições totalizando 32 unidades experimentais. Os tratamentos foram constituídos de quatro rações isoprotéicas com 19,24% PB: R1: ração com BE 168 meq/kg; R2: ração com BE 212 meq/kg; R3: ração com BE 256 meq/kg; R4: ração com BE 300 meq/kg e duas condições térmica (conforto e estresse). Os parâmetros analisados foram Nitrogênio ingerido, excretado nas fezes, excretado na urina, absorvido, retido, retido/ingerido, retido/absorvido, excreção total, proteína bruta consumida (PBC), excretada nas fezes (PBF) e na urina (PBU), proteína bruta retida (PBR), utilização líquida de proteína (ULP), glicose, cloretos, uréia, creatinina, sódio (Na) e potássio (K), no plasma sanguíneo, pH da urina, condições ambientais da sala, frequência respiratória e temperatura retal. O uso de rações contendo níveis de BE entre 168 e 300 mEq/kg não influenciou o balanço de nitrogênio, metabolismo protéico e os parâmetros sanguíneos dos suínos. Os suínos expostos à temperatura de 21°C apresentam maiores consumo, excreção fecal de nitrogênio, proteína bruta, sódio e potássio plasmático do que suínos criados sob temperatura média de 30°C. O nitrogênio retido:ingerido (%), utilização líquida da proteína (%), Creatinina apresentaram maiores valores na condição de estresse térmico. As rações contendo níveis de BE entre 168 e 300 mEq/kg promovem aumento linear para o pH da urina. Os horários de observações diárias promoveram efeito linear positivo (p<0,05) sobre os parâmetros fisiológicos avaliados (temperatura retal e frequência respiratória). A elevação da temperatura retal foi diretamente proporcional a temperatura do ambiente. A frequência respiratória apresentou aumento (57% acima do considerado normal) na condição de estresse térmico
Abstract: This work aimed to study the electrolyte balance of diets on the metabolism of nitrogen balance, blood parameters, urinary pH and physiological response of barrows in the initial phase, in condition of stress and thermal comfort.. For the experiment were used 32 barrows in the early stages, with initial mean body mass of 18.5 ± 0.73. Distributed in experimental design of randomized blocks in a 2x4 factorial design with four replicates of 32 experimental units. The treatments consisted of four isonitrogenous diets with CP: 19.24% BE ration with 168 mEq/kg, R2: BE ration with 212 mEq/kg; R3: BE diet with 256 mEq/kg; R4: ration with EB 300 mEq/kg and two thermal conditions (comfort and stress). The parameters studied were nitrogen ingested, excreted in feces, urine excreted, absorbed, retained, retained/ingested, retained/absorbed, total excretion, protein intake (PBC), excreted in the feces (PBF) and urine (PBU) crude protein retained (PBR), net protein utilization (ULP), glucose, chloride, urea, creatinine, sodium (Na) and potassium (K) in blood plasma, urine pH, environmental conditions of the room, respiratory rate and temperature rectal cancer. The use of feed containing levels of EB between 168 and 300 mEq/kg did not influenced nitrogen balance, protein metabolism and blood parameters of pigs. Pigs exposed to 21 °C have higher consumption, fecal excretion of nitrogen, protein, sodium and potassium plasma than pigs reared under average temperature of 30 °C. Nitrogen retained: intake (%), net protein utilization (%), had higher creatinine values in the condition of thermal stress. The rations containing levels of EB between 168 and 300 mEq/kg to promote linear increase urine pH. The hours of daily observations promoted a positive linear effect (p <0.05) on the physiological parameter (rectal temperature and respiratory rate). The rise in rectal temperature was directly proportional to temperature. The respiratory rate showed an increase (57% above normal) in the heat stress condition
Keywords: Bioclimatologia
Equilíbrio ácido-base
Frequência respiratória
Parâmetros sanguíneos
Temperatura retal
Bioclimatology
Acid-base balance
Respiratory rate
Blood parameters
Rectal temperature
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRÁRIAS:ZOOTECNIA:PRODUÇÃO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: OLIVEIRA, Aparecida da Costa. Balanço eletrolítico da ração de suínos em fase inicial submetidos à condição de conforto e estresse térmico. 2012. 58 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1638
Issue Date: 10-Feb-2012
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia (MCR)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Aparecida_Oliveira_2012690.01 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.