Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1285
Tipo do documento: Dissertação
Title: Espaçamento, adubação nitrogenada e potássica em cobertura na cultura do milho
Other Titles: Row spacing, nitrogen and potassium fertilization in covering for the corn culture
Autor: Deparis, Gelavir Antonio 
Primeiro orientador: Lana, Maria do Carmo
Segundo membro da banca: Guimarães, Vandeir Francisco
Resumo: O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito da redução de espaçamento entre linhas e da adubação nitrogenada e potássica em cobertura, na eficiência de absorção de nutrientes, na produtividade, componentes da produção e variáveis biométricas na cultura do milho, híbrido Penta, ciclo precoce. O experimento foi instalado em Cascavel, Pr, na área do Centro Tecnológico Coopavel (CTC), no ano agrícola de 2004/05, em Latossolo Vermelho eutroférrico, em sistema plantio direto. Foram estudados três espaçamentos entre linhas (0,45; 0,67 e 0,90 m), com uma população de 55.000 plantas ha-1, adequadas a cada espaçamento, com quatro repetições. O delineamento experimental consistiu de blocos inteiramente casualizados, dispostos em parcelas subdivididas. Utilizaram-se 13 combinações de sete doses de nitrogênio (8; 20; 40; 80; 120; 140 e 152 kg ha-1 de N), como sulfato de amônio, com sete doses de potássio (3; 7,5; 15; 30; 45; 52,5 e 57 kg ha-1 de K2O), como cloreto de potássio. Estes tratamentos foram alocados nas subparcelas e na parcela principal foram alocados os espaçamentos totalizando 39 tratamentos. A redução do espaçamento entre linhas, de 0,90 m para 0,45 m mantendo a mesma população por área proporcionou aumento da produção de biomassa seca total e também maior eficiência na absorção de nitrogênio e potássio e maior eficiência no uso de N e K no grão, em conseqüência da melhor distribuição espacial das plantas. As variações no espaçamento entre linhas de 0,45; 0,67 e 0,90 m, mantendo-se a mesma população de plantas não resultaram em variações na produtividade de grãos para o milho. Verificou-se aumento linear na produtividade e da produção de biomassa seca da parte aérea até a dose de 152 kg ha-1 de N em cobertura. A adubação com potássio proporcionou aumento da produção de biomassa seca da parte aérea, mas não influiu na produtividade. Doses acima de 80 kg ha-1 de N e 30 kg ha-1 de K2O resultaram em menor eficiência de uso dos fertilizantes nitrogenados e potássicos
Abstract: This work had the objective of evaluate the effect of reduction of the spacement between lines and the nitrogen and potassium fertilization in covering, efficiency of absorption of nutrients, productivity, production components and changeable biometrics in the corn culture, hybrid Penta, and early cycle. The experiment was installed in Cascavel, PR in the area of Centro Tecnológico Coopavel (CTC), in the agricultural year of 2004/05, in eutroferric Red Latosol, no-tillage system. It was studied three spacements between lines (0,45; 0,67 e 0,90 m), with a population of 55.000 plants ha 1, appropriated to each spacement, with four repetition. The experimental delimitation consisted of blocks whole casualized, arranged in subdivided portions. It was used 13 combinations of seven nitrogen doses (8; 20; 40; 80; 120; 140 e 152 kg ha 1 de N), as ammonium sulfate, with seven potassium doses (3; 7,5; 15; 30; 45; 52,5 e 57 kg ha 1 de K2O), as potassium chloride. These treatments were allocated in the subportions and in the main portion were allocated the spacements adding 39 treatments. The reduction of spacement between lines of 0,90 m to 0,45 m maintaining the same population in each area proportioned the increase of whole dry biomass production and also more efficiency in the absorption of nitrogen and potassium and more efficiency in using N and K in the grain, in consequence of better spatial distribution of the plants. The variations in the interlines spacing of 0,45; 0,67 e 0,90 m, maintaining the same population of plants did not resulted in variations in the productivity of grains for corn. It was verified a linear increase in the productivity and dry biomass production in the air part to the of 152 kg ha-1 of in covering. The fertilization with potassium proportioned increase of the production of dry biomass of the air part, but it did not influenced in the productivity. Doses above 80 kg ha-1 of N and 30 kg ha 1 of K2O, resulted in less using efficiency of nitrogen and potassium fertilizers
Keywords: Zea mays
Arranjo de plantas
Nitrogênio
Potássio
Zea mays
Plants arrangement
Nitrogen
Potassium
CNPq areas: CIÊNCIAS AGRARIAS:AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Centro de Ciências Agrárias
Program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Campun: Marechal Cândido Rondon
Citation: DEPARIS, Gelavir Antonio. Espaçamento, adubação nitrogenada e potássica em cobertura na cultura do milho. 2006. 63 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Marechal Cândido Rondon, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1285
Issue Date: 1-Sep-2006
Appears in Collections:Mestrado em Agronomia (MCR)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Gelavir_Deparis_2006355.26 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.