Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1271
Tipo do documento: Dissertação
Title: Influência do espaçamento, população de plantas e hí­bridos na intensidade de doenças e fatores de produção de milho safrinha
Other Titles: Influence of row spacing, plant population and hybrids on disease intensity and production factors of short season corn
Autor: Fontoura, Darci da 
Primeiro orientador: Stangarlin, José Renato
Primeiro membro da banca: Furlanetto, Cleber
Segundo membro da banca: Peralta, Alejandro
Resumo: Apesar da área de milho safrinha ter aumentado em aproximadamente dez vezes nos últimos 15 anos, poucos estudos foram relatados nesse ambiente específico. O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito do arranjo espacial gerado pelo espaçamento entre linhas e pela população de plantas na intensidade de doenças em milho safrinha. O experimento foi conduzido em Toledo/PR por dois anos consecutivos, nas safrinhas de 2004 e de 2005. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com quatro repetições, em esquema fatorial, tendo como primeiro fator o híbrido (X1392D, 30F80, 30K75 e 30P70) e como segundo fator o espaçamento entre linhas (38 cm, misto com 38 e 76 cm na mesma parcela ou 76 cm) ou a população de plantas (45, 60 e 75 mil plantas ha-1). Os híbridos foram escolhidos de forma que dois tivessem arquitetura foliar ereta e dois tivessem arquitetura foliar horizontal, além de níveis diferentes de tolerância às principais doenças. Foram avaliadas a incidência e a severidade dos principais fungos fitopatogênicos responsáveis por doenças foliares, de colmo e de espiga, a incidência de parâmetros genéricos como grão ardido, acamamento de raiz, acamamento de colmo e doenças da base do colmo, além dos fatores de produção e produtividade. O microclima gerado pela redução do espaçamento entre linhas ou pelo aumento da população de plantas resultou em aumento na intensidade de doenças de colmo e de espiga, porém não reduziu a produtividade na mesma proporção. Por outro lado, essa resposta é dependente do híbrido e da condição climática de cada ano agrícola. A temperatura interna da parcela não foi afetada pelo arranjo espacial, porém a arquitetura foliar afetou a temperatura máxima ainda que não estivesse diretamente relacionada à intensidade de doença
Abstract: Although the safrinha (short season) corn area had almost a tenfold increase during the last 15 years, few studies were reported on this specific environment. The objective of the current study was to evaluate the effect of the spatial arrangement created by row spacing or by plant population on corn disease intensity in the safrinha environment. The experiment was installed in Toledo/PR for two consecutive years, 2004 and 2005. It was a randomized complete block design with 4 replications, on a factorial scheme with hybrid as the first factor (X1392D, 30F80, 30K75 and 30P70) and row spacing (38 cm, mix with 38 and 76 cm or 76 cm) or plant population (45, 60 and 75 thousand plants ha-1) as the second factor. The hybrids were selected in order to fill the following requirements: two of them had erect leaf architecture and the other two had horizontal leaf architecture, besides a different tolerance level for the main corn diseases. The incidence and severity of the leaf, stalk and ear pathogenic fungus, the incidence of generic parameters as kernel rot, root lodging, stalk lodging, besides the production factors and productivity were evaluated. Although higher plant populations and narrower row spacing resulted in higher disease intensity, there was a tendency of better yields under these treatments. On the other hand, it was dependant on the hybrid and climate condition of each growing year. The internal temperature of each plot was not affected by the spatial arrangement, however the leaf architecture affected the maximum temperature, even though it was not directly related to the disease intensity
Keywords: Doenças de milho safrinha
Espaçamento entre linhas
População de plantas
Zea mays
Safrinha crop corn diseases
Row spacing
Plant population
Zea mays
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Produção Vegetal
Program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia - Nível Mestrado
Citation: FONTOURA, Darci da. Influence of row spacing, plant population and hybrids on disease intensity and production factors of short season corn. 2005. 92 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Marechal Cândido Rondon, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1271
Issue Date: 25-Nov-2005
Appears in Collections:Mestrado em Agronomia (MCR)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Darci da Fontoura.pdf806.7 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.