Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unioeste.br/handle/tede/1268
Tipo do documento: Dissertação
Title: Influência de dinamizações de Mercurius solubilis em enzimas de defesa, crescimento da soja e no controle de Pratylenchus brachyurus
Other Titles: Influence of Mercurius solubilis dynamizations in defense enzymes and growth of soybean and control of Pratylenchus brachyurus
Autor: Müller, Mônica Anghinoni 
Primeiro orientador: Stangarlin, José Renato
Primeiro membro da banca: Toledo, Márcia Vargas
Segundo membro da banca: Kuhn, Odair José
Resumo: O nematoide Pratylenchus brachyurus conhecido como nematoide das lesões, afeta a cultura da soja causado danos expressivos, isso faz com que haja a necessidade de desenvolver alternativas que supram o controle dos patógenos, agregando em produtividade. Objetivou-se então, verificar a influência do medicamento homeopático Mercurius solubilis em diferentes dinamizações nas plantas de soja e no controle de P. brachyurus. Para tanto, foram conduzidos três experimentos em casa de vegetação climatizada, testando-se as dinamizações de 6, 12, 24, 50, 100, 200 e 400CH (centesimal hahnemanniana) de Mercurius solubilis, Etanol 30% e plantas sadias (não tratada e não inoculada) foram utilizadas como tratamento testemunha. Os tratamentos foram aplicados semanalmente a partir do estádio fenológico V3 da soja. Três dias após o primeiro tratamento, foi feita a inoculação dos nematoides. Decorridos 50 e 70 dias após a inoculação do primeiro e segundo experimento respectivamente, foram realizadas as avaliações de altura de parte aérea, diâmetro do coleto, número de vagens por planta, massa seca de parte aérea, massa seca de folha+pecíolo+caule, massa seca total de vagens, massa seca por vagem, massa fresca de raiz, e contagem de juvenis, adultos e ovos presentes no solo e na raiz, e determinado o fator de reprodução (FR). No terceiro experimento, foram quantificadas enzimas envolvidas no metabolismo secundário das plantas, peroxidase (POX), fenilalanina amônia-liase (FAL) e a polifenoloxidase (PFO). As coletas das amostras de raízes foram realizadas no intervalo de 0, 3, 7 e 14 dias após o tratamento (DAT) sendo que no 3º DAT foi feita a inoculação. Em laboratório foi realizado experimento in vitro para avaliação de motilidade e mortalidade, uma solução de água destilada contendo 100 juvenis e adultos mL-1 foi depositada em recipiente plástico, e adicionados 7 mL dos tratamentos testados in vivo na diluição de 0,1%. Os experimentos foram conduzidos em delineamento em blocos casualizados. As dinamizações 24CH, 50CH, 100CH e 200CH reduzem o número de juvenis e adultos presentes no solo, assim como o fator de reprodução, além disso, a dinamização 100CH é capaz de interferir em aspectos produtivos pelo aumento de 107,5% no número de vagens quando comparada à testemunha etanol 30%, assim como a dinamização 6CH e 12CH. Para POX a atividade enzimática foi superior para as dinamizações 6CH, 100CH e 400CH, em 3, 7 e 14 DAT respectivamente. A atividade de FAL apresentou incrementos de 79,93%, 80,72% e 84,10% nas dinamizações 6CH, 12CH e 24CH respectivamente em relação à testemunha absoluta, 3 DAT. 14 dias após o primeiro tratamento, a dinamização 400CH mostrou um aumento na atividade enzimática de 53,41% e 32,21% quando comparada à testemunha etanol 30% e testemunha absoluta respectivamente. A dinamização 24CH quando comparada a testemunha absoluta mostrou um acréscimo de 41,10% na atividade enzimática. Assim Mercurius solubilis pode ser uma alternativa potencial para o controle de P. brachyurus
Abstract: The nematode Pratylenchus brachyurus known as nematode lesions, affects the soybean crop caused significant damage, this means that there is a need to develop alternatives that supply the control of pathogens by aggregating in productivity. Then the objective is to verify the influence of homeopathic Mercurius solubilis in different potencies in soybean plants and on control of the nematode. For this, three experiments were carried out in climatized greenhouse, testing the potencies of 6, 12, 24, 50, 100, 200 and 400CH (centesimal Hahnemannian) of Mercurius solubilis, ethanol 30% and healthy plants (untreated and not inoculated) were used as control treatment. The treatments were applied weekly from the V3 growth stage of soybeans. Three days after the first treatment, inoculation of nematodes was done. After 50 and 70 days after inoculation of the first and second experiment respectively, were made assessments of the aerial part height, stem diameter, number of pods per plant, dry weight of aerial part, dry weight of leaf + petiole + stem, dry mass of total pods, dry weight per pod, fresh weight of root, and were count juvenile, adults and eggs in the soil and in roots, and determined the reproduction factor (RF). In the third experiment, were quantified enzymes involved in secondary metabolism of plants, peroxidase (POX), phenylalanine ammonia lyase (PAL) and polyphenol oxidase (PPO). The sample of roots were taken at intervals of 0, 3, 7 and 14 days after treatment (DAT) and in the 3rd DAT, inoculation was made. In laboratory was conducted a experiment to evaluate in vitro motility and mortality, a distilled water solution containing 100 ml-1 juveniles and adults were placed in plastic container and add 7 mL of in vivo treatments tested at a dilution of 0.1%. The experiments were conducted in a randomized block design. The potencies 24CH, 50CH, 200CH and 100CH reduce the number of adults and juveniles in soil, as well as the reproduction factor, furthermore 100CH is able to interfere in the productive aspects, increasing 107.5% in the number of pods when compared to the control ethanol 30%, as well as dynamization 6CH and 12CH. To POX the enzymatic activity was higher for dynamizations 6CH, 100CH and 400CH, 3, 7 and 14 DAT respectively. The PAL activity presented increases of 79.93%, 80.72% and 84.10% in dynamizations 6CH, 12CH and 24CH respectively compared to control treatment, 3 DAT. 14 days after the first treatment, 400CH dynamization showed an increase in the enzymatic activity of 53.41% and 32.21% when compared to the control ethanol 30% and absolute control respectively. The dynamization 24CH when compared to absolute control showed an increase of 41.10% in the enzymatic activity. So Mercurius solubilis may be a potential alternative for the control of the nematode
Keywords: metabolismo secundário
análises bioquímicas
nematoide
homeopatia
secondary metabolism
biochemical analyzes
nematodes
homeopathy
CNPq areas: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Publisher: Universidade Estadual do Oeste do Parana
Sigla da instituição: UNIOESTE
Departamento: Produção Vegetal
Program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia - Nível Mestrado
Citation: MÜLLER, Mônica Anghinoni. Influence of Mercurius solubilis dynamizations in defense enzymes and growth of soybean and control of Pratylenchus brachyurus. 2015. 38 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade Estadual do Oeste do Parana, Marechal Cândido Rondon, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unioeste.br:8080/tede/handle/tede/1268
Issue Date: 20-Feb-2015
Appears in Collections:Mestrado em Agronomia (MCR)

Files in This Item:
File SizeFormat 
Monica_Anghinoni_Muller.pdf738.95 kBAdobe PDFView/Open Preview


Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.