Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1558
Tipo do documento: Dissertação
Title: Uso de vácuo e inoculante na produção de silagem de capim-Tifton 85
Other Titles: Vacuum and inoculant use in Tifton 85 silage production
Autor: Weirich, Daiane Thais 
Primeiro orientador: Neres, Marcela Abbado
Primeiro membro da banca: Zambom, Maximiliane Alavarse
Segundo membro da banca: Cecato, Ulysses
Resumo: Objetivou-se avaliar a composição bromatológica, o perfil fermentativo, perfil microbiológico e estabilidade aeróbia de silagens de capim-tifton 85, com 28 dias de ensilagem, produzidas à vácuo e sem vácuo, adicionados ou não de inoculante microbiano. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 2x2 (aplicação ou não do vácuo e inoculante), com cinco repetições. O inoculante era composto por bactérias ácido láticas (BAL): Lactobacillus acidophilus, na concentração de 3 x 109 UFC ml-1 de células viáveis por ml do produto. As variáveis para a composição bromatológica foram: matéria seca (MS), matéria mineral (MM), proteína bruta (PB), proteína insolúvel em detergente neutro (PIDN), proteína insolúvel em detergente ácido (PIDA), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), carboidratos solúveis (CHO S) carboidratos totais (CHO S totais), extrato etéreo (EE) e lignina. O pH e nitrogênio amoniacal (NH3/N total), foram avaliados antes de ensilar e após abertura da silagem. Os ácidos orgânicos (lático, acético, propiônico e butírico) foram quantificados após a abertura dos silos. No perfil microbiológico, após abertura da silagem foi realizado contagem por meio de cultura da população de Clostridium, Bacillus, Enterobactérias, bactérias ácido láticas, leveduras e fungo. A estabilidade aeróbia foi avaliada da abertura ao sexto dia de exposição da silagem ao oxigênio. Os teores de MS, PB, MM, lignina e NH3/N total não diferiram entre os tratamentos e os teores de NH3/N total foram baixos (média de 71,7 4g kg-1). O uso de vácuo e inoculante apresentaram maiores teores de CHO S solúveis (23,48 g kg-1).Os teores de FDN, FDA, celulose e PIDA foram inferiores nos tratamentos sem inoculante à vácuo. Os teores de FDA e celulose foram inferiores quando utilizado o uso de inoculante sem vácuo. Os valores de ácidos orgânicos foram baixos para ácido lático e acético e dentro do preconizado para propiônico e butírico. Os valores de pH foram inferiores com uso do vácuo, entretanto acima do valor ideal para uma boa preservação da silagem (4,2) em todos os tratamentos, com comportamento quadrático. Não houve variação na população de bactérias láticas entre os tratamentos. A população de Bacillus foi inferior com o uso de vácuo. A população de Clostridium reduziu com o uso de inoculante à vácuo em comparação a sem vácuo. A população de leveduras apresentou tendência a crescimento linear em todos os tratamentos avaliados do primeiro ao sexto dia de exposição ao oxigênio e consequentemente o aumento de temperatura que apresentou comportamento quadrático. Não se observou crescimento de fungos nas silagens durante o período de exposição ao oxigênio. A quebra da estabilidade aeróbia ocorreu a partir do 3º dia após abertura da silagem. O uso de vácuo e inoculante são alternativas que podem ser utilizadas na produção de silagem de capim-tifton 85, pois estes promovem maior queda de pH, aceleram a fase aeróbia reduzindo consumo dos carboidratos e aumenta a população de bactérias produtoras de acido lático, desta forma melhora o perfil fermentativo e microbiológico, além de reduzirem teores de fibra com lenta degradação do rúmen, melhorando a composição bromatológica
Abstract: The objective was to evaluate the chemical composition, the fermentation profile, microbiological profile and aerobic stability of Tifton 85 silage with 28 days of silage, produced with vacuum and without vacuum, with or without microbial inoculant. The experimental design was completely randomized in a 2x2 factorial arrangement (whether or not the vacuum and inoculant application), with five replications. The inoculant consisted of lactic acid bacteria (LAB): Lactobacillus acidophilus at a concentration of 3 x 109 CFU ml-1 viable cells per ml of the product. The variables for the chemical composition were: dry matter (DM), mineral matter (MM), crude protein (CP), neutral detergent insoluble protein (NDIP), acid detergent insoluble protein (ADIP), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (ADF), soluble carbohydrates (CHO'S) total carbohydrates (total CHO'S), ether extract (EE) and lignin. The pH and ammonia nitrogen (NH3/Total N) were evaluated before ensiling and after opening the silage. The organic acids (lactic, acetic, propionic and butyric) were quantified after the silo opening. In the microbiological profile, after the silage opening, it was counted by culture medium of the population of Clostridium, Bacillus, Enterobacteriaceae, lactic acid bacteria, yeasts and fungi. The aerobic stability was evaluated by the opening on the sixth day of the silage exposure to oxygen. The DM, CP, MM, lignin and NH3/total N content did not differ between treatments and the concentrations of NH3/total N were low (average of 71.7 4g kg-1). The use of vacuum and inoculant had higher levels of soluble CHO'S (23.48 g kg-1). NDF, ADF, cellulose and ADIP contents were lower in treatments without inoculation with vacuum. The ADF and cellulose content were lower when using the inoculant without vacuum. The values of organic acids were low for lactic and acetic acid and within levels recommended for propionic and butyric. The pH values were lower with vacuum use, however above the ideal value for a good preservation of the silage (4.2) in all treatments, with quadratic behavior. There was no variation in the population of lactic acid bacteria between treatments. The Bacillus population was lower with the use of vacuum. The population of Clostridium reduced with the use of inoculant with vacuum compared to the one without vacuum. The population of yeast tended to linear growth in all evaluated treatments from the first to the sixth day of exposure to oxygen and consequently the increase of temperature that showed a quadratic behavior. There was no growth of fungi in the silage during the period of exposure to oxygen. The breaking of aerobic stability occurred from the 3rd day after opening the silage. The use of vacuum and inoculant are alternatives which can be used in the production of silage Tifton 85, since they promote greater drop in pH, accelerate the aerobic phase reducing consumption of carbohydrates and increases the population of lactic acid producer bacteria, thus improving the fermentation and microbiological profile, and reducing fiber content with slow degradation of the rumen, improving the chemical composition
Keywords: Ácidos orgânicos
Bactérias
Fermentação
pH
Organic acids
Bacteria
Fermentation
pH
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRÁRIAS:ZOOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: WEIRICH, Daiane Thais. Uso de vácuo e inoculante na produção de silagem de capim-Tifton 85. 2015. 71 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1558
Issue Date: 20-Feb-2015
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia (MCR)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Daiane_Weirich_20151.61 MBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.