Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1381
Tipo do documento: Dissertação
Title: Influência do espaçamento entre linhas na fenologia, produtividade de biomassa e de grãos em genótipos de milheto pérola
Other Titles: The influence of space between the lines phenology and production of biomass and grains in genotypes of pearl millet
Autor: Priesnitz, Rafael 
Primeiro orientador: Costa, Antonio Carlos Torres da
Primeiro membro da banca: Oliveira, Paulo Sérgio Rabello de
Segundo membro da banca: Silva, Claudio Medeiros da
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do espaçamento entre linhas na fenologia, no rendimento de biomassa e de grãos nos cultivares Comum e IPA-BULK 1 de milheto pérola. O experimento foi instalado na Fazenda Experimental Dr. Antônio Carlos Santos Pessoa (Unioeste), situada na Linha guará, município de Marechal Cândido Rondon PR. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, em esquema fatorial 2x4, com quatro repetições. Nos tratamentos utilizou-se dois genótipos (Comum e IPA-BULK 1), conduzidos em quatro espaçamentos (20, 40, 60 e 80cm) em parcelas de 12m2. Utilizou-se como densidade de semeadura 25 kg ha-1 de sementes para todos os tratamentos. A semeadura foi realizada manualmente no dia 10 de outubro de 2008. Avaliou-se o número de dias e quantidade de unidades térmicas necessárias para atingir cada estágio fenológico, bem como, a produção de biomassa e de grãos. Em relação a fenologia e a quantidade de unidades térmicas, as cultivares tiveram comportamento semelhante, necessitando em média 90,28 dias e 795,40 unidades térmicas para atingir a maturação fisiológica. O espaçamento influenciou de forma significativa na produção de biomassa. Observou-se que a produção de biomassa decresceu em função do aumento no espaçamento entre linhas. O espaçamento de 20cm entre linhas foi o que apresentou, em média, maior produção de massa verde e massa seca no estádio de grão pastoso, com 50,84 ton ha-1 e 17,60 ton ha-1, respectivamente: massa verde e massa seca no estádio de maturação fisiológica, com 57,58 ton ha-1 e 22,39 ton ha-1, respectivamente. Observou-se uma interação significativa entre os fatores cultivar e espaçamento para a produção de massa seca na maturação fisiológica e para a produção de grãos. De maneira geral, as cultivares tiveram um bom rendimento de biomassa e de grãos, podendo desta forma ser cultivadas na região de Marechal Cândido Rondon PR, sendo uma importante alternativa para a cobertura do solo no sistema plantio direto e também como fonte de alimentação de animais
Abstract: The objective of this study was to evaluate the influence of spacing between lines in phenology, the yield of biomass and grain cultivars in common and IPA-BULK 1 pearl millet. The experiment was installed at the Experimental Farm Dr. Antônio Carlos Santos Pessoa (Unioeste), located on Guará Line, Marechal Cândido Rondon PR city. The experimental design was randomized blocks in factorial scheme 2x4, with four replications. In the treatments were used two genotypes (Usual IPA and BULK-1), conducted at four spacings (20, 40, 60 e 80cm) in plots of 12m2. It was used as seeding rate of 25 kg ha-1 seeds for all treatments. Sowing was done manually on October 10, 2008. It was avaluated the number of days and number of thermal units needed to reach each developmental stage, and the biomass production and grain. In relation to phenology and the number of thermal units, the cultivar had similar, requiring an average of 90.28 days and 795.40 thermal units to reach physiological maturity. The spacing significantly influenced the production of biomass. It was observed that the biomass production decreased in function of the increase in row spacing. The spacing of 20cm between rows was the, on average, increased production of green mass and dry mass at the stage of grain paste with 50.84 ton ha-1 and 17.60 ton ha-1 respectively, green mass and dry mass at the stage of physiological maturity, with 57.58 ton ha-1 and 22.39 ton ha-1 respectively. There was a significant interaction between the factors cultivar and spacing for the production of dry matter in the physiological maturity and grain production. In general, the cultivars had a good yield of biomass and grain, so it can be grown in the region of Marechal Cândido Rondon PR, it is an important alternative for the soil cover in tillage system and also as the power source of animals feeding
Keywords: Pennisetum glaucum
arranjo espacial
estádios fenológicos
Pennisetum glaucum
spatial arrangement
phonological stages
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Produção Vegetal
Program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia - Nível Mestrado
Citation: PRIESNITZ, Rafael. The influence of space between the lines phenology and production of biomass and grains in genotypes of pearl millet. 2009. 73 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Marechal Cândido Rondon, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1381
Issue Date: 30-Jul-2009
Appears in Collections:Mestrado em Agronomia (MCR)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Rafael_Priesnitz.pdf593.62 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.